Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Tecnologia > Inventor do Zimbábue não criou carro elétrico que não precisa ser recarregado

Inventor do Zimbábue não criou carro elétrico que não precisa ser recarregado

Inventor do Zimbábue criou carro elétrico que não precisar ser recarregado, diz boato (Foto: Reprodução/Twitter)

Boato – Sangulani Maxwell Chikumbutso, inventor do Zimbábue, criou carro elétrico que não precisa de recarga, pois usa frequências de rádio como energia

Análise

Nos últimos anos, a procura por tecnologias de energia limpa está aumentando cada vez mais. O mundo todo busca por tecnologias que gerem mais energia e tenham menos impacto no meio ambiente.

E de acordo com uma história que está sendo compartilhada nas redes sociais, um inventor do Zimbábue teria feito uma descoberta surpreendente e que mudaria tudo o que se conhece sobre energia limpa. Segundo a publicação, Sangulani Maxwell Chikumbutso, inventor do Zimbábue, teria desenvolvido um carro elétrico e um helicóptero híbrido que não precisa ser recarregado. Ainda segundo a história, a bateria dura para sempre, porque usa frequências de rádio como energia e carregaria constantemente a bateria. Confira:

Vídeo: É falso que vacina da gripe tenha "vírus do câncer"

“Há alguns anos, um jovem inventor do Zimbábue chamado Maxwell Chikumbutso ficou conhecido na África e ouros países por desenvolver um gerador que converte diretamente ondas de rádio em energia limpa e renovável. O que aconteceu com Maxwell e sua inovadora tecnologia ?”.

A informação começou a ser amplamente compartilhada nas redes sociais, especialmente, no X (antigo Twitter) e impressionou muitas pessoas. Porém, a história apresenta as principais características de fake news na internet, como o caráter vago, alarmista, a falta de fontes confiáveis e a ausência de notícias sobre o assunto em veículos de comunicação confiáveis.

A partir disso, buscamos mais informações sobre o assunto e agora vamos te contar os motivos para não acreditar nessa história: 1) Qual é o contexto da história que fala sobre o inventor do Zimbábue? 2) O inventor do Zimbábue criou um carro que não precisa ser recarregado? 3) Existe algum tipo de bateria que nunca precisa ser recarregada?

Checagem

Qual é o contexto da história que fala sobre o inventor do Zimbábue?

A notícia começou a circular no mundo todo em 2015. Naquele ano, uma empresa de tecnologia chamada Saith Technologies promoveu um evento chamado “Dia Aberto” e convidou jornalistas e especialistas para conhecerem seus projetos e suas novas tecnologias. Acontece que, na época, ninguém havia escutado falar sobre a empresa (nem os especialistas e muito menos os jornalistas convidados).

Na época, alguns projetos chamaram a atenção, como o carro elétrico que não precisaria ser recarregado. As invenções chegaram a fazer sucesso na ocasião, aparecendo em diversos veículos de comunicação. Entretanto, dias depois do evento, um veículo de comunicação que foi convidado pela empresa publicou um artigo desmascarando as afirmações da Saith Technologies. O site Techzim explicou que nenhum dos convidados poderia verificar como os equipamentos funcionavam e que os funcionários da empresa apenas mostraram os equipamentos ligados. Segundo o site Techzim, a comunidade científica apenas ignorou o evento. Além disso, as redes sociais da empresa Saith Technologies se baseavam apenas nos registros fotográficos feitos no dia do evento e deixaram de ser usadas em 2015.

O inventor do Zimbábue criou um carro que não precisa ser recarregado?

Não. O site Techzim descobriu que o carro elétrico que, supostamente, não precisaria ser recarregado era composto por baterias simples de gel de 220 volts. Entretanto, o site destacou que o tal carro elétrico estava fora da lei de conservação de energia, porque ultrapassava a potência de 500.000 watts, desafiando, portanto, as leis da física. Sangulani Maxwell Chikumbutso, o inventor do Zimbábue, também nunca deu mais detalhes sobre suas invenções ou sequer as lançou no mercado.

Existe algum tipo de bateria que nunca precisa ser recarregada?

Ainda não. A verdade é que temos energias mais limpas e carros com maior autonomia de energia, porém, até o momento, não existe nenhum projeto ou protótipo que, comprovadamente, funcionem sem ser recarregados.

Conclusão

Boato sem comprovação 👎

Não existem evidências de que um inventor do Zimbábue criou um carro elétrico que não precisa ser recarregado. A história começou em 2015, quando a empresa Saith Technologies convidou especialistas e jornalistas para conhecerem seus projetos. Entretanto, ao chegar no lugar, ninguém conseguiu verificar como os equipamentos funcionavam. A empresa permitiu apenas que as pessoas assistissem o funcionamento dos protótipos já ligados. Posteriormente, o site Techzim, que compareceu ao evento, descobriu que o carro elétrico utilizava baterias simples de gel que desafiavam a lógica da física. Além disso, depois de 2015, as redes sociais da empresa Saith Technologies pararam de ser atualizadas. Os protótipos nunca foram lançados.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610).