Internação de crianças aumentou nos EUA por causa do início da vacinação #boato

Boato – Após início da vacinação infantil nos EUA, internações por Covid-19 quadriplicaram entre crianças de 5 a 11 anos por causa dos imunizantes.

Nas últimas semanas, os casos de Covid-19 nos Estados Unidos (EUA) deram um salto gigantesco. Só no início de 2022, o país registrou 1 milhão de novos casos em apenas um dia, em 3 de janeiro. Desde o início da pandemia, essa é a primeira vez que um país registra 1 milhão de casos em apenas um dia.

O presidente dos EUA Joe Biden tem culpado a baixa vacinação pelo aumento dos casos e tornou a imunização obrigatória em diversos setores do país. Porém, especialistas apontam que a combinação de feriados com aglomeração (como o Dia de Ação de Graças, o Natal e o Ano Novo), a flexibilização de medidas de proteção e as temperaturas mais baixas também são responsáveis pelo boom no número de casos.

Confira também: Janja tirou foto com traficante? Saiba a verdade aqui!

Clique e siga o Boatos.org no YouTube

Em meio ao cenário caótico, uma história que está sendo compartilhada nas redes sociais está causando medo entre as pessoas. De acordo com a publicação, o número de internações por Covid-19 entre crianças aumentou nos EUA. Segundo a história, a justificativa seria o início da imunização contra a doença entre jovens de 5 a 11 anos. Ainda de acordo com a história, o número de casos teria quadruplicado no estado de Nova York apenas um mês após o início da vacinação. Confira:

“Cuidado USA – NY  Hospitalização de crianças de 5 a 11 anos com Covid-19 QUADRUPLICA em Nova York menos de um mês após início de vacinação em crianças INTERESSANTE, DOIS ANOS DE PANDEMIA E AS CRIANÇAS PEGAVAM COVID E NÃO SENTIAM NADA, ERAM ASSINTOMÁTICAS E NÃO PRECISAVAM NEM SE INTERNAR, BASTOU VACINAREM AS CRIANÇAS DESDE O DIA 3 DE NOVEMBRO DE 2021 QUE TRÊS SEMANAS DEPOIS O NÚMERO DE CRIANÇAS INTERNADAS QUADRUPLICOU EM NOVA YORK E no Brasil o povo clama por VACHINA Mas a VACHINA é pra não agravar ou morrer? Código Civil Art. 15. Ninguém pode ser constrangido a submeter-se, com risco de vida, a tratamento médico ou a intervenção cirúrgica. Código de Nuremberg:.5. 

Nenhum experimento deve ser conduzido quando existirem razões para acreditar numa possível morte ou invalidez permanente; exceto, talvez, no caso de o próprio médico pesquisador se submeter ao experimento. Deixe de ser MARIONETE da mídia mundial esquerdista COMPRADA! Você é MANIPULADO. Antes, a culpa era de quem não vacinou. Hoje, é de quem não tomou o reforço. Amanhã, a culpa será de quem não tomou o reforço do reforço.  A vacina não foi criada para resolver a pandemia. A pandemia foi criada para  você tomar a vacina. ENTENDEU? Provérbios 27:12 O prudente vê o mal e se esconde; mas os insensatos passam adiante e sofrem a pena. Por favor, ore pelas vítimas. Nem todos eles sabiam  COMPARTILHE: #VIDAS IMPORTAM!!”.

Internação de crianças aumentos nos EUA por causa do início da vacinação?

A informação tem causado pânico nas redes sociais, como o Twitter, e instigado discursos negacionistas e antivacina. Apesar disso, a história não é verdadeira. A explicação fica por conta da falta de provas e pela origem da história.

Ao longo de 2021, o principal assunto no mundo das fake news, sem dúvida alguma, foi a negação contra as vacinas. As histórias falsas versavam sobre a falta de segurança e eficácia das vacinas, especialmente, em relação às crianças. A equipe do Boatos.org já desmentiu inúmeras delas aqui.

Ao ler a matéria indicada como fonte da história, é possível perceber que as informações contidas ali não indicam que o número de internações por Covid-19 entre crianças teriam aumentado por causa da vacinação. Na realidade, o texto fala sobre duas coisas: o aumento de internações e o início da imunização entre as crianças. Mas não as relaciona. A ilação fica por conta do título (como se fosse um click bait) e, a partir daí, a interpretação fica sugerida. Ao procurar por mais informações, descobrimos que a matéria foi retirada de uma fonte confiável e editada. O final do texto aponta que a governadora de Nova York fez um apelo aos pais para vacinarem seus filhos.

Como já falamos anteriormente, o número de casos por Covid-19 nos EUA deu um salto gigantesco. Os EUA registrou mais de 1 milhão de infectados pela doença em apenas um dia, se tornando o país com o maior número de casos em um só dia. Apesar do presidente Joe Biden usar como justificativa apenas a baixa vacinação no país, o aumento descontrolado de casos de Covid-19 também é explicado por outras variáveis. Assim como falamos anteriormente, especialistas apontam que as aglomerações durante os feriados, as baixas temperaturas e a flexibilização de medidas de proteção também contribuem para o aumento de casos. Mas, de longe, a maior justificativa para a escalada desordenada dos casos é a variante Ômicron. De acordo com a CDC, agência sanitária dos EUA, a variante é responsável por mais de 95% dos casos de infecção por Covid-19 no país.

Por fim, o início da vacinação em crianças entre 5 e 11 anos ainda é muito recente. A imunização em massa desse público, nos EUA, começou no dia 3 de novembro de 2021. Apenas 25% dos 74 milhões de jovens com menos de 18 anos se vacinaram nos Estados Unidos. Em Nova York, estado com o maior índice de vacinação desse público, apenas 40% das crianças e adolescentes entre 5 e 17 anos estão totalmente vacinadas. De acordo com as autoridades, as internações ocorrem por causa do esquema vacinal incompleto das crianças e também pela falta de vacinação, uma vez que muitos pais ainda resistem à ideia de imunizar seus filhos.

Em resumo: a história que diz que o número de internações por Covid-19, entre crianças, nos EUA aumentou depois do início da vacinação é falsa! O texto usado como fonte não faz nenhuma relação entre uma informação e outra. Além disso, descobrimos que o texto foi retirado de um site confiável e manipulado. Se isso não bastasse, o número de casos entre crianças tem aumentado por causa da disseminação da variante Ômicron e a baixa vacinação ou esquema vacinal incompleto de boa parte das crianças e adolescentes. Ou seja, uma coisa não tem nada a ver com outra e a história não passa de balela!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

Ps2: Confira a nossa nova seção “Oportunidades” clicando aqui. Na página, você pode acesso a promoções, descontos e sites que dão brindes.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3HIppbu
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso