Cláudia Raia e Xuxa venderam mansões porque Bolsonaro “acabou com a mamata” #boato

Boato – Depois que Bolsonaro “acabou com a mamata” de artistas, Cláudia Raia e Xuxa venderam mansões e a filha de Chico Buarque, Ivan Lins e Gerald Thomas faliram.

Não é de hoje que algumas notícias falsas têm servido para fortalecer a tese (também falsa) de que o país está uma maravilha por causa de ações do presidente Jair Bolsonaro (não, não está). A última das histórias aponta para mais um “feito” dele: “acabar com a mamata” de artistas e fazê-los falir.

O texto aponta que Xuxa e Cláudia Raia venderam a casa por causa de Bolsonaro, que a filha de Chico Buarque está falida por causa do presidente, que Gerald Thomas está em situação parecida e que Ivan Lins teve “até” que voltar a morar no Brasil. Leia a mensagem que está circulando por aí:

XUXA CLAUDIA RAIA Filha de Chico Buarque Ivan Lins Gerald Thomas co!! Maria Todas as mídias 13/10/202111:06 ACABOU A MAMATA! Claudia Raia e Xuxa vendendo suas mansões, filha de Chico Buarque chorando miséria e pedindo trabalho em rede social, Ivan Lins voltando a morar no Brasil, o “festejado” diretor de teatro Gerald Thomas, ex de Fernanda Torres e Gal Costa completamente falido, se mandou daqui e acaba de ser preso na Inglaterra, seu país de origem, por dividas de aluguel. Estranhamente tudo isso após a torneira do dinheiro fácil ser fechada. Enquanto éramos só nós os prejudicados, tudo era festa. Lei do retorno é fantástica.

Cláudia Raia e Xuxa venderam mansões porque Bolsonaro “acabou com a mamata”?

Além de se tratar uma mensagem, em sua essência, falsa (basta ver exemplos como esse, esse e esse para ver que não houve fim algum de mamata), as correlações entre ações do governo e acontecimentos com famosos não faz nenhum sentido.

De início, a mensagem e o histórico deste tipo de boato já nos deixa desconfiados. O texto tem algumas das principais características de boatos online como o caráter vago, o tom alarmista, os erros de português e a falta de citação de fontes confiáveis que mostrem a tal correlação entre ações do presidente e falência de artistas famosos.

Não bastasse isso, o que não falta é informação falsa sobre “mamata” que foi cortada do por Bolsonaro. Já desmentimos informações falsas sobre, por exemplo, a atriz Maria Flor, Xuxa (que também é personagem hoje), Roberto Carlos e outros artistas.

É sempre bom frisar que, ao contrário do que apontam as tais mensagens, a Lei Rouanet ou outra lei de incentivo à Cultura não são de “distribuição de dinheiro para artistas”. Na realidade, trata-se da aprovação de projetos para captação de recursos com empresas privadas por meio de renúncia fiscal. Não se trata de “ganhar o dinheiro” e sim de captar para projetos. Inclusive, este artigo recente, fala bem sobre essa relação.

A prova de que os “cortes de Bolsonaro” não influenciaram nas situações descritas na mensagem está no fato de, ao buscarmos sobre detalhes das situações, não achamos qualquer correlação com ações do presidente.

Cláudia Raia, de fato, vendeu a mansão que tinha com Edson Celulari por R$ 13 milhões ao jogador Neymar em 2021. Porém, de acordo com matérias que falaram sobre a aquisição, ela estava à venda desde 2014. Ou seja, nada tem a ver com o “fim da mamata” ou qualquer coisa do tipo. Com Xuxa ocorreu algo similar. Ela vendeu a sua mansão, de R$ 45 milhões, apenas neste ano. Porém, ela estava à venda desde 2018, período em que a apresentadora perdeu à mãe.

Sobre a filha de Chico Buarque: é fato que ela falou que conta com a ajuda dos pais em alguns momentos. Porém, na entrevista em questão ela não condicionou o ocorrido com Lei Rouanet e algo do tipo. O mesmo pode ser dito de Gerald Thomas (que sequer mora no Brasil e não seria “tão atingido” pelas políticas em questão).

Para terminar, Ivan Lins. Não encontramos em nenhum lugar a informação de que ele teria “voltado ao Brasil” ou mesmo “saído do Brasil”. Também não vimos nada sobre ele ter “sérios problemas financeiros”.

Resumindo: nenhuma das situações em questão têm a ver com “fim da mamata” ou mesmo há um “fim da mamata” no governo Bolsonaro. Com problemas na origem e na alegação, não podemos classificar a mensagem como outra coisa senão fake news.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3vN6CET
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet