Fábio de Melo faz texto “eu cresci comendo o que minha mãe deu” #boato

Boato – Padre Fábio de Melo escreve texto que diz “cresci comendo a comida que minha mãe podia colocar na mesa” e fala de TV com 3 canais. 

“O papa é pop”, mas o Padre Fábio de Melo é o queridinho da web – e isso ninguém pode negar. Sem medo de mostrar que também é “humano”, o religioso já conquistou a admiração de muita gente do mundo online.

Bonito, famoso e um fenômeno na internet, Fábio de Melo compartilha os bastidores da sua vida nas redes sociais – sua conta no Snapachat é uma das mais famosas no Brasil. Nos últimos dias, um texto atribuído ao religioso circulou na web e foi motivo de orgulho para muitos fãs.

Segundo a publicação, Fábio de Melo foi responsável pelo texto que começa com “eu cresci comendo a comida que minha mãe podia colocar na mesa”. No texto, o padre desabafa e pede “menos frescura e mais disciplina para essa geração”. Confira na íntegra:

Eu cresci comendo a comida que minha mãe podia colocar na mesa, sempre respeitei meus pais e as pessoas mais velhas… Tive TV com 3 canais e não mexia para não quebrar, e antes de sair para escola arrumava a minha cama… Fazia o juramento à bandeira na escola, bebia água de torneira, andava descalço, tênis barato e roupas sem marca, não tive celular, nem tablet e muitos menos computador… Ajudava minha mãe nas tarefas de casa, e não achava que era exploração infantil, tinha horário para dormir.

Quando tirava boas notas não ganhava presentes, porque não tinha feito mais que minha obrigação. Notas baixas era castigo, apanhava quando aprontava e isso era apenas um corretivo e não caso de polícia!! E não sou revoltada, não faço analise em médico, e não falta nenhum pedaço em mim. Menos frescura e mais disciplina para essa geração!!!! É disso que o mundo e as crianças estão precisando! Ordem, Respeito, Disciplina, Bondade, Educação, Obediência e Amor… Por um mundo onde não haja só direitos, mas também Deveres! Se você também faz parte dessa elite, COPIE E ENVIE para mostrar que sobreviveu. *Padre Fábio de Melo*

Fábio de Melo escreve texto “eu cresci comendo a comida que minha mãe deu”?

Ao contrário do que muitos imaginam, não é verdade que o padre Fábio de Melo escreveu o texto “eu cresci comendo a comida que minha mãe deu”. Mas se você ainda não entendeu o porquê, a gente te explica.

Primeiramente, o texto faz parte daquela lista colossal de anônimos (como muitos outros desmentidos aqui, inclusive) que escolheram alguém famoso para “bombar” a publicação mais rápido. Afinal, o “copie e envie” assinado pelo padre Fábio de Melo tem muito mais peso, né?

Pois bem. Antes de ser atribuído ao padre, o desabafo foi colocado como “autor desconhecido”, mas o primeiro registro (visto por nós) foi em 2012 com autoria desconhecida. Para além disso, não temos nenhuma declaração pública do padre Fábio de Melo citando tais palavras.

Ah título de conhecimento, saiba que o religioso já foi alvo de muitos boatos na internet, como na história do texto sobre o Cristiano Araújo, na expulsão da igreja católica e no anúncio que iria se casar e virar pastor.

Resumindo: o texto que fala “eu cresci comendo a comida que minha mãe deu” não é do padre Fábio de Melo. Quem escreveu e publicou na internet foi outro autor. Ou seja, boato.

PS: Esse artigo foi uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp, no telefone (61) 99331 6821.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)