Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Entretenimento > Livro “Filhos de Pais Maconheiros” foi doado na Bienal do Rio #boato

Livro “Filhos de Pais Maconheiros” foi doado na Bienal do Rio #boato

Livro “Filhos de Pais Maconheiros” foi doado na Bienal do Rio, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – A obra “Filhos de Pais Maconheiros”, de Stephen T. Asma, foi doada na Bienal do Livro do Rio de Janeiro.

Agora há pouco, o Boatos.org desmentiu uma mensagem que apontava que um livro com o título impróprio estava sendo doado na Bienal do Rio de Janeiro. No texto (que pode ser lido aqui), falamos que a imagem (modificada digitalmente) não era a única.

A “segunda imagem” dava conta que estava sendo doado um livro com o nome Filhos de Pais Maconheiros que teria sido de autoria de Stephen T. Asma. Junto à foto, haviam algumas mensagens. Leia:

Versão 1: Olha os livros doados na Bienal Isso não é leitura sadia, é p… mesmo, e da mais baixa possível. Versão 2: Bienal no Rio….que todos julgam normal…. inclusive a Dodge. Versão 3: Os livros da Bienal. Versão 4: A Bienal da família brasileira

Obra “Filhos de Pais Maconheiros” foi doada na Bienal do Livro?

Vídeo: é falso que Sadia esteja dando prêmios para quem compartilhar no WhatsApp

Assim como no outro caso (ou nos casos da fake news relacionadas ao livro As Gêmeas Marotas), a imagem chamou muita atenção na internet. E, assim como nos outros casos, a história é falsa. Calma aí que a gente explica tudo para vocês. Como boa parte do desmentido é parecida com a que fizemos agora pouco, relembre o que escrevemos e já voltamos com os “detalhes finais”:

Ponto 1: As mensagens não deveriam ser compartilhadas sem uma segunda checagem porque seguem o “roteiro básico” das fake news: são vagas, alarmistas, com erros de português e não citam fontes confiáveis. Ponto 2: tentamos buscar por qualquer referência em relação ao livro citado na mensagem e, como esperávamos, nada encontramos.

Ponto 3 (mais específico em relação à denúncia de que os livros teriam sido doados na Bienal): na lista de obras doadas por Felipe Neto não está o livro citado na mensagem. Os livros doados pelo youtuber foram comprados na própria Bienal (na seção LGBT+). Como é possível ver aqui, o Filhos de Pais Maconheiros, não consta na lista.

E, mais uma vez, o livro não teria como “ser doado” por um motivo simples: ele não existe e a imagem é uma montagem. Na realidade, o livro se chama, originalmente, Budismo em Quadrinhos para Principiantes. Na biografia do autor (que é professor de Filosofia) não consta nenhum livro com o nome Filho de Pais Maconheiros. 

Resumindo: a história que aponta que o livro Filhos de Pais Maconheiros foi doado durante a Bienal do Rio de Janeiro é falsa. É mais um boato relacionado ao evento que circula na internet.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164.