Editorial do O Globo aponta que Brasil não é mais presidencialista e pede intervenção #boato

Boato – Editorial do jornal O Globo, o Brasil deixou de ser um país presidencialista, que Bolsonaro virou um ‘boneco de ventríloquo” nas mãos de congressistas, juízes, procuradores e ministros de ‘má fé’ e que o único jeito seria uma intervenção militar.

A polarização política se alastrou pelas redes sociais e, por causa dela, todos os dias surgem notícias (verdadeiras ou não) em torno de debates, partidos, grupos e figuras políticas que dão o que falar entre os internautas.

Desta vez, circula pela web um suposto editorial do jornal O Globo que diz que o Brasil não é mais um país presidencialista. O texto questiona supostas contestações em torno da gestão e exercício do cargo de presidente da República que vem acontecendo nos dias atuais, que não deveriam ocorrer dentro de um regime presidencialista.

De acordo com a publicação, os dois principais motivos seriam o fato de a esquerda não se conformar em perder o poder, por acreditar que a democracia só emana deste lado político, e de Jair Bolsonaro, eleito presidente da República por mais de 57 milhões de brasileiros, ter virado um boneco de ventríloquo nas mãos de autoridades como congressistas, juízes procuradores e ministros de ‘má fé’. Sendo assim, o único jeito para o país seria uma intervenção militar. Veja o que diz um trecho do suposto editorial que está se espalhando pela internet:

EDITORIAL DE O GLOBO Segunda-feira 20.05.2019. Não vivemos mais um regime Presidencialista! Que eu saiba, questões de gestão inerentes ao exercício do Poder determinadas pelo Presidente da República, jamais foram contestadas ao longo do tempo. Nos estranhos dias atuais, onde a esquerda não se conforma em perder o Poder e acha que democracia é o poder que emana do lado esquerdo do povo, o Presidente da República, Jair Bolsonaro, legitimamente eleito por mais de 57 milhões de brasileiros, virou um títere, um boneco de ventríloquo nas mãos de Congressistas, Juízes, Procuradores e Ministros de má fé suportados pela mídia. […]

É, meus amigos, acho que este País só tem um jeito: Intervenção militar e fechamento de Congresso, Judiciário e o escambau. Ai esses filhos da puta desses políticos corruptos, esses juizinhos engajados de merda, esses artistas e essa mídia de bosta, toda essa gentalha que não se conforma em perder as eleições, que não admite que o Brasil abomina a esquerda e que não quer ver um governo democrático funcionar, vai ver o que é bom e ai, sim, vai poder discutir, na prática e com conhecimento de causa, aqui e agora, se o que acontecer é golpe, é revolução, é ditadura, é contra-revolução ou é simplesmente a reação de um povo de saco cheio, como o foi em 64. ps: se concordar, compartilhe, pois estou bloqueado e este perfil é super limitado, não atinge nem 100 pessoas. Obrigado.

Editorial do O Globo aponta que Brasil não é mais presidencialista e pede intervenção?

Após mais de 30 anos do fim da Ditadura Militar no Brasil, não é difícil encontrar pessoas, entre anônimas e figuras públicas, que defendem a volta do regime, alegando que o país naquela época era melhor. Mas será mesmo que o veículo publicou o tal texto? A resposta é não! E nós te provamos o porquê a partir dos seguintes fatos.

O primeiro deles é que não são raras as vezes em que vimos circulando pela internet notícias impactantes (especialmente, de apoio explícito à direita) sendo atribuídas a jornais para dar uma falsa credibilidade ao boato. Algumas delas, nós da equipe do Boatos.org até já desmentimos por aqui, como o caso da suposta carta ao Diário de S. Paulo do cantor Roger Moreira, do Ultraje a Rigor, pedindo perdão por ter lutado contra a Ditadura; da suposta carta de Lulu Santos ao Diário de S. Paulo reclamando sobre o INSS, salários de políticos e de pessoas que lutaram contra a Ditadura e outros. Em todos esses casos, vimos mensagens chocantes supostamente dadas por personalidades conhecidas na mídia sendo vinculadas a veículos de comunicação em massa.

Ainda, outro motivo que nos levou a desconfiar que toda essa história do editorial do O Globo não passa de uma farsa foi o fato de que a mensagem da publicação destoa totalmente da linha editorial do jornal, apontada por alguns até como crítica ao governo Bolsonaro. Ora, diante disso, seria muito estranho ver o veículo publicando editoriais com debates de direita tão extremistas como este que pede uma intervenção militar, concorda?

E para comprovar, fizemos então uma busca pelo editorial do jornal na data descrita na publicação: 20/05/2019. Como você pode ver nesse link, o texto publicado neste dia não tem nada a ver com o assunto tratado aqui hoje. Fala sobre a retaliação de partidos políticos à Operação Lava-Jato e Sérgio Moro ao pedirem a remoção do Coaf da estrutura do Ministério da Justiça. Ou seja, nada de pedido de intervenção militar.

Além disso, na mesma busca pelo falso editorial, também descobrimos que ele já estava na internet antes mesmo do dia 20/05. Na realidade, ele foi publicado em abril em um blog, como você pode ver aqui.

Resumindo: o suposto editorial do O Globo falando que o Brasil não é mais presidencialista e pedindo intervenção militar que circula na internet é falso. Toda essa história não passa de balela, já que o verdadeiro texto publicado pelo veículo no dia 20/05/2019 é diferente do que está sendo divulgado nas redes sociais. Além disso, o falso editorial já estava sendo espalhado na internet antes mesmo dessa data. Ou seja, mais um boato manjado.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)