4 pessoas morrem em condomínio da Barra da Tijuca após raio cair na piscina #boato

Boato – Uma tragédia ocorreu em um condomínio na Barra da Tijuca (Rio de Janeiro). Um raio caiu em uma piscina e matou quatro pessoas que invadiram um espaço que estava interditado.

Com o verão em seu ápice, uma piscina é sempre bem-vinda. Só que a época também traz consigo o perigo dos raios. E um vídeo que está circulando na internet alerta para um cuidado que todos devemos ter.

Um vídeo de vista aérea de uma piscina com pessoas dentro está circulando com a informação que aponta que quatro pessoas teriam morrido após sendo atingidas por um raio em uma piscina em um condomínio na Barra da Tijuca (Rio de Janeiro). Leia a mensagem que circula online:

Confira também: É falso que Lulinha foi preso no Paraguai! Confira o desmentido em vídeo:

Clique e siga o Boatos.org no YouTube

Versão 1: Em um condomínio da Barra, o guardião tinha interditado por causa dos raios, mas o ser humano pq tem grana acha que pode tudo, olha aí o resultado! 4 mortos por descarga elétrica na piscina Versão 2: ATENÇÃO!! Em um condomínio ,da Barra, o guardião  tinha interditado a piscina,por causa dos raios; mais alguma pessoas, nao respeitaram;  olha aí o resultado 4 mortos por descarga elétrica na piscina

4 pessoas morrem em condomínio da Barra da Tijuca após raio cair na piscina?

É claro que as imagens e, principalmente, o alerta em questão, iriam deixar muita gente desconfiada da veracidade da informação. Porém, a história que aponta que as quatro pessoas morreram no tal condomínio na Barra da Tijuca é falsa.

As mensagens já nos deixam muito desconfiados da veracidade da história. Os textos que circulam online são vagos, alarmistas, têm erros de português e não citam qualquer fonte confiável que confirme a história em questão.

O histórico de fake news sobre o assunto também nos deixa com uma pulga atrás da orelha. Fake news de situações alarmistas compartilhadas como se fossem no Brasil são comuns na internet. Desmentimos, por exemplo, sobre um ciclone que teria atingido o Rio Grande do Sul e de máscaras contaminadas que teriam chegado ao Brasil.

Ao buscar pelo assunto, descobrimos dois erros que transformam a história em fake news. Essa matéria do site Infobae aponta que o acidente ocorreu na cidade de Huila (na Colômbia). Não foi na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro ou mesmo no Brasil.

De acordo com o site, quatro crianças estavam na piscina e receberam uma descarga elétrica indiretamente. Felizmente, elas não morreram. As quatro ficaram inconscientes, mas acabaram saindo ilesas após o acidente.

Resumindo: é falsa a história que aponta que quatro pessoas morreram após serem atingidas por um raio em um condomínio na Barra da Tijuca. O caso em questão ocorreu na Colômbia e, felizmente, não houve vítimas fatais.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet