Band saiu do ar porque Datena anunciaria a cura do coronavírus e recebeu ligação misteriosa da China #boato

Boato – A TV Band saiu do ar durante o programa Brasil Urgente porque a China fez uma ligação misteriosa para José Luiz Datena e o proibiu de anunciar que Bolsonaro encontrou a cura para o novo coronavírus.

Nos últimos dias, a quantidade de teorias da conspiração envolvendo o novo coronavírus chegou ao maior nível desde o início da pandemia. Esse tipo de boato, normalmente buscando corroborar com a tese errada de que o isolamento social deve acabar e que o presidente Bolsonaro está sendo vítima de um golpe, tem sido uma constante por aqui. A mais nova das histórias envolve a China (de novo) e a Globo.

De acordo com mensagens que circulam na internet, a TV Band saiu do ar no último dia 26 porque a China, que seria dona da emissora, proibiu o apresentador José Luiz Datena de apresentar a cura do novo coronavírus que “havia sido descoberta” pelo presidente Jair Bolsonaro. Toda a tese é apresentada em um vídeo de 12 minutos (que não será reproduzido aqui para poupar vocês).

No vídeo, a “narradora” afirma que Datena teria recebido uma ligação misteriosa da China e foi tirado do ar porque iria anunciar a cura do coronavírus e também iria entrevistar um médico que falava que era contra o isolamento social como solução para o novo coronavírus. Leia algumas das versões da mensagem que circula online:

Atenção! Desconfie de textos que falam em “compras de empresas” por parte da China

Versão 1: Ligação misteriosa, Datena ameaça falar, médico confirma e Band sai do ar. Versão 2: R E S U M O: DATENA ESTAVA RECEBENDO LIGAÇÃO INSISTENTE NO CELULAR, “NO AR”; AMEAÇOU CONTAR QUEM ESTAVA LIGANDO SE NÃO PARASSEM! IMEDIATAMENTE A BAND SAIU DO AR NAS TRÊS PLATAFORMAS! ENTENDA O POR QUE? A China com determinados governadores se uniram para derrubar o PRESIDENTE Bolsonaro, entendeu ou precisa desenhar?

Versão 3: DENÚNCIA GRAVÍSSIMA: BAND É TIRADA DO AR POR 1 HORA, PERDE CONTATO TELEFÔNICO,.DURANTE ENTREVISTA DE DATENA COM CIENTISTA FRANCÊS QUE CONFIRMOU A FARSA DA QUARENTENA, QUE TEM SÓ O OBJETIVO DE DERRUBAR A ECONOMIA E QUE O MEDICAMENTO QUE BOLSONARO MANDOU PRODUZIR EM LARGA ESCALA É A CURA. Versão 4: Datena estava falando da solução ao invés de fomentar a histeria e, misteriosamente a band sai do ar… A emissora é recém comprada pela china. Precisa juntar os pontos?

Band saiu do ar porque Datena anunciaria a cura do coronavírus e recebeu ligação misteriosa da China?

A história se espalhou com muita força na internet e chamou atenção de muita gente. Mas será mesmo que a informação que aponta que a Band saiu do ar por causa de uma ligação da China e que Datena iria “revelar ao mundo” a cura do novo coronavírus é real? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

Antes de começar com a análise do conteúdo, precisamos contextualizar a história. O boato começou a circular depois que a Band saiu do ar no dia 26 de março durante o Brasil Urgente. Na hora que saiu do ar, de fato, Datena falava com um médico sobre a Cloroquina e indagava se o remédio não deveria, como na França, ser utilizado em pacientes que não estão em estado grave. As verdades param por aí.

Para começar, a mensagem e o vídeo, além de apresentar características de boatos online como ser vaga, alarmista, com erros de português e não citar fontes confiáveis, a “fonte da informação do vídeo” já é conhecida aqui no Boatos.org. Trata-se de um site que sempre compartilha fake news alarmistas como, por exemplo, a de que Lula foi vaiado na França ou que teremos intervenção militar no Brasil. Além disso, história é baseada em diversas teses falsas..

A primeira das teses falsas é que a China é a “dona da Band”. Isso já foi tratado neste texto do Boatos.org. A segunda é que Datena iria “anunciar a cura do novo coronavírus”. Como já falamos aqui, a eficácia da Cloroquina contra o novo coronavírus (apesar de mostrar resultados positivos) ainda não é comprovada. Além disso: não precisa do “Datena para anunciar o remédio”. Ela já foi até anunciada por Trump como uma possibilidade (não cura) no combate ao coronavírus.

As balelas não param por aí. A pessoa fala no vídeo que o médico entrevistado iria condenar o isolamento social e por isso foi tirado do ar. Porém, é possível ver reportagens da própria Band que tratam do assunto com o mesmo médico. Ou seja: se fosse censura, não iria sair em local nenhum no canal.

Resolvemos, ainda, buscar mais detalhes a respeito do assunto. Como era de se imaginar, não achamos a tese de sabotagem em lugar algum. Ao contrário: a Band, em comunicado oficial, falou que o problema foi uma queda de energia. Leia o comunicado:

Nota de esclarecimento: O Grupo Bandeirantes enfrentou um problema elétrico inesperado em sua sede em São Paulo, no início da noite desta quinta-feira, apesar de ter seu grupo de geradores, no breaks e sistemas de backup adequados e em pleno funcionamento. O fato causou a interrupção de todos os sinais originados da sede do Morumbi. As demais emissoras Band seguiram com sua programação local durante esse período. Pedimos desculpas a nossos telespectadores e ouvintes em todas as nossas plataformas pelos transtornos causados.

Resumindo: a história que aponta que a Band saiu do ar durante o programa do Datena por causa de ordens da China é falsa. Além de a informação ter surgido em uma fonte nada confiável, se baseia em outras fake news desmentidas aqui. Em tempo: sobre a “ligação misteriosa”, ninguém sabe, ninguém viu.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Confira a lista de todas as fake news sobre o novo coronavírus

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2IoBB2R

Confira também: 11 fake news sobre a China que circularam na web em 2020

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet