Insect Spy Drone 5G é um robô-mosquito que rouba DNA e insere chips na pele #boato

Boato – O Insect Spy Drone 5G, que parece um mosquito, já está em produção e pode roubar DNA e inserir chips na pele de humanos

A inserção de drones no mercado comum representou uma grande mudança em diversas áreas. Idealizada, inicialmente, para fins militares, a tecnologia dos veículos aéreos não tripulados, hoje, é utilizada na agricultura, fotografia e diversos outros setores.

Atualmente, é bastante comum ter a presença de drones em eventos (como casamentos e aniversários) realizando filmagens e fotos e também no campo, para a detecção de pragas e falhas no plantio, por exemplo.

Entretanto, de acordo com uma história que está circulando nas redes sociais, algumas pessoas estariam usando drones para fins um tanto quanto questionáveis. Segundo as publicações, já estaria em produção um drone que se assemelha a um mosquito (o Insect Spy drone 5G). Ainda de acordo com a história, ele seria capaz de roubar o DNA e inserir chips na pele das pessoas. Confira:

Não é um Inseto, é um INSECT SPY DRONE 5G já em produção. •Pode ser controlado a grande distância e equipado com câmera e microfone.  •Pode pousar e usar a sua agulha para tirar uma amostra de DNA, como se fosse um mosquito. •Também pode injetar um dispositivo de rastreamento micro RFID sob a pele.

Insect Spy Drone 5G é um robô-mosquito que rouba DNA e insere chips na pele?

A imagem do suposto drone chama atenção, uma vez que se assemelha bastante à um mosquito de verdade. A informação, claro, viralizou, especialmente por se tratar de um objeto com fins de espionagem. Porém, será que essa história de drone espião parecido com um mosquito faz algum sentido? A resposta é não!

Vamos aos fatos! A história é, no mínimo, bastante estranha. Ao observar a mensagem, é possível perceber que ela não dá muitos detalhes sobre onde ou quem estaria produzindo o suposto drone. E muito menos explica como ele iria roubar o DNA ou inserir chips. Além disso, a história é extremamente alarmista (brincando com o medo de muita gente em relação à espionagem secreta). Outro ponto que deixa bastante dúvida é o fato das mensagens não citarem nenhuma fonte confiável.

Vale ressaltar que a história, em si, também não faz lá muito sentido. Primeiro, por falar em inserção de chips (assunto bastante recorrente aqui no Boatos.org, principalmente atrelado ao ‘chip da besta’ e que ganhou uma publicação especial sobre o tema). E, por último, por citar o “roubo de DNA”.

Resolvemos buscar mais informações sobre essa história e descobrimos que ela já foi desmentida em outros países. Nos Estados Unidos, em 2012, muito antes da história ganhar o fator “5G”, o caso já havia sido esclarecido pelo site de fact-checking Snopes.

Na época, o site explicou que pequenos drones que imitam o voo de pássaros e pequenos insetos, de fato, estão sendo estudados (e, inclusive, já foram apresentados em conferências da área). Porém, a foto do suposto mosquito espião, na realidade, é apenas o design de um protótipo (que não está “em produção” e muito menos tem a função de roubar o DNA ou inserir chips em humanos).

Em resumo: a história que diz que o mosquito-espião Insect Spy Drone 5G, que rouba DNA e pode inserir chips na pele, está em produção é falsa! As publicações são pra lá de alarmistas e não refletem a realidade. Vale ressaltar que, em 2012, a história já foi desmentida (antes de ganhar o fator “5G”). A suposta foto do mosquito-espião, na verdade, é o design de um protótipo, que não está “em produção” e não tem a função de roubar o DNA ou inserir chips. Se a história já era mentira em 2012, agora é muito mais (pelo acréscimo de detalhes também falsos, como o “5G”). Ou seja, não compartilhe! É apenas balela.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164.

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)