Temer disse “acreditamos no poder do diabo” durante discurso #boato

Boato – Temer falou durante discurso na ONU a seguinte frase: “Acreditamos no poder do diabo”. Vídeo prova que ele falou isso.

Muito antes de ser acusado de “golpista” ou ser acusado de participar de esquemas de corrupção, o presidente Michel Temer tinha um boato “pesado” nas costas. Textos na internet apontavam que ele seria “satanista”, algo que, por sinal, nunca foi comprovado. Em meio ao “tsunami” que Temer passa, uma história que “comprovaria” a ligação dele volta a circular.

Um vídeo de cerca de um minuto viralizou no WhatsApp e aponta que o presidente teria falado a frase “acreditamos no poder do diabo”. Assista ao vídeo e leia o texto que circula online:

TEMER SATANISTA DIZ “ACREDITAMOS NO PODER DO DIABO”. Trecho inicial do discurso de Michel Temer na abertura da assembleia da ONU, em 20/09/2016.

Temer disse “acreditamos no poder do diabo” durante discurso?

O vídeo já circula na internet há algum tempo, mas voltou a viralizar em junho de 2017. Mas será mesmo que Temer falou que acredita no poder do diabo para o mundo inteiro ouvir? A resposta é não. Vamos aos fatos.

Para chegar à solução do problema, fizemos uma busca de onde teria ocorrido o tal discurso. Chegamos à 71ª Assembleia Geral da ONU, que aconteceu em setembro de 2016. Com muito mais prestígio internacional do que atualmente, Temer abriu a Assembleia com um discurso de 20 minutos.

No trecho em que ele teria falado “diabo”, na realidade ele diz “acreditamos no poder do diálogo”. A Agência Brasil reproduziu por completo o discurso de Temer na época. Leia o parágrafo citado.

Senhor Peter Thomson, Presidente da Assembleia Geral das Nações Unidas, Senhor Ban Ki-moon, Secretário-Geral das Nações Unidas, Senhoras e Senhores Chefes de Estado, de Governo e de Delegações, Senhoras e Senhores, O Brasil traz às Nações Unidas sua vocação de abertura ao mundo. Somos um país que se constrói pela força da diversidade. Acreditamos no poder do diálogo. Defendemos com afinco os princípios que regem esta Organização.

Mas como que o vídeo “comprova” que ele falou diabo e não diálogo? Buscamos pelo vídeo oficial do discurso de Temer, sem o corte ao final da frase. No minuto 1:06 é possível ver (um pouquinho) mais claramente que ele fala diálogo. Falou meio enrolado. Mas foi diálogo mesmo.

Resumindo: Temer não falou que acredita no poder do diabo. Se você for ler o discurso oficial pode ver que está escrito “diálogo”. Se você assistir ao vídeo “sem corte” também pode ver que ele não fala no satanás.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99331-6821.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet