Câncer de Lula voltou e ele está internado no hospital Sírio-Libanês #boato

Boato – Agora, descobriram o verdadeiro motivo do sumiço de Lula. Na realidade, o câncer dele voltou e, por isso, ele está internado do hospital Sírio-Libanês.

Há alguns dias, o Boatos.org desmentiu a informação falsa que apontava que Lula estava internado no hospital Sírio-Libanês por conta de um infarto ou AVC. Hoje, vamos falar de outro “motivo” para a internet.

De acordo com mensagens que circulam online, Lula foi internado no Sírio-Libanês, em São Paulo, porque o câncer que ele teve em 2011 teria voltado. Mensagens apontam, ainda, que o ex-presidente estaria em “estado gravíssimo”. Leia algumas das mensagens que circulam online:

Versão 1: URGENTE: Lula está internado em estado gravíssimo no sírio libanês devido a complicações do tratamento do câncer  Toda imprensa já está no local BOMBAAAAAA!!!!!!!! Versão 2: “Linfonodo cervicais visíveis, devido a recidiva loco-regional. Tem sido visto, indo de madrugada no Sírio Libanês para tratamento oncológico especializado. Ele vai morrer de câncer. Lula não vai governar! Só voltou para trazer a desgraça a este país! “ Versão 3: Notícias sobre o nine! pós radioterapia ou Recidiva, com certeza Paulo Marçal falou q ele tem sido visto indo de madrugada no Sírio Libanês Ele vai morrer de câncer! Eu já falei!!! Lula não vai governar! Vai ser consumido pelo câncer Por isso foi se batizar na Umbanda,

Câncer de Lula voltou e ele está internado no hospital Sírio-Libanês?

A mensagem (assim como a que apontava para o “infarto”) se espalhou com todas as forças na internet. E, assim como no outro caso, é falsa a informação que aponta que o ex-presidente está em “estado gravíssimo” por conta do “câncer que voltou”.

A informação (que vem em mensagens com características de fake news como o caráter vago, o tom alarmista, os erros de português e a falta de citação de fontes confiáveis) é uma bomba e careceria de duas coisas: 1) Provas. 2) Algum registro em fontes confiáveis.

Como é possível ver nas mensagens (ou áudios) não há nenhum elemento que comprove que o ex-presidente foi levado ao Sírio-Libanês. Ao contrário, quando a história começou a circular na internet, Lula estava de férias na Bahia e não havia nada que indicasse qualquer anormalidade. Lula voltou a São Paulo apenas no sábado (5).

Ao buscar por fontes oficiais (perfis de Lula e Janja ou de pessoas ligadas à campanha) ou mesmo na mídia, nada encontramos. Ou seja: a história do câncer “brotou” em perfis de redes sociais, curiosamente, de pessoas que não parecem se preocupar muito com a saúde do presidente eleito.

Mais do que isso, há algumas contradições que impedem que a história tenha, pelo menos, verossimilhança. Primeiro, porque esse povo não se decide pelo motivo que Lula estaria no Sírio-Libanês. Já vimos mensagens sobre infarto, AVC, câncer e até pneumonia. Isso é prova que a informação não passa de um chuto.

Segundo porque se Lula estivesse, de fato, com um câncer gravíssimo, ele não teria aguentado o tranco da duríssima campanha eleitoral. O como vocês puderam, ele participou da campanha com intensidade (assim como, por exemplo, Bolsonaro).

Resumindo: é falsa a informação que aponta que Lula foi internado com câncer no hospital Sírio-Libanês. Trata-se de uma “evolução de outra fake news” que circulou nos últimos dias.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3sexfTk
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet