Menina Elisa Mirela precisa de doação de sangue AB negativo #boato

Boato – A menina Elisa Mirela Guedes de Lima está precisando de sangue e correndo risco de morte. Ela precisa urgentemente de AB negativo. A história continua circulando até 2017. 

História voltou a circular após a tragédia de Janaúba em setembro de 2017. Se você quiser saber mais detalhes, clique aqui. 

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Siga o Boatos.org no Twitter:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/39Tje3u

Confira o nosso Instagram:

Instagram

Não são raras as vezes em que a boa-fé das pessoas é utilizada combustível para boatos na internet. Isso se potencializa em casos de correntes para salvar a vida de crianças aparecem online. Só para citar dois exemplos: a doação de toucas para o Instituto do Câncer e a história do casal que está sequestrando crianças. Agora, um pedido inusitado voltou a circular online: a doação de sangue AB negativo para salvar uma criança.

Isso mesmo. A história, que tem circulado principalmente por WhatsApp pede que as pessoas realizem a doação de sangue para uma criança que que e corre risco de morte. Na versão que recebemos, a história aponta para a cidade de Taubaté, no interior de São Paulo. Leia:

Confira o nosso desmentido em vídeo

Alguém tem sangue AB negativo ou conhece alguém? É urgente! Uma criança está na Policlin de Taubaté precisando e no hemocentro não tem.Ela está correndo risco de morte..O nome dela é Elisa Mirela Guedes de Lima. É só chegar no hemocentro e doar no nome dela. Se quiserem repassar para outro grupo, ajudem galera um dia podemos precisar de ajuda também

Menina Elisa Mirela precisa de doação de sangue AB negativo?

Aqui no Boatos.org somos muito preocupados com o bem estar das crianças e ficamos preocupados com a história da Elisa. Mas nem precisaríamos porque ela é falsa. Vamos aos fatos.

O primeiro ponto é que pedir sangue AB negativo é levar em conta que as pessoas não entendem o mínimo dos tipos de compatibilidade de doações. Isso porque as pessoas do tipo AB podem receber doações de quaisquer outros tipos de sangue: A, O e B. Por ser fator negativo, pode receber dos fatores A-, O- e B-. Por outro lado, o AB negativo pode doar apenas para sangues do mesmo tipo.

Seguindo uma lógica, para salvar a menina Elisa só seria preciso um sangue do fator Rh negativo. Mais do que isso, o tipo AB negativo é o mais raro de ser encontrado: com 0,5% de incidência. Sendo assim, apenas 0,5% das pessoas poderiam receber esse tipo de sangue.

Por isso, os próprios hospitais se manifestaram dizendo que não existe campanha alguma para doação de sangue AB negativo. Nesta matéria, o hemocentro de Blumenau diz que a mensagem é falsa. Por sinal, ela é de 2014. Isso significa que tratamos de um boato velho.

Sobre a menina Elisa Mirela Guedes de Lima nós apenas encontramos referências relacionadas aos boatos que circula pela internet. Ou seja, é bem provável que ela sequer exista. Atualizado em agosto de 2017: a mãe de Elisa entrou em contato conosco e disse que houve uma campanha no passado e a menina, mas que ela está bem.

Com isso, chegamos à conclusão de que a história da menina que precisa doação de sangue AB negativo é falsa. Não passa de mais um boato que circula na internet.

PS: esse artigo foi uma sugestão da leitora Van Viana. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site ou pelo Facebook. 

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

19 comentários em “Menina Elisa Mirela precisa de doação de sangue AB negativo #boato

  • 30/07/2016 em 02:30
    Permalink

    Eu recebi a mensagem assim

    Alguém tem sangue AB negativo ou conhece alguém? É urgente!
    Uma crianca está precisando de sangue e no hemocentro não tem. Ela está correndo risco de morte… O nome dela é Elisa Mirela Guedes de Lima. Se quiserem repassar para outro grupo, ajudem galera um dia podemos precisar de ajuda tbm …podem enviar.
    Repassando
    Ajudem a repassar por favor. 982821492 é o tel da pessoa
    É urgente!
    Vamos galera Bora compartilhar para os outros grupos

  • 29/06/2016 em 10:13
    Permalink

    Em 23/Junho/2016, esta mentira e crime contra criança, já está viralizando via WhatApp aqui em São José do Rio Preto,SP. Só gente imbecil que NÃO Tem o que fazer que repassa !!!

  • 20/06/2016 em 20:48
    Permalink

    De qualquer forma devemos doar sangue, pois, o mundo da muita volta e o sangue que doarmos pode salvar vidas até a vida da gente mesmo.

  • 03/06/2016 em 18:16
    Permalink

    Trabalho em um banco de Sangue em São José dos Campos, e de fato desde o final de 2014 temos recebido inúmeros doadores tentando doar pra essa garotinha. Passamos a informação de que foi um caso ocorrido no RN em meados de 2014 (tentamos averiguar a informação). Porém reconhecemos que esse viral tem levado muita gente a procura dos hemocentros, muitas dessas pessoas nem sequer já haviam cogitado essa possibilidade.
    A doação de sangue é realmente muito importante, atendemos diversos hospitais do Vale do Paraíba e ter o suficiente para suprir a demanda é um grande desafio.
    E mesmo que não seja para a Elisa Mirela, são dezenas de crianças, idosos, doentes crônicos, acidentados, recém operados… Você pode ajudar o próximo de diversas formas, mas o sangue não tem outra finalidade a não ser salvar vidas.
    Se ficou interessado procure o Banco de sangue mais próximo, se por algum motivo não puder doar, abrace a campanha incentivando alguém que possa… com certeza estará fazendo um grande bem ao próximo e a si mesmo! ;)

  • 01/06/2016 em 23:21
    Permalink

    Gostaria de saber se a história de que o hospital de olhos de sorocaba tbm é falsa???

  • 20/05/2016 em 08:54
    Permalink

    Aiai. O povo criticando a falta se ciência da reportagem quando deviam perceber que o intuito era o de esclarecer a existência de boato. Simples assim. Ou vocês acham mesmo que eles vão pesquisar a fundo todos os assuntos? Aff!

  • 06/04/2016 em 12:37
    Permalink

    A pessoa q possui sangue tipo AB é receptor universal EM CARÁTER EMERGERGENCIAL, ou seja, não se pode simplesmente ir substituindo o sangue desse paciente por outro…

  • 23/03/2016 em 10:43
    Permalink

    Obrigado muito esclarecredor, Já estava obrigando meu marido que é A- a ir doar.

  • 15/03/2016 em 17:07
    Permalink

    olha que chic recebi esse falso pedido de doação e veio ate com um numero de telefone 996618051,só não me perguntem o DDD,pois recebi de um grupo lá de BH, e nem tentei ligar.
    mas é incrível como tem pessoas caráter no mundo.kkkk

  • 19/02/2016 em 09:54
    Permalink

    Há uma incorreção na matéria, que diz que AB- só pode doar para AB-, mas na verdade pode doar também para AB+. Seria interessante corrigir o texto

  • 05/02/2016 em 02:27
    Permalink

    Minha filha é AB fator negativo. Me preocupei quando disseram ser raro. Eu sou A positivo e o do pai deve ser B ou AB. Mas enfim, o importante é ajudar.

  • 30/01/2016 em 04:43
    Permalink

    Acho q boato ou não, devemos nos concientizar q doar sangue eh doar vida, hj VC doa e amanhã poderá receber, oq será q aconteceria se VC precisar e n houver… ? Pensem nisso…

  • 29/01/2016 em 14:16
    Permalink

    Eu gostaria de saber porque alguém iria fazer uma campanha falsa de doação de sangue? O que esta pessoa estaria ganhando com isso? é de se pensar!

  • 24/11/2015 em 13:50
    Permalink

    Na verdade, a história é verdadeira. A menina é do Rio Grande do Norte, e a mensagem tá circulando o whatsapp e outras redes desde 2014, e em algumas variações tem até um telefone de contato, que também é verdadeiro, mas sem DDD, por isso muitas vezes a notícia foi considerada falsa.. Se procurar o nome da menina na internet, tem notícias falando sobre essa mensagem em vários estados, alguns jornalistas averiguaram e descobriram q ela é do RN, outras notícias apenas falam que não é da cidade…

  • 06/07/2015 em 17:20
    Permalink

    Obrigada por esclarecerem este boato. Gosto muito do site também! Por isso antes de divulgar a noticia pelo Whatsapp procurei saber…Desconfiei que era mentira, mas a nossa boa fé as vezes nos faz acreditar que podemos ajudar os outros.

    Abraços…

  • 20/06/2015 em 15:57
    Permalink

    Bom dia,

    Parece bem claro que a notícia é boato mesmo. Eu apenas gostaria de fazer um comentário. Fui doadora de sangue por muitos anos (não tenho podido mais doar por conta de exames endoscópicos). Meu sangue é O+ (tipo muito comum). Entretanto, eu fui convocada para doar muitas vezes porque o meu sangue estava em falta. A razão disso, explicaram-me na época, é que o meu sangue, por ser de um doador frequente, tinha destino determinado. O meu sangue tinha sido, o que eles chamaram na época, “fenotipado”. Ou seja, eles mapearam o meu sangue além do O e do + (eu via um monte de letrinhas na minha carteira de doador). O que eles me explicaram é que pessoas que recebem doações frequentes precisam de uma compatibilidade maior do que apenas o tipo e o RH, devido a uma sensibilização. O meu sangue ia apenas para crianças talassemicas que eram O+ e que tinham o meu “tipo de +” (que era mais raro); ou seja, a compatibilidade ia além do tipo e do RH. Enfim, estas explicações me foram dadas há muitos anos pelas atendentes do hemocentro. Podem conter imprecisões. Mas o que eu entendi naquela época é que pode sim haver campanhas para um tipo específico de sangue, especialmente quando este sangue é para alguém que precisa de sangue frequentemente e aí precisa de um tipo específico.

    Por fim, gostaria de dizer que gosto muito deste site e sempre consulto antes de divulgar notícias.

    • 18/03/2016 em 19:18
      Permalink

      Essa história pode até ser boato, mas, de fato, a compatibilidade vai muito além dos fatores ABO e Rh. Não é tão simples assim. Existem inúmeros outros fatores menores. Pessoas que, por diversos motivos, precisam fazer transfusões frequentes, acabam se sensibilizando a esses fatores e precisando de doação de sangue cada vez mais específico. Não é incomum acontecer isso em crianças em tratamento para leucemias, por exemplo. Diante de tantos golpes e correntes falsas por aí que não levam a nada, uma pedindo que alguém vá ao hemocentro apenas DOAR SANGUE, deveria até ser estimulada! Sangue, de qualquer tipo, é sempre bem vindo e pode sim salvar muitas vidas. Se a Elisa não existe, certamente vai ter outra pessoa necessitando. Além disso, acho que o responsável pelo texto deveria ter lido mais profundamente sobre compatibilidade ABO e RH antes de passar adiante informações incorretas.

      • 05/04/2016 em 20:21
        Permalink

        Vanessa, muito pertinente seu esclarecimento sobre os fatores adjacentes ao ABO e ao Rh.
        Infelizmente quem deseja perpetuar um HOAX (farsa), não tem qualquer intenção de contribuir positivamente para nada, mas somente introduzir vírus – quando via e-mail, ou simplesmente espalhar medo, insegurança, drama e, claro, mal estar e preocupação.
        É o famoso ‘espírito de porco’, embora o animal seja muito injustiçado pela expressão.

Fechado para comentários.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)