Semáforo em São Paulo tem punho cerrado em homenagem ao comunismo #boato

Boato – O governador João Doria e o prefeito Bruno Covas resolveram mudar os semáforos na cidade de São Paulo e colocar um punho em homenagem ao comunismo.

Não é de agora que notícias falsas sobre uma “ameaça comunista” inundam as redes sociais. A última das histórias aponta para uma suposta homenagem de Bruno Covas (prefeito e candidato à reeleição em São Paulo) e João Doria (governador de São Paulo) ao comunismo.

Vídeos gravados na Avenida Paulista denunciam que Doria e Covas colocaram um punho cerrado para fazer uma homenagem ao comunismo. Os vídeos são acompanhados de mensagens xingando os políticos. Leia algumas das mensagens:

Versão 1: Pq na minha cidade, nos semáforos de pedestres, está o símbolo do COMUNISMO? Versão 2: “ESSES SEMÁFOROS PRRCISAM SEREM RETIRADOS”, ABSURDO!!!!!! Versão 3: Veja agora na Av. Paulista os semáforos com a Mão de Ferro Comunista! Versão 4: Que issoooo ? ! Punho comunista no semáforo de SP! Versão 5: Semáforo na avenida Paulista com o símbolo do COMUNISMO. O Governador João Dória e o prefeito Bruno Covas tentando impor o COMUNISMO em São Paulo. ABSURDO!

Semáforo em São Paulo tem punho cerrado em homenagem ao comunismo?

A narrativa em questão chamou muita atenção na internet (principalmente, entre “redes anticomunistas”) e, claro, gerou diversas críticas aos prefeito e governador de São Paulo. Só há um detalhe: o símbolo que está no semáforo nada tem a ver com uma “homenagem” ao comunismo.

Assim como em tantos outros boatos online, a mensagem tem características como ser alarmista e com erros de português. Além disso, a mensagem não cita nenhuma fonte confiável que comprove que o punho em questão é uma homenagem ao comunismo.

Na realidade, a implantação dos punhos cerrados nos semáforos é uma homenagem ao mês de Consciência Negra. Se você não sabe, o dia 20 de novembro é o Dia da Consciência Negra e o punho cerrado é um dos símbolos da luta antirracista (tanto que o punho é um dos símbolos do movimento Black Lives Matter).

Vale dizer que a notícia de que a prefeitura de São Paulo instalou os semáforos foi dada por muitos veículos de comunicação. De acordo com o G1, foram sete semáforos instalados na cidade. O R7 destacou que a escolha se deu pelo volume de circulação e pelo fator histórico (como no caso da Liberdade). Já a Jovem Pan apontou que a ação visa conscientizar para diminuir desigualdades.

Em nenhum dos três conteúdos (ou em qualquer outro em fontes confiáveis) foi citado que se tratava de uma “homenagem ao comunismo”. É importante citar que, ao pensar em espectro político, o PSDB está um tanto quanto distante do que seria o “comunismo” (ou uma versão atual dele, já que é difícil falar em “comunismo clássico” no século XXI).

Resumindo: a história que aponta que semáforos em homenagem ao comunismo foram instalados em São Paulo é falsa. As imagens dos punhos serrados nos semáforos são, na realidade, uma homenagem ao mês da Consciência Negra.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2QvB43t
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet