Vera Magalhães recebe R$ 500 mil por mês de Doria (TV Cultura) para falar mal de Bolsonaro #boato

Boato – A jornalista Vera Magalhães recebe um salário de R$ 500 mil por mês da TV Cultura. Salário é pago por João Doria para que ela fale mal do presidente Jair Bolsonaro.

Mesmo com o “sem-número” de boatos relacionados ao novo coronavírus, podemos dizer que este não é o único tema que está circulando em termos de fake news na internet. Podemos citar, também, (como sempre) a política. E, no caso de hoje, a história envolve a jornalista Vera Magalhães.

De acordo com mensagens que estão circulando na internet, Vera Magalhães estaria recebendo R$ 500 mil por mês do governador João Doria na TV Cultura com um único objetivo: falar mal do presidente Bolsonaro. Leia duas versões da mensagem que circula online:

Versão 1: DORIA paga R$500.000,00 por mês de salário à jornalista VERA MAGALHÃES, aquela dos Fake News. Versão 2: DEPUTADO EXPÕE SALÁRIO QUE VERA MAGALHÃES RECEBE, ESTÁ EXPLICADO O POR QUE DA PERSEGUlCAO A BOLSONAR

Vera Magalhães recebe R$ 500 mil por mês de Doria (TV Cultura) para falar mal de Bolsonaro?

A tal denúncia se espalhou com muita força por aí e fez um monte de gente apontar “o dedinho” contra a jornalista e contra o governador João Dória. Mas será mesmo que Vera Magalhães recebe R$ 500 mil por mês na TV Cultura? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

A mensagem, por si só, nos causa muitas desconfianças. Isso porque ela tem algumas das principais características de boatos online como ser vaga, alarmista, com erros de português e sem citar fontes confiáveis. Para além disso, é meio difícil acreditar que uma TV pública como a Cultura pague R$ 500 mil por mês para um jornalista (salário no nível de William Bonner).

Com essas desconfianças, resolvemos buscar mais informações em relação à denúncia. Como era de se imaginar, os números estão completamente distorcidos.

A informação foi desmentida pela própria jornalista. Por meio do Twitter, Vera afirmou que recebe R$ 22 mil por mês da Fundação Padre Anchieta. “Meu salário é de R$ 22 mil reais. O mesmo que recebia na Jovem Pan. Fui convidada para assumir o Roda Viva, mais tradicional programa de entrevistas da TV brasileira. Em breve vamos divulgar o salário de todos os âncoras que é antecederam”, disse.

A TV Cultura, por meio de uma nota apresentada no telejornal da emissora, esclareceu o assunto e apontou que o valor de R$ 528 mil é pelo contrato de dois anos da jornalista para a apresentação do programa Roda Viva. Assista e leia mensagem no Twitter:

No #JornaldaCultura da última sexta-feira, a @TVCultura divulgou uma nota em apoio à jornalista @VeraMagalhaes , apresentadora do @RodaViva e colunista do @Estadao, que tem sido vítima de ataques de deputados e de ódio nas redes sociais.

Resumindo: a história que aponta que a jornalista Vera Magalhães ganha R$ 500 mil por mês na TV Cultura é falsa. O valor de R$ 528 mil apresentado na mensagem é referente ao contrato de dois anos da jornalista com a emissora, o que resulta em um valor de R$ 22 mil/mês.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Confira a lista de todas as fake news sobre o novo coronavírus

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2Apr8nq

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet