Chef de cozinha francês é processado após colocar sêmen em sobremesas de restaurante #boato

Boato – O chef de cozinha francês Jacques DeNoiret foi processado após admitir que colocava sêmen de funcionários nas sobremesas do restaurante Le Gallion.

Houve um tempo, no mundo das fake news, em que histórias bizarras tomavam conta da pauta do dia a dia. Em meio a tantas “questões importantes” a serem envolvidas (intencionalmente ou não) nos boatos, as “weird fake news” ficaram em segundo plano e “relegadas” a desmentidos esporádicos, normalmente ocasionados a escorregões da mídia. É o caso de hoje.

De acordo com notícias publicadas em blogs e até em portais de notícias (sim, a grande mídia também erra de vez em quando), um chef de cozinha francês chamado Jacques DeNoiret foi processado após admitir que colocou sêmen de funcionários na sobremesa do restaurante Le Gallion. Leia a mensagem que circula online:

Chef de cozinha é processado e admite colocar sêmen de funcionário em sobremesas; 36 clientes contraíram DST. O chef de cozinha francês Jacques DeNoiret, proprietário do restaurante Le Gallion, na França, foi processado por 36 clientes por suspeita de colocar sêmen de funcionários do restaurante em suas sobremesas. Após as diversas denúncias, o cozinheiro admitiu que o esperma humano é seu “ingrediente secreto”. Dezenas de clientes chegaram a contrair doenças sexualmente transmissíveis.

“O meu funcionário, responsável por colocar o ingrediente na sobremesa, não tinha me dito que contraiu herpes e sífilis e foi imediatamente despedido assim que soubemos”, disse Jacques, que ainda admitiu pagar um bônus aos funcionários que davam o próprio sêmen como ingrediente. Apesar de se desculpar dos clientes que contraíram as doenças, Jacques afirmou que esperma pode ser um “ingrediente culinário extraordinário”. O que se passa na cabeça de uma miséria dessa? Né possível uma desgraceira dessa.

Chef de cozinha francês foi processado após colocar sêmen em sobremesas?

Meu amigooooo… a informação circulou muito na internet. Porém, e ao contrário de muitos que ficaram chocados e tristes com a informação, a trama relacionada ao chef francês em questão é falsa.

Ao nos deparar com a notícia, mesmo estando em fontes (em tese) confiáveis, resolvemos buscar um pouco a mais a respeito do assunto. Por isso, jogamos o nome de Jacques DeNoiret. Não achamos nada além da própria notícia (por sinal, sempre com um texto muito parecido).

Na mesma busca, desta vez pela origem do texto em questão, chegamos à resposta. Na realidade, toda a “notícia” foi publicada no site World News Daily Report (uma espécie de O Sensacionalista dos EUA) e foi comprada como verdadeira já em janeiro de 2020 por outros sites. Não sabemos o motivo (talvez falta de notícias), mas a história só veio viralizar no Brasil em 2020.

Por sinal, não é a primeira vez que uma notícia vinda de lá engana o pessoal no Brasil. Já desmentimos informações falsas que citam o World News Daily Report como a que aponta que “foi descoberto que existe vida após a morte”, que um canibal comeu entregadores de pizza, que Paul McCartney morreu e foi substituído e outras. Olha o que diz as “letras miúdas do site”.

World News Daily Report é uma publicação de notícias e sátira política, que pode ou não pode usar nomes reais, muitas vezes de forma semi-reais ou fictícios em sua maioria. Todos os artigos de notícias contidos worldnewsdailyreport.com são ficção, e notícias presumivelmente falsa. Qualquer semelhança com a verdade é mera coincidência, com exceção de todas as referências a políticos e / ou celebridades, caso em que eles são baseados em pessoas reais, mas ainda se baseia quase inteiramente na ficção.

Vale dizer que até a imagens utilizadas nas publicações nada têm a ver com a “treta” e tampouco com o chef “DeNoiret”. A imagem do “chef” é, na realidade, do chef norte-americano John Besh. A outra foto é de um vídeo de um canal francês chamado BFM TV e também não tem relação com o texto do fake. A pessoa do vídeo é um advogado que se chama Ardavan Amir-Aslane.

Resumindo: a história que aponta que um chef francês foi processado por colocar sêmen em sobremesas de um restaurante é falsa. Apesar de ter circulado em sites de notícias por aqui, a balela surgiu em um site humor dos EUA.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2H2c3Iu
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet