Vídeo mostra Lula e Glenn Greenwald combinando reportagem da Intercept contra Moro #boato

Boato – Em entrevista, ex-presidente Lula teria combinado com Glenn Greenwald a reportagem do Intercept sobre Moro e Dallagnol.

Após o vazamento de conversas entre o ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o juiz federal e um dos coordenadores da Operação Lava Jato, Deltan Dallagnol, o Brasil parou. A série de reportagens, publicadas pelo jornalista Glenn Greenwald no site The Intercept, ganhou até nome por parte dos usuários: Vaza Jato (em alusão à Operação Lava Jato).

E essa história parece estar longe de chegar ao fim. De acordo com uma mensagem que anda circulando nas redes sociais, o ex-presidente Lula e o jornalista Glenn Greenwald teriam sido flagrados combinando os direcionamentos da reportagem da Intercept contra Moro. Segundo o suposto vídeo que mostraria o complô, Lula teria falado em fazer delações contra Moro e Dallagnol.

A prova seria o seguinte trecho: “Fazer uma delação contra o Moro, fazer uma delação contra o TRF4 fazer uma delação contra o delegado que fez o inquérito mentiroso, fazer uma delação contra o Dallagnol… Sabe, eu gostaria, mas ninguém aceita a minha delação. Vamos ver se você consegue publicar uma parte da minha delação aqui”.

Além disso, o ex-presidente ainda teria sugerido que Glenn Greenwald investigasse Deltan Dallagnol. “Não faz muito tempo, nós fomos sabedores de notícias de que houve acordo feito no Departamento de Justiça dos Estados Unidos em que o Dallagnol estava pegando para o Ministério Público, para a Operação Lava Jato, dois bilhões e meio de reais. Está formando uma quadrilha”, afirma. Por fim, o jornalista teria feito uma promessa a Lula. “Quero te prometer que já estamos trabalhando com essas questões, investigando”, fala.

Versão 1: “LULA ARMA CONTRA A LAVA JATO EM ENTREVISTA COM GLENN GREENWALD. COMBINA AÇÃO CONTRA SERGIO MORO E CONTRA OS PROCURADORES DA LAVA JATO. LULA ARMOU CONTRA A LAVA JATO DE DENTRO DA CADEIA”. Versão 2: “BOMBA: The IntercePT – Vídeo de Lula Combinando tudo com Glenn Greenwald. Lula combinou tudo com Glenn Greenwald. Assista o vídeo e veja o momento em que combinaram #bolsonaro #moro”.

Vídeo mostrou Lula e Glenn Greenwald combinando reportagem da Intercept contra Moro?

É claro que as imagens viralizaram e causaram grande desconforto nas redes sociais. Diversos apoiadores do ministro Sérgio Moro se mostraram indignados com o suposto complô organizado por Glenn Greenwald e o ex-presidente Lula. Mas será que essa história é realmente verdadeira e toda a série de reportagens teria sido combinada entre os dois? A respostas é não e a explicação você confere a seguir.

As mensagens que andam circulando por aí sobre o assunto são bem alarmistas. Além disso, são vagas, pois apresentam um trecho de vídeo sem contextualizar a fala de Lula e Glenn Greenwald. Por fim, as mensagens também não apresentam referências confiáveis sobre a suposta combinação. Ou seja, diversas características de boatos online.

Vale ressaltar que essa história também não faz muito sentido. Desde o final de janeiro de 2019, o ex-presidente Lula pode receber visitas de dois amigos, nas quintas-feiras, com duração de 30 minutos cada. Ou seja, a combinação poderia ser feita em uma conversa privada e não em uma entrevista pública.

Outro ponto que não faz muito sentido sobre essa história é a questão temporal. A entrevista concedida pelo ex-presidente Lula ao site The Intercept ocorreu no dia 21 de maio de 2019. Levando em consideração todo o conteúdo publicado nas reportagens e a apuração realizada, o caso, com certeza, já deveria estar sendo investigado pelo site, assim como disse Glenn Greenwald na entrevista.

Por fim, o tal pedido do ex-presidente Lula é mais manjado que muito boato por aí! Em entrevista a jornalista Mônica Bergamo, no dia 26 de abril de 2019, e também ao jornalista Kennedy Alencar, no dia 3 de maio de 2019, Lula fez o mesmo pedido. O velho discurso do “bom jornalista investigar o caso”.

Em resumo: a história que diz que um vídeo mostra o jornalista Glenn Greenwald e o ex-presidente Lula combinando a série de reportagens do Intercept contra Moro é falsa! A declaração de Lula foi retirada de contexto e não mostra complô nenhum. Pela data da entrevista e também por outras conversas do ex-presidente Lula com jornalistas, é possível imaginar que o jornalista Glenn Greenwald já estava investigando a história, bem como o discurso de ‘investigar o caso’ é bastante utilizado por Lula. Ou seja, apenas balela. Até a próxima!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)