Promotor manda prender menina de 12 anos que atirou em criminoso que invadiu sítio em Alta Floresta (MT) #boato

Boato – Um promotor mandou prender a menina de 12 anos que atirou em um criminoso que invadiu o sítio onde ela mora com os pais, em Alta Floresta (MT). A garota  pode responder pelos crimes de tentativa de homicídio, porte ilegal de arma e omissão de socorro.

Na última semana, uma notícia chamou a atenção da população. É o caso de uma menina de 12 anos que atirou em um garimpeiro que supostamente invadiu o sítio onde ela mora com os pais, em Alta Floresta (MT). De acordo com a reportagem do site G1 (veja aqui), a garota estaria sozinha em casa, quando o homem, de 27 anos, tentou entrar na propriedade, mesmo sem o aval da mesma, e acabou levando dois tiros: um no braço e outro no abdômen.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/2M3r9Bt

Confira o nosso Instagram:

Instagram

Após a repercussão desse caso, uma nova informação começou a circular nas redes sociais dando conta de que o promotor da cidade de Alta Floresta teria pedido a prisão imediata da menina de 12 anos. Segundo a publicação que está sendo compartilhada entre os internautas, a promotoria da cidade teria alegado que agarota agiu com “excesso de legítima defesa”. Ainda de acordo com o texto, a menina, pode responder pelos crimes de tentativa de homicídio, porte ilegal de arma e omissão de socorro. Veja o texto que está rodando online:

Promotor manda prender menina de 12 anos que se defendeu de estupro e atirou em criminoso que invadiu o sítio de seus pais. A promotoria da cidade de Alta Floresta-MT, pediu a prisão imediata da menina de 12 anos que atirou em um garimpeiro que tentava invadir a fazenda do pai da jovem. A adolescente estava sozinha no sítio quando percebeu que o homem tentava invadir o local pulando uma cerca.

Com medo, a jovem se apossou de uma espingarda velha e ordenou para que o homem fosse embora, mas o homem a ignorou e pulou para dentro da fazenda, foi então que a garota atirou duas vezes e depois fugiu. Para a promotoria, a garota agiu com excesso de legitima defesa, sem dar chances de defesa à vítima, e irá responder pelo crime de tentativa de homicídio, porte ilegal de arma e omissão de socorro.

Promotor manda prender menina de 12 anos que atirou em criminoso que invadiu sítio em Alta Floresta (MT)?

A notícia viralizou na internet e deixou a população chocada com o suposto desfecho do caso. Mas será mesmo que o promotor mandou prender a menina de 12 anos que atirou no homem que invadiu o sítio em Alta Floresta? A resposta é não! E nós te contamos o porquê a partir dos seguintes fatos.

O primeiro deles é que, como o boato surgiu de uma notícia real, que traz um caso de “reação” da população, é comum surgirem fake news do tipo “Fulano manda prender…”, como aconteceu em outras histórias que já desmentimos aqui no Boatos.org.

Você deve se lembrar, por exemplo, do caso do promotor que teria mandado prender a lutadora de MMA que bateu em bandido no RJ; da notícia falsa sobre a mãe PM que teve pedido de prisão solicitado pelos Direitos Humanos por ter matado ladrão em uma escola em SP; ou, ainda, do falso caso em que a Comissão de Direitos Humanos teria pedido a prisão do estudante que reagiu a assalto em MG.

Em segundo lugar, ao buscarmos pela tal notícia da prisão da menina de 12 anos (que, sem dúvidas, cairia como uma “bomba” em qualquer veículo de comunicação), não achamos nada em nenhuma fonte confiável. Pelo contrário, encontramos apenas o próprio texto que está sendo compartilhado.

Mais do que isso, identificamos também que o site que publicou a notícia é igualzinho a outros que compartilharam algumas das fake news mencionadas acima (mesmo layout, mesma redação e mesmos autores).

Em terceiro lugar, também conseguimos descobrir que a suposta imagem da garota sendo levada pela polícia, que foi utilizada na publicação, é, na verdade, de outra ocorrência policial, datada de abril de 2019.

Trata-se da foto da prisão de uma adolescente de 15 anos, que agia a mando de um falso PM que aplicava golpes em Macapá (AP). O infrator entrava em contato com as vítimas, usando uma foto ‘fake’ de um PM, e pedia para a garota buscar os materiais adquiridos com os golpes. Ou seja, a imagem não tem nada a ver com o caso da menina que atirou no homem no sítio.

Por fim, a própria promotoria de Alta Floresta desmentiu tudo sobre a suposta prisão da garota e divulgou nota com alerta para combater o impacto das fake news e boatos que estão circulando a internet sobre o assunto:

“A promotoria da infância e juventude de Alta Floresta/MT informa que circula FakeNews com várias afirmações falsas em caso envolvendo disparo de arma de fogo por adolescente neste final de semana. O caso ainda não chegou na promotoria, pelo que sequer existe manifestação do Ministério Público, muito menos apreensão de qualquer pessoa. Calha ressaltar que o Blog fraudulento abriu hoje, postou 11 notícias duvidosas sobre planetas, após postou esta FakeNews e depois nada mais postou.”

Resumindo: Não é verdadeira a história que dá conta de que o promotor mandou prender a menina de 12 anos que atirou em criminoso por invadir sítio em Alta Floresta (MT). A promotoria da cidade divulgou nota desmentindo tudo e, além disso, a foto que está sendo compartilhada nas redes sociais é de outra ocorrência, não da garota em questão.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)