Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Tecnologia > Vídeo que mostra robô colhendo arroz na China é uma montagem

Vídeo que mostra robô colhendo arroz na China é uma montagem

Vídeo mostra robô que foi treinado na colheita de arroz na China, diz boato (Foto: Reprodução/Kwai)

Boato – Robô está sendo treinado para aprender a colher arroz na China e imagens viralizam na internet

Análise

A tecnologia está alcançando feitos nunca antes imaginados (ou que apenas passavam pelas nossas cabeças). A cada dia que passa, engenheiros e pesquisadores desenvolvem técnicas e produtos cada vez mais avançados e surpreendem a população.

Mas de acordo com uma história que está sendo compartilhada nas redes sociais, desta vez, os engenheiros teriam ido longe demais. Segundo um vídeo que está circulando na internet, um robô humanoide estaria sendo treinado, na China, para aprender a colher arroz e as imagens viralizaram nas redes sociais. Confira:

Vídeo: É falso que vacina da gripe tenha "vírus do câncer"

Versão 1: “ROBOS ESTÃO SENDO TREINADO NA ROÇA DE ARROZ. VÃO DOMINAR O MUNDO”. Versão 2: “Robô colhendo arroz?”.

As imagens impressionantes logo se espalharam pelas redes sociais, em especial, no Kwai, Tik Tok e Facebook e deixaram muitas pessoas surpresas. Apesar disso, elas apresentam as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, extremamente alarmista, a falta de fontes confiáveis e a ausência de notícias sobre o assunto (que, com certeza, estaria sendo noticiado pelo mundo todo, devido ao caráter curioso e pelo avanço da tecnologia).

A partir daí, resolvemos investigar um pouco mais essa história e agora vamos te responder, em três etapas, os motivos para não acreditar nela: 1) O vídeo que mostra um robô colhendo arroz é real? 2) Já houve algum robô treinado para colher arroz? 3) Como identificar se um vídeo como esse é falso?

Checagem

O vídeo que mostra um robô colhendo arroz é real?

Se você acreditou nessa história, venho te trazer uma notícia triste: o robô que aparece no vídeo colhendo arroz não é real. Para começo de história, o robô parece flutuar na imagem (em um dos vídeos, ele desliza pelo vídeo de uma forma completamente artificial), os galhos não seguem o movimento da colheita, o robô chega a pisar em alguém que passa pelo mesmo lugar e, em uma parte, um homem passa pela frente da câmera e do robô, mas no momento em que isso ocorre, a imagem do robô “buga” e aparece na frente do homem. Sem contar que o movimento de volta do robô parece borrado. Tudo isso denota que as imagens, na verdade, são uma edição de vídeo.

Ao procurar por mais informações, descobrimos que o vídeo já havia sido desmentido em outros países, como no site Fact Crescendo, no Sri Lanka. Segundo a página, o vídeo possui diversas irregularidades nos movimentos do robô e do fundo da imagem, apresentando várias vezes bordas borradas, o que denota uma manipulação no vídeo. Após análises, a página descobriu que o vídeo foi publicado, originalmente, em uma conta no X (antigo Twitter).

Na oportunidade, diversos internautas alegaram que as imagens teriam sido feitas por inteligência artificial. De acordo com a página, o vídeo, muito provavelmente, foi gerado em uma plataforma chamada Wonder Studio. A plataforma é uma ferramenta de inteligência artificial que consegue gerar, animar e compor personagens de computação gráfica em cenas ao vivo, imitando diversos movimentos humanos.

Já houve algum robô treinado para colher arroz?

Não. Quando falamos em produção de alimentos ou matéria-prima para a produção de outros produtos, precisamos pensar em formas de facilitar a colheita. Não só isso, precisamos pensar também no custo x benefício. Se o intuito é colher o mais rápido possível e gastando o menos possível, por que utilizar um robô que faria a função de apenas uma pessoa? Não faz o menor sentido.

A melhor opção para colher arroz e outras produções em larga escala são as máquinas agrícolas, que conseguem colher rápido e em grande quantidade. Se isso não bastasse, já existem opções de máquinas agrícolas no mercado que utilizam inteligência artificial. Com isso, as máquinas vão adquirindo dados em tempo real e se ajustando conforme as condições de colheita.

Como identificar se um vídeo como esse é falso?

Para identificar se um vídeo possui edição ou não, você precisa se atentar aos detalhes: perceber se todos os elementos que compõe o vídeo se comportam de forma natural, se existem borrões ou imagens borradas, se algum elemento se sobrepõe ao outro de forma esquisita, se a qualidade do vídeo é igual em todos os componentes que aparecem na imagem etc. E na dúvida, consulte sempre o Boatos.org.

Conclusão

Fake news ❌

O vídeo que supostamente mostra um robô humanoide colhendo arroz na China trata-se de uma edição de vídeo. Após analisarmos as imagens, percebemos que o vídeo apresenta diversos erros e pontos estranhos, especialmente, na imagem do robô. Imagens borradas, o fato do robô parecer estar flutuando no vídeo, os movimentos de colheita não acompanharem os movimentos do robô, o fato do robô sempre se sobrepor às outras pessoas, entre outros, é um exemplo claro de que o vídeo passou por uma edição.

Descobrimos que o vídeo já havia sido questionado por uma página do Sri Lanka, a Fact Crescendo, que identificou que o vídeo poderia ter sido gerado por uma ferramenta de inteligência artificial chamada Wonder Studio. Por fim, não faz o menor sentido criar um robô humanoide para trabalhar na colheita de arroz, uma vez que máquinas agrícolas já fazem esse trabalho de forma muito mais rápida, efetiva e barata.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610).