Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Tecnologia > Novas regras de comunicação do WhatsApp e telefonemas: chamadas serão gravadas, redes sociais monitoradas e mensagens lidas pelo governo #boato

Novas regras de comunicação do WhatsApp e telefonemas: chamadas serão gravadas, redes sociais monitoradas e mensagens lidas pelo governo #boato

Novas regras de comunicação do WhatsApp e telefonemas chamadas serão gravadas, redes sociais monitoradas e mensagens lidas pelo governo, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – Surgiram as novas regras de comunicação do WhatsApp. A partir de amanhã, o governo vai ler suas mensagens, monitorar suas redes sociais e gravar suas chamadas.

Um dos tipos de fake news mais clássicos que circula na internet é aquele relacionado a supostas “regras de comunicação” que faria com que o WhatsApp fosse monitorado (já tivemos que desmentir algumas vezes por aqui). Agora, em março de 2023, vamos ter que voltar ao assunto por causa e uma “informação nova na mensagem”.

A mais nova versão do texto que está circulando na internet aponta que, além de o governo monitorar as redes sociais, chamadas e mensagens, o WhatsApp iria criar novos ícones de “tique” para mostrar que o governo recebeu sua mensagem, leu sua mensagem e vai lhe processar. Leia o texto que circula online:

IMPORTANTE A partir de amanhã serão implementadas novas regras de comunicação para WhatsApp e telefonemas 01. Todas as chamadas serão gravadas. 02. Todas as gravações de chamadas serão salvas. 03. WhatsApp, Facebook, Twitter e todas as redes sociais serão monitoradas. 04. avise quem não sabe saber 05. Seus dispositivos serão conectados ao sistema ministerial. 06. Tenha cuidado para não enviar a mensagem errada para ninguém. 07. Informe seus filhos, irmãos, pais, amigos e conhecidos que você precisa cuidar deles e que raramente gerencia sites sociais.

Vídeo: é falso que Lula foi flagrado beijando Suzanne von Richtofhen

Quaisquer mensagens ou vídeos que você tenha na frente do governo ou do primeiro-ministro sobre política ou a situação atual… etc. Não envie. 09. Atualmente é crime escrever ou enviar mensagem sobre qualquer assunto político ou religioso… Pode resultar em prisão sem mandado. dez. A polícia emitirá uma notificação… então o cibercrime… então uma ação será tomada. É muito sério. Onze. Por favor, todos vocês, membros do grupo, administradores… por favor, considerem este tópico. 12. Tenha cuidado para não enviar a mensagem errada e avise a todos e resolva o problema 13. Por favor, compartilhe isso.

Grupos precisam ser mais conscientes e vigilantes Informações importantes do WhatsApp para membros do grupo Informações virais no WhatsApp 1.  = mensagem enviada dois.  = mensagem alcançada 3. Dois azuis = mensagem lida. 4. Três azuis =  O governo tomou nota da mensagem. 5. Dois azuis e um vermelho  = O governo pode tomar medidas contra você. 6. Um azul e dois vermelhos = o governo verifica suas informações Sete. Três  vermelhos = O governo entrou com uma ação contra ele e ele receberá uma intimação em breve. Seja um cidadão responsável e compartilhe com seus amigos O importante é enviar o próximo grupo mais cedo… Compartilhe Benevolente

Novas regras de comunicação do WhatsApp e telefonemas: chamadas serão gravadas, redes sociais monitoradas e mensagens lidas pelo governo?

Não demorou para a história circular com força em redes sociais (principalmente no WhatsApp) e, claro, causar muita preocupação entre as pessoas. Porém, a informação é falsa.

A primeira parte do texto (que consegue carregar todas as principais características de fake news como o caráter vago, o tom alarmista, os erros de português e a falta de citação de fontes confiáveis) já foi desmentida algumas vezes (a mais recente foi em janeiro). Relembre o que escrevemos:

Não parece estranho que um “furo” dessa proporção não seja protagonista de nenhuma manchete, protestos ou petições? Além disso, ao pesquisarmos sobre o assunto, não encontramos nada para além da mensagem compartilhada.

Outro detalhe importante: o Twitter e o Facebook possuem uma função para deixar o perfil e o conteúdo público. Se o usuário permitir que o conteúdo seja público ele, provavelmente, poderá ser monitorado – ou não afinal, haja gente para monitorar todo mundo.

Agora, chamadas telefônicas, WhatsApp, Twitter (mensagens privadas) e Facebook (mensagens privadas) não podem ser monitorados e não existe (pelo menos por enquanto) nenhum acordo entre governos sobre isso. A única forma de se monitorar mensagens privadas (pelo menos no Brasil) é por meio de mandado judicial (normalmente dado para órgãos de investigação) e, normalmente, as empresas costumam preservar a segurança dos dados, como aconteceu em alguns casos.

Agora em 2023, a história continuou circulando na internet e continua sendo falsa. Tanto que o próprio WhatsApp, por meio de sua assessoria, desmentiu a fake news. Leia nota:

Abaixo, compartilho o posicionamento oficial do WhatsApp: “A mensagem é falsa. É importante reforçar que o WhatsApp conta com criptografia de ponta a ponta por padrão, o que significa que todos os conteúdos trocados dentro do aplicativo (sejam texto, voz, vídeo, imagem etc) só podem ser acessados por quem envia e por quem recebe as mensagens.  Mais informações sobre a criptografia de ponta a ponta: https://faq.whatsapp.com/820124435853543/?helpref=search&query=criptografia%20de%20ponta%20a%20ponta&search_session_id=5e5d077db7986fedcff4393eecc81ff9&sr=0

A segunda parte, que aponta para os novos ícones, por consequência, também é falsa. Não há qualquer anúncio do WhatsApp ou mesmo um plano de implementar os tais ícones vermelhos no aplicativo. Assim como na primeira parte da fake news, a medida (que iria contra leis que garantem a privacidade das pessoas) “brotou do nada na internet”.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que há novas regras de comunicação no WhatsApp que preveja monitoramento de mensagens, chamadas, redes sociais e um novo ícone para revelar a “espionagem governamental”. Trata-se de uma nova versão de uma fake news que desmentimos algumas vezes aqui.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 9275-5610

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/41sX0QS
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso