Recordar é viver: 7 fake news que viralizaram na web durante a Copa do Mundo de 2014

Título comprado, lesão forjada, avião do Pokémon. Separamos 7 boatos sobre a Copa do Mundo de 2014 para seleção nenhuma (ou torcedor nenhum) colocar defeito.

Com a Copa do Mundo da Rússia 2018 se aproximando do fim, muitos torcedores já estão procurando um novo rumo após o término do evento. Os brasileiros, ao que tudo indica, estão se preparando para comemorar o hexa (que assim seja!).

O fato é que o final da Copa do Mundo sempre deixa um vazio: tanto na programação da TV quanto no coração de todos os torcedores. Pensando nisso e tomados por um sentimento de nostalgia, separamos 7 boatos que assombraram os torcedores na Copa de 2014. Infelizmente, o 7×1 não foi boato, mas outras histórias falsas também deram o que falar! Confira:

1) Gunther Schweitzer denuncia que Brasil vendeu a Copa

A derrota por 7×1 da Alemanha pegou muita gente de surpresa. Ok que a seleção alemã fazia uma boa campanha e foi a campeã daquela edição, mas nem os próprios jogadores alemães acreditavam no placar. E, bem, o fiasco brasileiro precisava de uma explicação, não é mesmo? Na época, uma publicação afirmava que Gunther Schweitzer assinou uma mensagem dizendo que o Brasil havia vendido a Copa. A verdade é que a mensagem apresentava a mesma estrutura que outras histórias parecidas. Ou seja, boato.

2) Lesão de Neymar foi uma farsa

De longe, um dos momentos mais tristes da Copa do Mundo de 2014 foi a lesão do atacante Neymar, que tirou o jogador da competição. É claro que a história começou a circular depois da derrota por 7×1 da Alemanha e, é claro, que a derrota precisava ter uma explicação, não é mesmo? De acordo com a história, a lesão de Neymar teria sido uma farsa (e ninguém sabia o motivo) e a pessoa que deu entrada no hospital seria um sósia. Sabemos que o Neymar tem uma grande aptidão para o teatro, mas será que essa história é real? Nada disso, vários veículos de comunicação fizeram a cobertura da chegada do craque (bem como algumas enfermeiras) ao hospital. E, bem, infelizmente era o menino Neymar verdadeiro.

3) Alemanha vai doar hotel em Porto Seguro para construção de escola

Não basta ter derrotado a seleção brasileira por 7×1 em terras tupiniquins, ser campeã mundial em 2014, ainda tinha que ser gentil e doar um hotel para a construção de uma escola em Porto Seguro. Essa seleção alemã é imbatível de todas as formas, não é mesmo? Bem, os jogadores alemães conquistaram mesmo o coração de muitos brasileiros pela sua simpatia e carinho. Entretanto, essa história de que a seleção alemã teria doado um hotel para a construção de uma escola é mais falsa que nota de R$3. O hotel, na verdade, tratava-se de um centro de treinamento. Além disso, a construtora responsável pelo projeto já tinha planos após o final da Copa: um condomínio (bem luxuoso, diga-se de passagem). Ou seja, nada de escola.

4) Goleiro mexicano Ochoa tem seis dedos

O goleiro da seleção do México, Guillermo Ochoa, é um velho conhecido da torcida brasileira. Em parte pelas difíceis defesas dentro de campo, em outra por ter sido namorado da ex-atriz e cantora da franquia Rebelde, Dulce Maria. O fato é que nem Ochoa conseguiu escapar dos boatos maldosos da Copa do Mundo de 2014. Segundo a história que começou a circular nas redes sociais, o goleiro mexicano teria seis dedos (e as provas seriam fotos da mão de Ochoa e de uma suposta luva especial). Mas nada disso é verdade. O boato já circula desde 2011 e as fotos do goleiro não deixam enganar: ele possui cinco dedos e não tem nenhum tipo de anomalia.

5) Argélia vai doar prêmio da Copa do Mundo para palestinos

E nem a Copa do Mundo de 2014 escapou da briga entre judeus e palestinos. E a história deu o que falar, principalmente porque uma seleção supostamente teria tomado partido na situação. Segundo uma história que começou a circular nas redes sociais, na época, o atacante Slimani teria declarado que a seleção da Argélia iria doar US$ 9 milhões para refugiados na região da Palestina. A verdade? A informação teria vindo de um jornalista blogueiro que já compartilhou outros boatos e o jogador Slimani não confirmou a história em nenhuma conta oficial. Ou seja, a história era falsa.

6) Seleção japonesa viajou em avião do Pokémon

Essa foi uma daquelas histórias que circulou bastante nas redes sociais, principalmente por envolver um dos animes de maior sucesso mundial. E vamos combinar: que avião mais gracinha, não é mesmo? Seria o sonho de qualquer fã viajar em um avião desses. Bem, e segundo uma história que andou circulando por aí, a seleção japonesa teria chegado em terras tupiniquins para disputar a Copa do Mundo de 2014 com o avião do Pokémon. Antes que vocês comecem a comemorar, venho dizer que a história é falsa (uma pena). A empresa aérea japonesa ANA realmente possui aviões com estampas do Pokémon, entretanto, a seleção japonesa viajou com a empresa JAL (que é concorrente da ANA). Ou seja, nada de pokéavião na Copa.

7) Coreia do Norte chegou à final da Copa do Mundo de 2014

A Coreia do Norte sempre foi um dos países mais misteriosos do mundo todo. Nos últimos anos, o país tem mudado bastante e, recentemente, até iniciou uma aproximação com a Coreia do Sul e com os Estados Unidos. Em 2014, entretanto, o ditador King Jong-un foi acusado de manipular os acontecimentos da Copa do Mundo para a população norte-coreana. Segundo publicações, ele teria divulgado que a Coreia do Norte estava nas oitavas-de-final e enfrentaria a seleção de Portugal (naquele ano, a Coreia do Norte nem se classificou para disputar a Copa). Sabemos que o controle da mídia é algo presente no país, mas será mesmo que essa história é real? Bem, não é. O vídeo da declaração era uma brincadeira, feito por um canal de humor. Sendo assim, boato.

Compartilhe este artigo:

Um comentário em “Recordar é viver: 7 fake news que viralizaram na web durante a Copa do Mundo de 2014

  • 05/07/2018 em 06:14
    Permalink

    Sempre consulto este site e recebo seus comentários. MUITO BOM E SALUTAR. ABRAÇO.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)