Rússia proibiu qualquer forma de religião e ordem será universal #boato

Boato – Na Rússia todas as religiões foram proibidas, o próximo passo é espalhar a ordem e proibir crenças no mundo inteiro.

Não faz muito tempo, talvez há alguns séculos, pequenos grupos de pessoas clamavam pela chance de tirar de seus ombros o peso da Igreja e de seus castigos. Basta uma olhada na história para perceber que a religião por muito tempo foi opressora e reprimiu a liberdade de pensamento e também de crença (pensem a ironia).

Com o desenvolvimento do mundo moderno e o florescer de correntes como o Iluminismo, por exemplo, o progresso acabou modificando a Igreja (ou ela se modificou para acompanhar o progresso) e a liberdade, até então restrita, se tornou palavra de ordem. Hoje em dia, o termo é a base das nações democráticas, é o pilar das Comunicações e, claro, a matéria-prima da internet.

E por mais confuso que se pareça, na era de liberdade, até a liberdade de religião é defendida. Existe um compromisso também com a liberdade religiosa, ou seja, com a ideia de que onde quer que se esteja as pessoas possam cultuar e crer no que quiserem. Imaginem então o choque do mundo ao saber que a Rússia está simplesmente proibindo qualquer forma de religião dentro do território nacional… segundo uma notícia que está circulando no Facebook, os russos já começaram a caçada (reversa) aos religiosos. E logo o mundo todo padecerá do mesmo. Confira o início do texto (não vamos colocar na íntegra porque é gigante):

ACABA-SE A LIBERDADE RELIGIOSA. Russia probiu qualquer forma de religião e muito em breve esta ordem será universal: Uma nova lei foi assinada esta semana pelo Presidente Putin declarando que:

1) Os visitantes estrangeiros não estão autorizados a pregar nas igrejas a menos que tenham uma “permissão de trabalho” das autoridades russas. 2) Se um amigo ou parente que não seja Russo deseja compartilhar sua fé em sua casa, o visitante será multado e expulso do país. 3) Toda discussão sobre Deus com os não crentes serão consideradas atividade missionária e será punida.

A Rússia proibiu qualquer forma de religião e isso será universal?

Que o governo russo é polêmico, isso é, não tem muito que discutir. Sob o comando de Vladimir Putin, a Rússia tem se envolvido em diversos entraves internacionais, entre os mais recentes, o apoio ao regime de Bashar al-Assad na Síria e o embate de discursos com o atual presidente norte-americano, o também polêmico Donald Trump.

Porém, nada disso quer dizer que a Rússia proibiu as religiões dentro de seu território nacional. Isso é mentira e vamos explicar no passo a passo:

1) As informações sobre as novas proibições russas que o texto denuncia não são novas. Um pacote de lei que restringe atos religiosos na Rússia foi realmente aprovado, mas isso já faz um ano, ocorreu em 2016. O que se tem compartilhado recentemente no Facebook é uma tradução livre de uma matéria publicada no ano passado no site Charisma News.

2) Chamada de Lei Yarovaya, as medidas aprovadas pelo Congresso e o poder Executivo russo estabelecem algumas das regras descritas sim, mas não se trata da proibição da religião simplesmente. O pacote foi criado com uma medida anti-terrorista, que visa principalmente conter o evangelismo fora de locais próprios aos cultos, no caso templos e igrejas.

3) Tanto não é verdade que a Rússia proibiu toda e qualquer forma religiosa no país, tanto que, esta matéria do início de abril comenta a semana santa da Igreja Ortodoxa Russa e a quantidade de fiéis que atenderam às celebrações desse evento.

4) A título de informação, existe duas religiões judicialmente proibidas na Rússia – a Cientologia e a frente Testemunhas de Jeová. A Suprema Corte Russa considerou o grupo religioso Testemunhas de Jeová como extremistas e proibiu realmente as atividades deles no país na última semana de abril.

De tudo que foi comentado qual a lição que tiramos? Que sim, a Rússia tem seus problemas internos, mas a aprovação do pacote de leis anti-terrorismo, que entre outras várias coisas restringe a prática do evangelismo, não pode ser considerada como “proibição de toda forma religiosa”. E já falamos várias vezes aqui que desinformação não ajuda.

E quanto a história de que o próximo passo é proibir as religiões no mundo todo, para que as ações da Rússia comecem a ser seguidas por todos os países há uma “Sibéria inteira” de acontecimentos (improváveis) que precisam ocorrer. Portanto, isso é boato e fim.

PS: Esse artigo foi uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp, no telefone (61) 99331 6821.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)