Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Política > Bolsonaro vai acabar com férias remuneradas com a MP 1045/2022 #boato

Bolsonaro vai acabar com férias remuneradas com a MP 1045/2022 #boato

Bolsonaro vai acabar com férias remuneradas com a MP 10452022, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – O presidente Jair Bolsonaro resolveu acabar com as férias remuneradas e outros benefícios a partir do ano que vem com a MP 1045/2022. Ela vai ser aprovada no Congresso.

A contagem regressiva para o dia das eleições vai seguindo e, com ela, o número de fake news está se modificando. A última história que circula na internet aponta para uma Medida Provisória de Bolsonaro que visa acabar com direitos de trabalhadores. Seria a MP 1045/2022.

Textos que circulam na internet e o vídeo de um homem apontam que o presidente Jair Bolsonaro resolveu acabar com direitos trabalhistas como o 13º salário, FGTS e férias remuneradas a partir de 2023 com a MP 1045/2022. Leia algumas mensagens que circulam online e leia a transcrição do vídeo:

Versão 1: Está em pauta na câmara MP 1045  editada pelo governo Bolsonaro. A proposta institui uma minirreforma trabalhista inconstitucional que retira direitos dos trabalhadores e reduz alguns a uma segunda classe. É mais uma tentativa de retirada de direitos. Estamos atentos! Versão 2: MP 1045/2022 Presidente Bolsonaro  Retira o direito de férias remuneradas Acaba com o 13° Acaba com o FGTS. Lembrem disso no dia 30,quando for votar

Vídeo: é falso que Sadia esteja dando prêmios para quem compartilhar no WhatsApp

Transcrição: Trabalho que nem camelo e olha o que está acontecendo porque já acabou. Não tem mais conversa. Infelizmente já acabou. Bolsonaro mandou o projeto a medida provisória. Anota aí. Dez quarenta e cinco. Não esqueçam. MP 1045. Puxa lá pra não vim falar que é fake news hein. Trabalhador a partir do ano que vem não terá mais férias remuneradas. O trabalhador não terá mais fundo de garantia.

Trabalhador não terá mais décimo terceiro, por quê? Eles alegam o seguinte, tirando isso você não corre o risco de perder o emprego. Na verdade eles estão ajudando o patrão, porque você acha que os empresários estão ameaçando funcionários? O o cara da van lá, aquele sem vergonha, ameaça os funcionários, por causa disso. Eles vão ganhar muito mais dinheiro e você não vai ganhar, você vai perder e vai perder muito. Porque eles odeiam o Lula, porque o Lula defende o direito dos trabalhadores.

Nós não podemos permitir isso. Vai ser votado e aprovado. O Bolsonaro prometeu isso pra todos os empresários. Por isso que vocês estão vendo aí, ó. Os cara assediando os funcionário, ameaçando que vai mandar pra rua. Ô gente, é sério que cês vão aceitar isso? Trabalhador honesto, aquele que trabalha, que rala que nem um camelo, pra poder levar comida pra dentro de casa, você vai aceitar isso? Você vai trabalhar.

Um ano inteiro pra depois ter férias sem dinheiro nenhum. É sério isso? Gente, ajuda a compartilhar. O demônio está querendo destruir a vida das nossas famílias. Bolsonaro veio e provou que ele é do Satanás. Sim. E um monte de igreja cegas espirituais, fariseus estão ajudando com isso. Gente, nós não podemos permitir. Isso é muito sério. Medida provisória dez quarenta e cinco. Puxa lá. Me ajuda a compartilha

Bolsonaro vai acabar com férias remuneradas com a MP 1045/2022?

A bomba que apontava para a tal Medida Provisória não demorou a se espalhar na internet. Porém a informação que aponta que a MP 1045/2022 está para ser aprovada no Congresso é falsa.

O histórico de fake news que aponta para ameaças em nome de candidatos é vasto. Nestas eleições, já desmentimos histórias falsas que apontavam para, por exemplo, confisco de dinheiro de contas e fim do Pix.

Ao buscar por mais informações sobre a “promessa de Bolsonaro”, descobrimos algumas coisas que denunciam a farsa. A primeira delas está em informações do próprio Bolsonaro. Não há nada que aponte que ele deseje acabar com as férias remuneradas, 13º e outros benefícios. Além de ser um “suicídio político” prometer algo do tipo, não tem muita lógica.

Mas e a MP 1045/2022? Na realidade, ela não existe. Ao buscar a lista de MPs, vimos que as de 2022 começaram no número 1096. Em 2021, foram publicadas da 1025 até a 1095.

Dentre estas MPs está a 1045/2021. Ela previa a aprovação de um programa emergencial de manutenção de empregos durante a pandemia da Covid-19. Foi a partir dela que algumas empresas, por meio de benefícios, não demitiram funcionários. Ela também permitiu a redução temporária e suspensão de contrato de trabalho (medidas importantes durante a pandemia).

O grande problema da MP começou a ocorrer no Congresso. Lá foram inclusos pontos que transformaram a MP 1045/2021 em uma minirreforma trabalhista (e foram daí que surgiram críticas). Agora o detalhe: o projeto foi derrubado no Senado ainda de 2021.

Resumindo: é falso que Bolsonaro criou uma MP de número 1045/2022 para acabar com as férias remuneradas e outros benefícios trabalhistas. Não existe MP com este número e uma Medida Provisória parecida já foi derrubada pelo Senado em 2021.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3sexfTk
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso