Bebê com cirrose em Fátima do Sul vai ganhar R$ 1 por foto compartilhada #boato

Boato – Esse bebê da foto é de Fátima do Sul (MS) e tem cirrose no fígado que já está passando para os rins. Por cada compartilhamento no WhatsApp, ele vai ganhar R$ 1.

A história é sempre a mesma. Uma foto de uma criança doente é apresentada no WhatsApp. A imagem é acompanhada por um áudio que pede a colaboração das pessoas. Ao contrário do que muitos imaginam, não é dinheiro que está sendo pedido. A moeda, neste caso, é o compartilhamento.

A última imagem que está circulando na internet é de um bebê que seria da cidade de Fátima do Sul (MS) e que estaria com cirrose. O áudio que acompanha a foto aponta que o fígado já está comprometido e que a doença está chegando aos rins. Mais do que isso, a narradora da história diz que a cada compartilhamento, o bebê vai ganhar R$1 do WhatsApp. Leia a transcrição do áudio e escute o arquivo:

Oi gente boa tarde. lá em Fátima do Sul tem um bebezinho que tá com cirrose no fígado e já tá passando para os rins da criança. e a cirurgia dele custa de R$ 18000 e a mãe dele não tem condições e cada pessoa que compartilhar uma foto dele e um áudio explicando, ele ganha RS 1, pago pelo WhatsApp. Então, vamos compartilhar gente. Vamos ajudar esta criança.

Bebê com cirrose em Fátima do Sul vai ganhar R$ 1 por foto compartilhada?

Assim como em outros casos, a história se espalhou muito e deixou muitas pessoas com a falsa impressão de que estavam ajudando a criança ao compartilhar a imagem. Ledo engano. Sim, porque o WhatsApp e nem ninguém vai dar R$1 por compartilhamento de foto. Vamos aos fatos.

Quem está ligado no Boatos.org já sabe que esse papo de doação por compartilhamento é falso. Já desmentimos histórias que falam sobre isso. Tem versão que dizia que o Facebook iria dar o dinheiro, que o WhatsApp iria dar para uma criança com câncer no sangue, para a Nataline e para uma menina cega. No último caso, temos até um vídeo. Assista:

Há algumas coisas em comum em todos os casos. 1) As redes sociais não estavam doando por compartilhamento (seria uma sandice pensar que alguém iria calcular a doação pela quantidade de exposição que uma criança teve). 2) O compartilhamento das fotos não estava autorizado pelos pais da criança. Temos outro vídeo que explica por que você nunca deve compartilhar essas imagens:

Já deu para ver que a história é falsa. Mas quem seria o tal menino da foto? Fizemos algumas pesquisas rápidas sobre o assunto. Nem achamos qualquer caso de criança em Fátima do Sul (MS) com a doença e nem encontramos a origem da foto. Das duas uma: ou não procuramos direito e o caso não teve muita repercussão ou a história é falsa.

Atualizado em 18/02: depois da repercussão do nosso desmentido, descobrimos a verdade por trás da história. Antonio Moreira e Hellen Karolayne (de quem a família é de Fátima do Sul) entraram e contato com a nossa equipe e esclareceu alguns pontos. De fato, o bebê da foto tem cirrose. Porém, ele está fazendo todo tratamento pelo SUS em um hospital na cidade de São Paulo e, como adiantamos, não há qualquer doação por compartilhamento. Mais do que isso, a divulgação da foto com o áudio foi feita sem a anuência dos pais do menino, que procuraram a polícia para investigar a fonte do boato. Confira o esclarecimento enviado pelo pai:

Sou o pai do bebê na postagem. Gostaria de fazer alguns esclarecimentos: é verdade que meu filho tem cirrose hepática e que irá realizar em breve uma cirurgia delicada para transplante do fígado. No entanto, essa imagem foi divulgada sem autorização minha ou da mãe do bebê. Uma pessoa ou várias pessoas estão envolvidas nesta questão. Ainda não sabemos, mas logo iremos saber.

O caso será investigado pela delegacia especializada contra crimes digitais aqui em São Paulo, estado onde estamos morando para realizarmos o tratamento do nosso pequeno. Mais uma vez afirmo não solicitamos e não autorizamos a divulgação da imagem de nosso filho. Os envolvidos irão responder criminalmente.

Seja como for, uma coisa é fato: não adianta compartilhar o áudio e a foto que circulam na internet. O WhatsApp não vai doar dinheiro nem para esse bebê nem para qualquer outro por fotos no aplicativo.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99432-5485.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

2 comentários em “Bebê com cirrose em Fátima do Sul vai ganhar R$ 1 por foto compartilhada #boato

  • 27/03/2018 em 23:34
    Permalink

    É incrível saber que existem pessoas que acreditam nessas mentiras

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)