Vídeo mostra policiais em Cuba atirando no povo em manifestação #boato

Boato – Imagens mostram que o governo socialista de Cuba está atirando manifestantes nas ruas. O povo desarmado está sendo fuzilado.

Nos últimos dias, o que não têm faltado são notícias sobre a onda de manifestações em Cuba. A mais nova delas aponta para um suposto vídeo de truculência do governo do país contra manifestantes contrários “ao comunismo”.

No vídeo (que não será exibido aqui), um grupo de policiais é filmado em primeiro plano enquanto, em segundo plano, há o grupo de supostos manifestantes. Depois de alguns segundos, os policiais atiram e dois homens caem. No final, maqueiros vão buscar os feridos enquanto bombas são atiradas e o grupo de policiais avança. Leia algumas das mensagens que circulam junto com o vídeo:

Versão 1: Para isso o socialismo QUER O POVO DESARMADO . Cuba : Assassinos atirando no povo desarmado. Esse é o Socialismo!!!! É isso que queremos para as nossas vidas ? E para a vida dos nossos filhos e netos ? Versão 2: Assassinos em Cuba atirando no povo desarmado. Esse é o governo apoiado por vários partidos do Brasil. Tem muita gente que chama o presidente do Brasil e que apoia a Ditadura Comunista. Aliás, o perfil do comunista é sempre de extrema hipocrisia.

Vídeo mostra policiais em Cuba atirando no povo durante manifestação?

Como foi possível ver nos comentários das publicações (que se espalharam, principalmente, no Facebook e no WhatsApp), as imagens foram utilizadas fortemente contra o governo de Cuba. Apesar da firmeza nas críticas, o vídeo não é de Cuba e sequer retrata uma situação real.

Além de a mensagem ter características de boatos online (como ser vaga, alarmista, com erros de português e não citar fontes confiáveis) e boatos sobre Cuba terem sido comuns nos últimos dias (desmentimos de fuga de Raúl Castro a vídeo falso de policiais cercados), há um ponto que nos deixou muito desconfiados: a língua falada no vídeo não é o espanhol.

A partir daí, bastou procurar pelo vídeo em buscadores e logo descobrimos que se tratam de imagens de um treinamento policial feito com voluntários em Jharkhand (na Índia) em 2017. Detalhe: o vídeo já foi utilizado em outras fake news de grandes conflitos. Uma delas é que falava que as imagens seriam de um conflito real em Assam (outra região da Índia). Ou seja: nada tem a ver com Cuba.

Resumindo: o vídeo que está circulando na internet como se fosse de policiais cubanos atirando em manifestantes é, na realidade, de uma simulação de policiais indianos de 2017. Ou seja: não tem nada a ver com os protestos de agora em Cuba, com o comunismo e sequer é real.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet