Vídeo mostra feira de comida com animais vivos em Wuhan (China) #boato

Boato – Em Wuhan, na China, feira de comida com animais vivos atrai diversas pessoas e vídeo mostra como a feira funciona. O coronavírus surgiu por causa dela. 

O novo surto de coronavírus continua causando medo em todo o mundo. Nas últimas horas, a China causou apreensão após identificar um paciente que teria contagiado 14 pessoas no país. O coronavírus já se espalhou por vários países. No Brasil, já são 9 casos suspeitos em 6 estados (Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina, São Paulo, Paraná e Ceará), o que aumenta a tensão de um surto no país.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Siga o Boatos.org no Twitter:


Se inscreva no nosso canal no Youtube

 

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/2Z5PgE0

Confira o nosso Instagram:

Instagram

Lista no Telegram
https://bit.ly/2VSlZwK

E na internet, o que não param de aparecer são teorias sobre o primeiro contágio. Nos últimos dias, um vídeo, em especial, tem chamado a atenção. As imagens mostram uma feira que, supostamente, seria de comida com animais vivos. No vídeo (que não vamos exibir aqui) é possível ver o que parecem ratos fritos, também cachorros presos em gaiolas e outras animais. Confira:

Cuidado com a desinformação em relação coronavírus (confira 7 fake news no vídeo:

Versão 1: “Isso é a China! Atenção Cenas Fortes! A mesma que alimentação exótica, deu inicio a H1N1 a SARS dona do coronavírus. Cenas Fortes para amantes de PETS, lá eles são comida. Mas não julguem existe escassez de agricultura, pecuária e outros. Sopa de morcego e cobra rançosa. Seria a fonte da nova Epidemia Coronavírus. Vitamina C, hidratação, garganta úmida, mãos limpas. Ajuda!”. Versão 2: “Feira da china, só comida boa!”.

Vídeo mostrou feira de comida com animais vivos em Wuhan (China)?

As imagens causaram espanto nas redes sociais e geraram muito burburinho. Mas será que essa história de que existe uma feira de comida onde preparam animais vivos como alimento é verdade? Não é!

Vamos lá! Uma rápida leitura nas publicações é suficiente para causar desconfiança. As mensagens apresentam caráter vago, alarmista, erros de português e não citam fontes confiáveis.

Além disso, nos últimos dias, o número de fake news envolvendo o coronavírus duplicou. A equipe do Boatos.org já desmentiu diversas delas, como a que dizia que o Brasil teria 10 mil casos confirmados e o mundo cerca de 28 milhões. Também o caso que apontava que a sopa de morcego, consumida em Wuhan (China), seria a causa do coronavírus e, por fim, o caso que indicava que Bolsonaro poderia cancelar o carnaval no Brasil por causa do coronavírus.

É importante lembrar que, assim como já citamos em outras matérias, as autoridades responsáveis por identificar o responsável pelo surto de coronavírus seguem trabalhando. Até o momento, existe sim uma hipótese de que o coronavírus tenha surgido de animais, como o morcego e a cobra. Porém, o vídeo em questão não tem nada a ver com o caso. Basta uma olhada no vídeo para matar a charada. Nas imagens, é possível ver o nome “Pasar Extreme Langowan”. Ao procurar pela palavra “Langowan”, chegamos à uma feira na Indonésia.

De acordo com serviços de fact-checking internacionais, esse tipo de venda é tradicional. O Mercado de Langowan é uma feira bastante conhecida na província North Sulawesi, na Indonésia. O mercado vende animais silvestres para consumo humano. Segundo o serviço de fact-checking, é possível observar uma placa, aos 21 segundos, na filmagem que mostra o nome do mercado.

Na Indonésia, claro, o boato virou notícia. Nela, as pessoas falam sobre os mercados extremos, a venda de animais silvestres e a repercussão do coronavírus. Por fim, o assunto foi desmentido em diversos lugares do mundo, como na Índia e na Espanha. No Brasil, a história foi desmentida pelo e-Farsas, também por outros serviços de fact-checking.

Em resumo: a história que diz que um mercado de comida com animais vivos foi flagrado na China é falsa! O vídeo é real, mas a história não. As imagens, na verdade, mostram o Mercado de Langowan, na Indonésia, e não tem nada a ver com o coronavírus. Ou seja, a história é apenas #boato. Não compartilhe!

P.S.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164.

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2GFiHVj