Cracuda da Mangueira era fisioterapeuta (fisiculturista), modelo e morava na Tijuca #boato

Boato – Foto mostra como era a mulher filmada e chamada de “cracuda da Mangueira” em redes sociais. Ela era fisioterapeuta (ou fisiculturista), modelo de corpo e morava na Tijuca. Começou com cocaína e se afundou.

Que o vício das drogas pode levar algumas pessoas para o fundo do poço, muita gente já sabe. O que não faltam são exemplos de famosos e anônimos que perderam dinheiro, amigos, saúde e, em alguns casos, até a vida por causa do vício. E, de acordo com uma história que está viralizando em redes sociais, um novo exemplo apareceu.

Tudo começou com um vídeo gravado na região da Mangueira (bairro do Rio de Janeiro) que mostra uma suposta usuária de crack com os seios de fora e uma garrafa de bebida. O fato da mulher, muito magra, ter uma prótese de silicone chamou atenção e fez o vídeo viralizar (indevidamente, diga-se de passagem).

Tudo piorou quando, junto ao vídeo da mulher, começou a viralizar uma imagem de uma mulher com o corpo definido na praia e a informação de que a “cracuda da Mangueira” (infelizmente, foi assim que ela passou a ser chamada) era fisioterapeuta (em alguns casos, foi dito que era fisiculturista), modelo de corpo (seja lá o que isso signifique), que morava no bairro da Tijuca e que caiu no vício por causa da cocaína. Leia duas das mensagens que circulam online:

Versão 1: “Cracuda” da Mangueira que viralizou no Twitter mostrando os seios era fisioterapeuta, modelo de corpo e morava na Tijuca. Começou com cocaína e chegou no estado que se encontra. MUITO TRISTE O QUE AS DROGAS FAZ COM AS PESSOAS

Versão 2: Ex-fisiculturista chama a atenção após uso de drogas. VEJA! Um vídeo que circula pelas redes sociais mostra uma ex-fisiculturista que se entregou no mundo das drogas e hoje vive nas ruas dançando como passista na comunidade da Mangueira. No vídeo, a mulher aparece com os seios a mostra e chamou a atenção de alguns internautas que afirmaram ser silicone. A identidade da modelo não foi revelada. Abaixo mostramos como ela era e como está.

Cracuda da Mangueira era fisioterapeuta (fisiculturista), modelo e morava na Tijuca?

Infelizmente, a história chocante fez com que muita gente compartilhasse a informação na internet. Mas será mesmo que a suposta usuária de crack que foi filmada no morro da Mangueira é mesmo a mulher da imagem e foi fisioterapeuta (ou fisiculturista)? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

Quando nos deparamos com a história, já ficamos desconfiados. Além de a mensagem ter algumas das principais características de boatos online (ser vaga, alarmista, com erros de português e não citar fontes confiáveis), esse tipo de boato (história comovente de usuário de drogas) é, justamente pelo caráter apelativo, um clássico.

Temos três exemplos para vocês. Lá em 2013, o Boatos.org desmentiu uma história que apontava para o relato de uma ex-paquita chamada Patrícia. Em 2016, uma imagem retirada de seu contexto apontava que o ex-jogador Adriano estava vivendo nas ruas por causa do vício em crack. Já em 2018, uma foto falsa de uma médica mostrava o que seria “o antes” de uma usuária”.

Com desconfianças, fomos buscar por mais informações. Além de não descobrirmos a história em fontes confiáveis, achamos algumas páginas do Facebook e Twitter que já compartilharam outras informações duvidosas como “fonte”. Resolvemos falar com o proprietário de uma delas para saber de onde havia saído todo o “enredo”. Nos foi respondido que “saiu no Extra e no O Dia” (jornais do Rio de Janeiro).

Com essa informação em “mãos”, resolvemos buscar pela história da fisioterapeuta nos jornais citados. Como imaginávamos, nada encontramos. Resolvemos responder ao perfil que nada havia no Extra e no O Dia, mas não obtivemos respostas adicionais.

Sem muitas opções, resolvemos buscar pela imagem da suposta “cracuda da Mangueira”. Depois de muitas buscas descobrimos que a mulher da imagem sequer é brasileira. Trata-se de Jade Cargill, digital influencer e “musa fitness” (é assim que fala, né?). A foto em questão foi publicada há três dias na conta do Instagram dela. Confere aí embaixo:

 

Ver essa foto no Instagram

 

No shortcuts. None. Just hard work, consistency and discipline 💪🏾 @alaimophotos

Uma publicação compartilhada por Jade 🇺🇸🇯🇲 (@ms_cargill) em

Resumindo: a história que aponta que a chamada cracuda da Mangueira é uma fisioterapeuta (ou fisiculturista) que mora na Tijuca é falsa. Nem a história está em fontes confiáveis tampouco a pessoa da imagem é a mulher supostamente filmada no Rio de Janeiro.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

– Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
– Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
– Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
– Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
– Grupo no WhatsApp http://bit.ly/36nlVru

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)