Seita de bruxas satânicas está distribuindo balas, doces e pirulitos envenenados para crianças #boato

Boato – Áudios denunciam que uma seita satânica de bruxas está agindo nas cidades de todo o Brasil, envenenando doces como pirulitos e balas com chumbinho para matar crianças.

Dois dos tipos de boatos que mais chamam atenção na internet são os relacionados a ameaças a crianças e a denúncias de crimes do cotidiano. Como a história que vamos tratar hoje é uma junção destes dois temas, é claro que fez sucesso na internet.

Um vídeo, que nada mais é uma captura de diversos áudios que estão circulando no WhatsApp, aponta para uma denúncia “gravíssima”: a de que uma “seita satânica de bruxas” estaria se esforçando para envenenar as crianças Brasil afora. Os membros estariam envenenando doces como balas e pirulitos e distribuindo para crianças nas ruas.

O primeiro áudio da série de cinco é de um relato de uma mulher que fala de um “livramento”. Um mulher teria oferecido “pipoca” para o seu filho “Ben-Hur” e ela teria negado. Depois, alguém teria falado que a comida estaria envenenada. Ao final, a mulher fala para as pessoas “escutarem” o áudio a seguir”.

No segundo áudio, uma mulher desesperada fala que a “prima de 14 anos” comeu um pirulito oferecido por um estranho dentro de um trem e morrido. O pirulito estava envenenado e, de acordo com ela, isso teria ocorrido com outras pessoas.

O terceiro, quarto e quinto áudios são similares. São de denúncias de que os responsáveis pelos envenenamentos seria um seita formada por bruxos e satanistas que tem como objetivo matar crianças envenenadas. Em todos os casos, é dito que “muitos casos” já aconteceram pelo Brasil afora. Subimos, em vídeo, o arquivo em questão:

Confira o desmentido em vídeo

Seita de bruxas satânicas está distribuindo balas, doces e pirulitos envenenados para crianças?

Não demorou para a mensagem se espalhar com todas as forças na internet e, claro, chamar atenção de pais desesperados. Só que não só a história é falsa como também se trata de um boato desmentido há alguns anos aqui no Boatos.org.

Há alguns elementos novos na versão de 2022 da história. Um deles é o do primeiro áudio, que mostra um relato da “mãe que se livrou” do envenenamento. Se formos analisar friamente o áudio (e nem estamos levantamento a hipótese, muito plausível, de ele ser falso), não há nenhuma prova. Na realidade, não passa de um relato de uma mãe que acha que a pipoca que ofereceram é envenenada. Ou seja, não vale como prova. Eliminado!

O segundo áudio, que narra tragicamente o suposto envenenamento de uma menina com um pirulito no trem, sequer é novo. Não há qualquer referência de qual seria o ocorrido, mas ele bate com uma suspeita de envenenamento em uma menina no Rio de Janeiro. Porém, a hipótese foi descartada pela polícia e a menina, como mostram câmeras, sequer havia aceito o pirulito em questão. Eliminado!

O terceiro áudio também não passa de uma denúncia genérica. Quando fala em “seita de bruxas”, o sujeito não aponta onde, quando ou mesmo qualquer prova do ocorrido. Quando buscamos pela tal história, nada encontramos. Eliminado!

Os quarto e quinto casos nada mais são de áudios já desmentidos no Boatos.org em 2019. Na época, apontamos que não havia nenhuma prova de que havia a tal seita e que não havia nenhum caso comprovado de pessoa envenenada por bruxas na cidade. Eliminado e eliminado!

É importante citar que, apesar de, aparentemente, essa história parecer inofensiva, ela pode apresentar um grande risco. Sempre é bom lembrar de alguns casos em que falsas denúncias de crimes resultaram em crimes. Em 2014, uma mulher morreu linchada no Brasil após uma denúncia de que ela estava sequestrando crianças. Em 2018, dois homens foram assassinados e queimados no México também por conta de um boato. Ou seja: o nosso conselho é que você, na dúvida, não compartilhe histórias assim.

Resumindo: tem muita gente achando que está fazendo o bem ao compartilhar denúncias de que bruxas e satanistas estão tentando envenenar crianças com balas e doces. Não passa de uma nova versão de um boato já desmentido aqui no site lá em 2019.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet