Vacina natural do organismo imuniza contra Covid-19 #boato

Boato – Manter bons hábitos de saúde funciona como vacina natural do organismo e imuniza pessoas contra a Covid-19. 

Sai dia, entra dia e as pautas não mudam. Novamente, estamos aqui para desmentir conteúdos relacionados à pandemia da Covid-19 e vacinas. Desta vez, confesso, a criatividade foi longe (mas será que dá pra mudar o disco e variar um pouco mais nos assuntos?).

De acordo com uma história que está circulando nas redes sociais, ninguém precisaria ficar preocupado com a pandemia, uma vez que uma vacina natural do organismo humano seria capaz de imunizar as pessoas contra a Covid-19. Segundo um vídeo, bastaria alguns minutos de sol, ambientes bem ventilados, beber bastante água, ficar descalço na natureza, alimentação natural, dormir e acordar cedo, pensar positivo (e não assistir os noticiários) e praticar muita oração para obter a vacina natural.

É fato que as dicas seriam ótimas se não fosse um detalhe: grupos antivacinas estão compartilhando o vídeo em questão em um momento qual a vacinação está começando no Brasil e muita gente está pensando que só é preciso a tal “vacina natural do organismo” para ficar imune à Covid-19.

Vacina natural do organismo imuniza contra Covid-19?

Não é preciso nem dizer que a informação viralizou nas redes sociais, em especial, no Facebook e no WhatsApp e até chegou a ser compartilhada e replicada por políticos brasileiros. Apenas uma das publicações já conta com mais de 124 mil compartilhamentos. Apesar disso, a história não tem nada de real.

As dicas fornecidas no vídeo, de fato, são boas, mas não vão te proteger de uma possível infecção por Covid-19. Tomar sol, manter os ambientes bem ventilados, beber bastante água, ficar descalço na natureza, optar por uma alimentação mais natural e dormir bem podem muito ajudar no bom funcionamento do organismo. Pensar positivo, evitar a chuva de informações que nos cercam diariamente e orar também tem um efeito positivo na saúde mental. Entretanto, nada disso é uma garantia de se evitar a Covid-19.

Vale dizer que, na gravação do vídeo, o médico sequer afirma que a chamada “vacina natural” substitui a vacina tradicional. O que aconteceu, na verdade, é que o vídeo foi cortado, retirado de contexto e muitas pessoas passaram a acreditar (com a ajuda dos grupos que compartilharam a informação) que não seria preciso tomar a vacina.

Mas a realidade é outra. Nesse vídeo, publicado no dia 4 de janeiro de 2020, o próprio médico fala da importância da vacina, afirmando que ela poderia ajudar na redução dos casos e também do medo das pessoas, e critica as grandes aglomerações de final de ano.

E apesar das boas dicas de saúde, como já dissemos anteriormente, nenhum bom hábito é garantia de ficar livre da Covid-19. A infecção pela doença ocorre quando uma pessoa saudável entra em contato com a secreção de uma pessoa contaminada (e isso pode ocorrer de forma direta, expelindo gotículas ao falar sem máscara, por exemplo, ou de forma indireta, quando alguém toca em uma superfície contaminada, não higieniza bem as mãos e toca no nariz ou na boca).

Até o momento, sabemos que as orientações efetivas para evitar uma contaminação por Covid-19 são: manter o ambiente limpo e sempre limpar objetos pessoais depois de sair de casa, higienizar bem as mãos, usar máscara, evitar aglomerações e praticar o distanciamento social.

Em contrapartida, sabemos que a vacina pode proteger a longo prazo. Não só evitando uma contaminação pela Covid-19, como também evitando que a doença se desenvolva para casos mais graves e óbitos. Isso porque a vacina simula um ataque ao organismo para que o sistema imune aprenda a se defender e memorize essa ação. Dessa maneira, quando o vírus entrar em contato com a pessoa vacinada, seu organismo será capaz de gerar uma resposta para combater e eliminar o vírus.

Em resumo: a história que diz que a vacina natural do organismo seria capaz de imunizar pessoas contra a Covid-19 é falsa! As dicas dadas no vídeo, de fato, podem ajudar bastante no bom funcionamento do organismo e da saúde mental. Entretanto, não são uma garantia de imunidade contra a Covid-19. Não adianta de nada beber bastante água, tomar sol e dormir bem, mas não usar a máscara e praticar o distanciamento social. A vacina tradicional, querendo vocês ou não, ainda é a melhor opção para reduzir o número de casos e óbitos e combater a pandemia.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/318Tn5c
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK