Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Saúde > É falso que Bill Gates esteja criando uma fábrica de mosquitos na Colômbia para “espalhar dengue”

É falso que Bill Gates esteja criando uma fábrica de mosquitos na Colômbia para “espalhar dengue”

Bill Gates está espalhando dengue com fábrica de mosquitos na Colômbia, diz boato (Foto: Reprodução/Twitter)

Boato – Bill Gates criou uma fábrica de mosquitos geneticamente modificados na Colômbia para espalhar dengue.

Análise

É incrível como alguns nomes sempre aparecem em fake news na internet quando falamos em desinformação relacionada a epidemias. Um deles é o do bilionário norte-americano Bill Gates.

Um vídeo sobre uma “fábrica de mosquitos” na Colômbia está sendo compartilhado junto com uma mensagem que aponta que a fábrica seria dele e que serviria para espalhar a dengue no mundo. Leia a mensagem que circula na internet:

O mesmo cara que afirma ter muita gente no mundo, “preocupado” com sua saúde! OLHA A DENGUE AÍ GENTE❗️ Esta é a fábrica de mosquitos 🦟 de Bill Gates na Colômbia. É o maior do mundo. 30 milhões de mosquitos geneticamente modificados são liberados todas as semanas em 11 países.

Vídeo: é falso que chá de mamão cure a dengue hemorrágica

Checagem

Para realizar a checagem do conteúdo, vamos responder às seguintes questões: 1) Qual é o contexto do vídeo que está circulando na internet? 2) É verdade que Bill Gates é dono da “fábrica de mosquitos na Colômbia”? 3) A fábrica de mosquitos atribuída a Bill Gates serve para “espalhar dengue no mundo”?

Qual é o contexto do vídeo que está circulando na internet?

O vídeo foi gravado pelo professor de medicina Scott O’Neill. Ele estava apresentando como funciona o trabalho da World Mosquito Program. Ele estava na Colômbia porque é lá são desenvolvidos o que chamam “projeto Wolbachia” (que já vamos aprofundar). O vídeo foi, de fato, publicado na página de Bill Gates no YouTube. Porém, a “fábrica” não é do milionário.

É verdade que Bill Gates é dono da “fábrica de mosquitos na Colômbia”?

Antes de falar sobre o projeto em si, temos que apontar que a “fábrica de mosquitos” (na realidade, não é bem isso) não pertence a Bill Gates. Como aponta o site do programa, o projeto é financiado por 11 entidades (entre ela, de fato, a Fundação Bill e Melinda Gates). Não há lucro previsto para o projeto.

A fábrica de mosquitos atribuída a Bill Gates serve para “espalhar dengue no mundo”?

Não. Na realidade, a intenção do projeto Wolbachia é o contrário disso. Trata-se de criação de mosquitos com um bactéria que bloqueia o desenvolvimento da dengue, chikungunya e zika no aedes aegypti e são espalhados. 

O projeto já demonstrou resultados. Na região do Vale do Aburrá, por exemplo, foram alcançados os níveis mais baixos de dengue em 20 anos por conta do trabalho. 

Conclusão

Fake news ❌

É falso que Bill Gates tenha criado uma fábrica de mosquitos para espalhar dengue no mundo. Além de a “fábrica” não ser do bilionário, ela serve justamente para combater as doenças do mosquito aedes aegypti.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610).