Mandetta diz, em áudio, que final de abril será o topo da epidemia do coronavírus #boato

Boato – Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse, em áudio no WhatsApp, que o pico da epidemia do novo coronavírus no Brasil será no final de abril e pede que as pessoas fiquem em casa até domingo que vem.

Com muitos locais do Brasil em quarentena, a orientação das autoridades em saúde é clara: fique em casa e, caso saia, higienize as mãos. A medida é importantíssima para evitar o aumento de casos do novo coronavírus no Brasil e um possível colapso do atendimento em saúde. Em meio a esse quadro, um áudio atribuído ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, começou a circular na internet.

De acordo com mensagens que viralizaram no WhatsApp, Mandetta teria falado que o pico da epidemia no Brasil vai ser no final de abril. Por isso, ele apontou que é importante que se fique em casa do dia 21 de março até 29 de março. “Fala do ministro Da Saúde Mandetta”, diz uma versão da mensagem. “Ouçam o áudio, do Mandetta, ministro da Saúde”, diz outra. Escute o conteúdo do áudio (transcrito automaticamente):

Olha vendo aqui a a previsão de que final de abril vai ser o topo da Epidemia. é essa. A previsão é que essa semana, a partir de hoje até domingo que vem hoje é dia vinte e um até. De vinte e um de março até domingo que vem é a semana mais crítica pra transmissão. Então esta semana é fundamental isolamento, isolamento social. Ninguém sai a rua ninguém, mesmo que tenha que ir pra. Tentar evitar o máximo do mercado formal, não ninguém saia na rua. Se a gente conseguir fazer o isolamento social importante nessa semana, a gente talvez consiga virar o jogo. Tá bom, espalhe isso pra todo mundo que você estiverem. Essa informação é fundamental esta semana. A gente tem que virar o jogo.Um beijo a todos.

Mandetta diz, em áudio, que final de abril será o topo da epidemia do coronavírus?

A mensagem se espalhou com muita força na internet e deixou muita gente curiosa em relação ao assunto. Mas será mesmo que o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta falou que é para todos ficarem em casa porque o pico do coronavírus vai ser em abril? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

De cara, a mensagem já nos deixou desconfiados. Isso porque ela tem algumas das principais características de boatos online como ser alarmista, com erros de português (e de informação, afinal, a pessoa chega a fala que o “sábado, 21 de março” seria domingo) e com pedido de compartilhamento.

Tem um detalhe que facilitou a nossa checagem: a citação de uma fonte confiável. Como o nome do ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta foi citada, fomos procurar o que ele falou a respeito do assunto. Logo achamos um desmentido do próprio ministro, via Twiter:

Áudios, mensagens de texto e vídeos têm sido divulgados de forma irresponsável Foi mal! para confundir as pessoas! Não criar, divulgar e compartilhar notícias falsas é fundamental. Criamos um site Marca de seleção branca espessa que pode ajudar – http://saude.gov.br/fakenews

Durante a coletiva do Ministério da Saúde, Mandetta também desmentiu a informação. Assista ao vídeo:

Sobre o conteúdo: é fato que esses dias de quarentena são importantíssimos para toda a população. Porém, não é possível dizer se apenas essa semana será o suficiente para “estancar o pico do coronavírus”. É bem possível que as medidas de quarentena devam se estender para além desta semana. Em São Paulo, por exemplo, a quarentena está prevista inicialmente até 7 de abril.

Sobre o “pico do novo coronavírus”, o próprio Mandetta citou que não possível trabalhar em tese e prever quando terá o maior número de casos. “Para nós, não existe isso de medir auge de contágio. Nós não trabalhamos com essa medição. A gente trabalha fazendo o possível para ir medindo e dando projeções para os estados”.

Ao buscar de onde saiu o que foi dito no áudio, chegamos a um estudo do banco JP Morgan, empresa que atua no mercado financeiro. O estudo aponta que o pico do coronavírus no Brasil seria entre 6 e 20 de abril e recomenda que as pessoas fiquem em casa entre 21 a 25 de março. Ou seja: até nos números apresentados pelo JP Morgan não estão representados de forma fidedigna no áudio.

Resumindo: a história que aponta que o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta gravou um áudio no WhatsApp falando sobre o pico do novo coronavírus é falsa. Apesar de a recomendação de se ficar em casa ser importante, esse não passa de mais um boato sobre o assunto que circula na internet.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Confira a lista de todas as fake news sobre o novo coronavírus

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2MF7olM

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet