Fernanda Costa, ativista da ideologia de gênero do PSOL, destratou mendiga em vídeo #boato

Boato – As imagens mostram Fernanda Costa, que é ativista da ideologia de gênero do PSOL, debochando de uma mendiga. O vídeo foi postado em sua rede social e ela foi detonada na web.

Um vídeo publicado essa semana nas redes sociais chamou a atenção dos internautas e causou revolta na internet. Nas imagens, uma mulher aparece debochando de uma mendiga, já idosa, que apareceu no meio da gravação de um vídeo para o Instagram, no que parecia um saguão de uma rodoviária. “Não tenho, senhora. A senhora tem troco para 100? (risos)”, falou a mulher no vídeo.

Depois que o vídeo viralizou começou a circular a informação de que ela, identificada como Fernanda Costa, seria uma “ativista da ideologia de gênero do PSOL”. Veja o texto original da publicação que está circulando online entre os internautas que não aprovaram a atitude da mulher: “ATIVISTA DA IDEOLOGIA DE GÊNEROS DO PSOL, FERNANDA COSTA DEBOCHA DE UMA MENDIGA”. 

Fernanda Costa, ativista da ideologia de gênero do PSOL, destratou mendiga em vídeo?

É claro que um vídeo como esse viralizaria na web e deixaria muitas pessoas revoltadas com a atitude da moça em relação à idosa pedinte, uma vez que esta foi colocada em situação humilhante e constrangida nas imagens que foram a público. Ainda mais se pensarmos também que a tal mulher supostamente é uma ativista de uma das causas mais importantes hoje no país, assim como associada a um partido político popular.

Mas será mesmo que toda essa história é mesmo verdade? A moça que aparece no vídeo é mesmo ativista da ideologia de gênero do PSOL e se chama Fernanda Costa? A resposta é não! E nós te explicamos toda essa confusão a partir de alguns fatos.

O primeiro deles é que a mensagem da publicação que está sendo compartilhada nas redes sociais carrega todas as características de fake news: é vaga (não explica como se deu a situação), alarmista (tem o intuito de gerar alvoroço e revolta dos internautas), possui erros de português e tampouco cita fontes confiáveis que comprovem que a mulher seja ativista da ideologia de gênero do PSOL e que sequer se chama Fernanda Costa.

Em segundo lugar, outro fato é que não é de hoje que vídeos fora do contexto são usados para criar boatos online, especialmente ligados à causas sociais importantes ou partidos políticos populares, como é o caso do partido.

Inclusive, aqui no Boatos.org., nós já desmentimos alguns no mesmo estilo, como o suposto caso em que os partidos políticos PT, PSOL e PCdoB teriam transformado a Praia Vermelha (Urca) em uma praia de nudismo; o curioso boato em que o PT, PcdoB, PSOL e REDE teriam feito marcha para Satanás; além da história manjada que dizia que Glauber Braga, deputado do PSOL que chamou Sérgio Moro de ladrão, teria recebido propina e escondido na cueca.

Em todos esses casos, imagens gravadas em outro momento foram usadas para inventar boatos e causar burburinho na internet, como também foi o nosso caso de hoje.

Isso porque, ao fazermos uma busca sobre o assunto, descobrimos que, de fato, o vídeo é real. No entanto, a mulher que humilha a mendiga não é trata uma ativista de ideologia de gênero (até porque ninguém é ativista desse tipo de causa, uma vez que são os críticos que usam esse termo), e sim uma blogueira manauara chamada Fernanda Coxta (e não Fernanda Costa, como diz o boato).

Fernanda Coxta é, na realidade, uma digital influencer e modelo de Manaus e não tem relação nenhuma com a causa da ideologia de gênero. Porém, o caso realmente aconteceu e, após postar os Stories em seu perfil no Instagram, a blogueira chegou a perder quase metade dos seus seguidores na rede social (de 300 mil para 150 mil, aproximadamente), que ficaram revoltados com o tratamento de Fernanda com a senhora pedinte no vídeo.

A influencer até chegou a postar um vídeo após o ocorrido negando ter destratado a mendiga. Ela chorou ao afirmar que estava sendo bombardeada na última foto postada na rede social. Veja a história completa aqui.

Resumindo: Apesar de o vídeo que mostra uma mulher destratando uma mendiga ser real, o fato é que ela não é uma ativista da ideologia de gênero do PSOL e, na verdade, se chamada Fernanda Coxta (e não Fernanda Costa), uma blogueira e modelo de Manaus famosa no Instagram. As imagens do vídeo foram usadas fora do contexto para gerar mais um boato online de cunho político.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)