Bandidos se cadastram como motorista de APP (Uber e 99) em audiência de custódia #boato

Boato – Durante audiências de custódia em Fórum Criminal, bandidos afirmam a juízes que trabalham como motoristas de aplicativos (Uber e 99). Cuidado!

É fato que a locomoção ficou muito mais prática desde a entrada de aplicativos de transporte no mundo da internet. Tem para todos os gostos: carro, bicicleta, tem até patinete! E o melhor: tudo está a alguns cliques de distância.

Mas também é fato que, junto com a tecnologia, surgiu uma preocupação em relação à segurança. Alguns casos de falsos motoristas de aplicativo, por exemplo, reacenderam o debate e plantaram a semente da dúvida.

E, de acordo com a história de hoje, o receio seria justificável. Segundo publicações que andam circulando nas redes sociais, bandidos que participam de audiências de custódia afirmam a juízes que trabalham como motoristas de aplicativos (Uber e 99). Confira:

“INFORMAÇÃO IMPORTANTE: A quantidade de presos que participam das audiências de Custódia e audiências de instrução, informam que sua atividade “lícita” é MOTORISTA DE APP. Isso mesmo. Bandidos estão servindo de motoristas de Uber e 99 pela facilidade de cadastro.

Informe seus familiares, que ao usar esses apps: – não digam que tem parentes policiais militares ou civis – quando o destino for a residência, não informe a rotina da casa, quantas pessoas moram, barreiras de segurança e etc; – não mostrem objetos de valor, ou falar que tem dinheiro ou nível de vida alto; – sempre informar que há alguém esperando na chegada/destino e que já informou o embarque; – não aceite água ou balas oferecidas – em sentir-se coagido, ameaçado, peça para descer e ligue para o 190 -fiquem atentos, não informem que são PMs, agentes de segurança, polícias civis. Aqui no Forum Criminal é ROTINA conduzirmos réus com essa ocupação!”.

Bandidos se cadastram como motorista de APP (Uber e 99) em audiência de custódia?

A informação, claro, deixou muita gente preocupada com a segurança, afinal de contas, os aplicativos de transporte se transformaram em uma verdadeira febre e contam com muitos usuários. Porém, será que essa notícia é realmente verdadeira? A resposta é não e os detalhes você confere a seguir.

Vamos lá! Para começo de história, as mensagens seguem aquele velho roteiro de boatos online: são vagas (não dizem onde e nem quando os supostos bandidos teriam feito as afirmações e muito menos citam o contexto da situação), alarmistas, pedem para que a informação seja repassada aos familiares, possuem erros de português e não citam fontes confiáveis.

Além disso, histórias envolvendo aplicativos de transporte e supostos bandidos não são novidade na internet. A equipe do Boatos.org, inclusive, já desmentiu várias delas, como o caso de um homem que estaria realizando assaltos por meio do Uber, também a história de assaltantes matadores de motoristas do Uber e, por fim, o caso de motoristas de Uber que estariam usando sonífero em balas para dopar passageiras.

Resolvemos procurar na internet por mais detalhes, mas não encontramos nenhum dado que pudesse comprovar a informação de que presos estariam informando isso em audiências de custódia.

Vale ressaltar também que, para se tornar um motorista de aplicativos de transporte, a pessoa não pode possuir antecedentes criminais. Um dos aplicativos (Uber), inclusive, tem parceria com outra empresa para a checagem de dados em tempo real, o que facilita a confirmação dos dados fornecidos pelo motorista, evitando que motoristas com ficha criminal façam parte da frota.

Nos Estados Unidos, a empresa Uber, inclusive, sofreu processo por aceitar motoristas com ficha criminal. Por isso, todas as empresas são bastante cuidadosas com essa questão.

Em resumo: a história que diz que bandidos estão afirmando em audiências de custódia que são motoristas de aplicativos de transporte é falsa! Pela falta de provas e pela contradição entre o que a história diz e o que as regras dos aplicativos mostram, essa história pode ser classificada como balela. Sendo assim, não compartilhe! Até a próxima!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)