Mensagem falsa fala de alerta da Defesa Civil sobre temporal esta semana

By | 21/10/2014
Alerta da Defesa Civil sobre temporal é falso

Alerta da Defesa Civil sobre temporal é falso

Boato – Defesa Civil está em alerta para temporal com ventos que podem passar de 85 Km/h.

Esse texto foi enviado pelo leitor (e amigo) Luiz Cláudio Ferreira e o texto é da Agência UniCEUB. Se você também quiser enviar material colaborativo, entre em contato com a gente pelo site ou Facebook.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

 

Circulou nas redes sociais e por mensagens de celular que poderiam haver rajadas de vento a mais de 60 quilômetros por hora e até tornados no Distrito Federal. No entanto, não passavam de boatos. O Instituto de Meteorologia (Inmet) desmentiu a notícia, embora confirme que deve chover nesta semana na região.

 

DEFESA CIVIL -alerta

Recebi de um amigo confiável

“Segue mensagem da Defesa Civil de DF:

Atenção a todos!!!

Entramos em estado de alerta operacional. O nosso trabalho no período chuvoso, provavelmente, começa nesta terça feira. Com ventos fortes, quedas de árvores, destelhamentos, etc. Estejam preparados.

Ventos: Terça podem passar de 65 Km/h.

Quarta podem passar de 85 Km/h.

Isto significa destelhamentos, no mínimo. Nao deixem seus carros debaixo de arvores, tendas e perto de outdoors terça e quarta.

Repassem!

Cuidado, gente boa, possibilidade de “chuva de pedra” .

De acordo com o meteorologista Amilton Carvalho, a chuva desta semana tem características normais para a época. “A defesa civil se preocupou, mas não é normal que aconteça em Brasília”, disse. O subsecretário de Proteção e Defesa Civil, Sérgio Bezerra, explicou que é comum no período chuvas fortes, mas os profissionais estão prontos para minimizar possíveis danos materiais e humanos. Ou seja, a mensagem que circula na internet é falsa.

“Em casos de rompimento de adutores, ruas danificadas, quedas de ponte, existe uma articulação para responder o mais rápido possível”. As áreas de maior preocupação são as de periferia como as comunidades com maior área de risco, como Sol Nascente, a Vila São José, em Vicente Pires,  Vila Rabelo e Fercal.

Reportagem de Deborah Fortuna

Nota do editor: o boato foi checado e editado para se adaptar ao site. A história circulou pelo WhatsApp não só no Distrito Federal como também em outros estados do Brasil como, por exemplo, em Minas Gerais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *