Filme “Sorry”, de 1m58 e gravado em elevador, ganhou o Oscar de curta-metragem #boato

Boato – “Sorry”, filme gravado em elevador e com apenas 1 minuto e 58 segundos, vence Oscar como melhor curta-metragem.

O Oscar 2021, a maior premiação do cinema mundial, foi realizado de maneira diferente neste ano, por causa da pandemia da Covid-19. Com dois meses de atraso, a cerimônia contou com participações presenciais e online no final de abril de 2021.

O grande vencedor da noite foi o filme Nomadland, que venceu a categoria de melhor longa, melhor diretor (para Chloe Zhao) e melhor atriz, para Frances McDormand. Zhao foi a primeira asiática e segunda mulher a vencer a categoria. E de acordo com uma história que está sendo compartilhada na internet, o curta “Sorry”, de apenas 1 minuto e 58 segundos, teria vencido a categoria de mulher curta-metragem.

O vídeo mostra um jovem, com fone de ouvidos, entrando em um elevador cheio. Ao entrar, o elevador acusa superlotação e não sai do lugar. O jovem não percebe e todas as pessoas no local começam a olhar para ele, que não se mexe. Após alguns segundos, uma jovem de muletas se retira do elevador. De acordo com a história, o curta passa uma mensagem duradoura sobre egoísmo e humanidade. Confira:

“*Filme intitulado* *“Sorry”* dura somente 1:58 segundos, ganhou o Oscar de curta metragem.  Porém, sua mensagem é duradoura, pois temos que *reaprender* a não apenas ter o papel de um ser humano, mas efetivamente *SER HUMANO!* Obs: A palavra *“Overload”* que aparece no filme quer dizer: *”ACIMA DA CAPACIDADE”* acima da capacidade de carga, atitude, compromisso, dever, contribuir, ou seja, o elevador não se move, não sobe, por causa do individualismo e direito que cada um *acha que tem*”.

Filme “Sorry”, de 1m58 e gravado em elevador, ganhou o Oscar de curta-metragem?

A informação foi amplamente compartilhada nas redes sociais, em especial, no YouTube e no Facebook. Entretanto, a história não passa de balela. A explicação fica por conta da lista oficial de vencedores do Oscar 2021 e pela origem do vídeo.

Basta olhar para a publicação para perceber que ela apresenta as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, os erros de português e a falta de fontes confiáveis.

Além disso, histórias falsas envolvendo filmes não são novidade por aqui. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas por aqui, como a que dizia que o filme Caverna do Dragão seria lançado em 2021. Também a que indicava que o filme A Forma da Água seria um plágio do longa O Pirarucu Tarado e a Mudinha e, por fim, a que apontava que o novo filme da Disney teria beijo gay entre mulheres.

Ao buscar pela lista de vencedores do Oscar 2021, não encontramos nenhuma menção ao suposto curta-metragem chamado “Sorry” (que não aparece nem entre os indicados ao prêmio). Na ocasião, os filmes premiados nas categorias de curta-metragem foram “Se algo acontecer… te amo”, “Dois estranhos” e “Collete”.

Resolvemos, então, analisar o vídeo. Ao final do filme, é possível observar a expressão “For You” e uma marca d’água da empresa Media Village Studios. Ao procurar pelos termos, descobrimos que as iamgens, na verdade, fazem parte do curta indiano “For You”, lançado em 2019, pela produtora Media Village Studios.

Ao contrário do que aponta a mensagem, o curta não possui 1 minuto e 58 segundos de história, mas sim 3 minutos. Além disso, o filme não foi indicado ao Oscar. Ao procurar pela história em outros idiomas, descobrimos outro filme supostamente chamado “Sorry” que teria concorrido ao Oscar. Na versão em inglês, a história aponta para um filme sobre um menino em uma escola.

Entretanto, ao buscar pelas imagens, descobrimos que o vídeo, na realidade, faz parte do curta-metragem albanês “Don’t Judge”, que possui 4 minutos. O filme foi lançado em 2020 e produzido pelo teólogo Elvis Naçi.

Em resumo: a história que diz que o filme “Sorry”, de apenas 1m58 e gravado em elevador, foi o grande vencedor da categoria curta-metragem do Oscar 2021 é falsa! As imagens, na verdade, fazem parte do curta-metragem indiano “For You”, lançado em 2019. Ao contrário do que aponta a história, o filme não concorreu ao Oscar. Ou seja, apesar da mensagem ser muito bonita, a história não passa de balela!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3aIzl5T
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3w3sv3d
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3wa3LY1