Urnas eletrônicas estão programadas para o horário de verão #boato

Boato – As urnas eletrônicas estão programadas para funcionar de acordo com o horário de verão. Votos dados após às 16h serão anulados pelo TSE.

As eleições 2018 não estão causando confusão apenas nos grupos de família no WhatsApp. Quando o assunto é horário de verão, parece que ninguém se entende. Por causa do segundo turno das eleições, o horário de verão (que normalmente acontece em outubro) foi adiado para 04/11 após muita confusão.

Para ajudar na confusão, alguns telefones celulares “erraram” a “virada do horário de verão” e se adiantaram sozinho (iPhone da TIM em 15/10 e alguns telefones Android da Claro, Nextel e Vivo em 21/10). Em um cenário como esse, é claro que uma “mente brilhante” iria relacionar o problema às urnas eletrônicas.

Circula na internet um texto que aponta que as urnas eletrônicas também vão sofrer um bug no dia 28/10. De acordo com a mensagem, elas estão programadas para trabalhar no horário de verão e tudo faz parte de um “golpe” para anular 7 milhões de votos, “assim como no primeiro turno”. Leia:

COMPARTILHEM. GENTEEEEE URGENTE. AS URNAS ESTÃO PROGRAMADAS PARA TRABALHAR EM HORÁRIO DE VERÃO, NOS ESTADOS DE COSTUME, VIRAM QUE MUDARAM O HORÁRIO DE VERÃO? ISSO SIGNIFICA QUE AS URNAS NÃO IRÃO COMPUTAR OS VOTOS APÓS AS 16HORAS. GENTE AJUDEM A PENSAR E PROPAGAR ISTO. TODO CUIDADO É POUCO. ELES SÃO CAPAZES DE TUDO. Ñ VAMOS PERDER 7 MILHÕES DE VOTOS COMO NO PRIMEIRO TURNO.

Urnas eletrônicas estão programadas para o horário de verão?

A mensagem se espalhou com força no WhatsApp e no Facebook e fez muita gente começar a rever os horários de votação no domingo. Mas será mesmo que o TSE deixou as urnas eletrônicas programadas para o horário de verão? A resposta é não. Calma que a gente explica tudo.

O primeiro ponto que denuncia a farsa está na mensagem. Ela segue o roteiro básico das notícias falsas da internet. É vaga (não dá maiores detalhes), alarmista (chega a se utilizar de letras maiúsculas), tem erros de português, pedido de compartilhamento e não fontes confiáveis.

Além disso, a tese beira o ridículo. Qual seria a lógica de o TSE errar a programação das urnas para o pleito? Seria uma falha que, além de desperdiçar o dinheiro público, poderia impugnar o resultado das eleições. Vale dizer que, ao buscar mais detalhes sobre a tal tese, nada encontramos além do texto do WhatsApp.

Para enterrar a história, o próprio TSE veio a público para explicar que “está ligado” no horário de verão, que as urnas estão programadas para o horário de Brasília “tradicional” e que a mensagem é falsa. Leia nota do TSE, enviada ao Boatos.org pelo TRE-MG:

Por solicitação do TSE, o início do horário de verão foi alterado para depois do 2º turno das Eleições 2018. Portanto, as urnas estarão preparadas para funcionar no mesmo horário que funcionaram no 1º turno.

O Código Eleitoral determina o dia e a hora em que devem ocorrer as eleições ordinárias: o primeiro turno deve ser das 8h às 17h do primeiro domingo do mês de outubro; o segundo turno, no mesmo horário do último domingo do mesmo mês. […]

Como não haverá nenhuma mudança no final de semana dos dias 27 e 28 de outubro, os eleitores poderão votar no horário normal. As urnas não estão programadas para entrar no horário de verão antecipadamente, mas sim, para funcionar no horário oficial.

Resumindo: a história que aponta que as urnas eletrônicas foram programadas para funcionar de acordo com o horário de verão é falsa. Além de a história não ter nem pé nem cabeça e ter surgido no WhatsApp, o próprio TSE já desmentiu essa história. Balela.

PS: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, no Facebook e WhatsApp no telefone (61) 991779164.

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)