Microcefalia foi causada por vacina vencida de rubéola, diz balela

Boato – Lote vencido de vacina contra a rubéola é o responsável pelos casos de microcefalia registrados no país.

O verão se aproxima e com a chegada dele se intensificam as campanhas contra o mosquito causador da Dengue, o Aedes aegypti. Agora, as preocupações têm redobrado pela ocorrência crescente de casos de microcefalia que podem estar relacionados ao Zika vírus, também transmitido pelo Aedes.

História de que microcefalia é causada por vacina de rubéola vencida é mentira. Foto: Reprodução
História de que microcefalia é causada por vacina de rubéola vencida é mentira. Foto: Reprodução Extra Globo

Com a população em alerta, uma história está se espalhando rapidamente na internet. Os casos de microcefalia registrados no nordeste seriam, na verdade, efeitos colaterais de vacina de rubéola vencida, ministrada em gestantes mesmo assim. O suposto aviso tem sido compartilhado pelo WhatsApp. Confira:

‘Gente fiquem ligados.

Casos de microcefalia causada pela zika” tudo mentira do governo, eles estam com medo de indenizar todas as famílias que foram afetadas, estão tentado esconder que tudo foi causado por um lote de vacina vencida mandada pela secretária de saúde, a mesma já mandou recolher todos os lotes para eliminar provas. Agora me digam: pq o foco foi no nordeste se esse problema de dengue e zika é no Brasil inteiro??? Porque é no nordeste que se concentra a pior saúde pública, e prestem atenção que só mulheres pobres , dependentes de posto de saúde que tiverem bebês afetados. Agora reflita na África a zika existe a dezenas de anos e lá os casos de microcefalia não são associados com a doença, e ai ? Precisamos refletir sobre isso…as redes sociais a qualquer momento estouram com essa notícia e nós precisamos ficar em alertar para lutar pelos direitos dessas famílias afetadas. Foi realizada Uma campanha de Rubéola a 9 meses atrás no nordeste e pra as pessoas que iriam viajar pra lá….Rubéola é a doença que causa a microcefalia essa vacina foi dada em todas mulheres no período Fértil sendo que grávidas não podem toma-la.Ironicamente os bebês estão nascendo só agora.. Com problema…

Vamos compartilhar!

Repassando!

SERÁ!!!’

Além da mensagem, o vídeo de um homem que afirma ser pernambucano denuncia a mesma tramoia. Segundo ele, ‘um contato na Saúde’ foi quem passou a informação. Pois bem, pelo tom apelativo que nós já bem conhecemos dá pra saber que essa história é mais uma invenção. E o fato é que não há nenhuma prova científica nem física (papeis, documentos, vestígios do suposto lote vencido) de que essa história seja verdadeira.

Ao site Extra Globo, o Ministério da Saúde esclareceu que todo o processo de distribuição de vacinas feito pelo Programa Nacional de Imunização (PNI) segue critérios rigorosos estabelecidos pela própria Organização Mundial da Saúde (OMS).

Além disso, o boato aposta na versão de que o Zika vírus não tem relação alguma com os casos de microcefalia. Isso também está errado, uma vez que o microrganismo foi encontrado no líquido amniótico que envolve o bebê durante a gestação, em mulheres com fetos com microcefalia confirmada. Ou seja, é e a causa mais provável, embora o Ministério da Saúde ainda esteja estudando as ocorrências. Aguardando, inclusive, o apoio de cientistas internacionais.

Essa história define que a causa dos casos no nordeste foi o lote de vacina vencido. Nesta matéria da Revista Época, é possível ver que as ocorrências de microcefalia estão se espalhando pelo país. Além disso,  nesta outra matéria do Zero Hora, uma especialista da Sociedade Brasileira de Genética Médica explica que vacinas vencidas deixam apenas de fazer efeito, não causam doenças ou problemas de saúde.

No fim, é uma questão de credibilidade de fontes. De onde veio essa história de lote vencido? Que tal ‘contato da Saúde’ é esse que não prova coisa nenhuma e não tem nada para mostrar? E mais, já desmentimos aqui outra história envolvendo o Zika vírus , que por estar em alta é um chamariz para balelas.

Especulação sem provas, fontes anônimas e suspeitas, tons apelativos, tudo isso é fórmula de boato. Cuidado para não cair em mais esse.

PS: esse artigo foi uma sugestão das leitoras Nara Cunha Oliani e Carla Suelen. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site ou pelo Facebook.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)