Se eu precisar de apoio, peço a um desses b… para pegar uma bandeira, diz Bolsonaro #boato

Boato – Trecho de gravação da reunião ministerial mostra o presidente Jair Bolsonaro proferindo a seguinte frase: “Se eu precisar de apoio eu peço a um desses b… aí para pegar uma bandeira e balançar aqui na frente do Palácio”.

A divulgação do vídeo da reunião ministerial revelou muito mais do que o ex-ministro da Justiça Sérgio Moro queria utilizar como prova da intervenção de Jair Bolsonaro na Polícia Federal. Dentre pedidos de prisão de ministros do STF, governadores, palavrões, xingamentos e afins, uma mensagem apontava para uma suposta declaração bombástica do presidente.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Siga o Boatos.org no Twitter:


Se inscreva no nosso canal no Youtube

 

Receba as nossas atualizações no grupo do WhatsApp (só postagens do administrador, não se preocupem): http://bit.ly/2CGFPSy

Confira o nosso Instagram:

Instagram

De acordo com os textos que estão viralizando em redes sociais, Bolsonaro teria dito a seguinte frase: “Se eu precisar de apoio eu peço a um desses b… aí para pegar uma bandeira e balançar aqui na frente do Palácio”. Leia algumas das versões da história que circulou online:

Versão 1: Vou repetir, aqui, as palavras do grande líder Messias salvador do Brasil: “SE EU PRECISAR DE APOIO EU PEÇO PRA ESSES BOSTAS AÍ PEGAR UMA BANDEIRA E BALANÇAR AQUI NA FRENTE DO PALÁCIO” Amanhã, mais bostas estarão lá na frente do Palácio porque bosta é bosta!

Versão 2: Se eu precisar de apoio eu peço a um desses bostas aí para pegar uma bandeira e balançar aqui na frente do Palácio” (Mito) Deixem sua gargalhada Versão 3: Se Eu precisar de apoio eu peço a esses merdas aí fora pra balançar A porra da bandeira .olha isso gente e os fanáticos merdas defendendo são Mesmo cegos

Bolsonaro disse “se eu precisar de apoio, peço a um desses b… para pegar uma bandeira”?

Muita gente saiu utilizando a suposta declaração para “gongar” o presidente e seus simpatizantes mais fieis. Mas será mesmo que Bolsonaro deu tal a declaração a respeito das pessoas que vão “balançar bandeiras no Planalto”? A resposta é não. Calma aí que a gente explica tudo para vocês.

As mensagens por si só, já nos deixaram um tanto quanto desconfiados. Isso porque elas têm algumas das principais características de boatos online como ser vaga, alarmista, com erros de português e falta de citação de fontes confiáveis. Para além disso, boatos do tipo “fulano falou isso ou aquilo” são comuns na internet (por sinal, são fáceis de serem checados).

Como a história em questão cita a reunião ministerial, a checagem foi mais facilitada aqui. Bastou buscarmos pela transcrição completa dos vídeos (disponibilizada pelo STF) e fazer buscar pelos trechos em questão. Como imaginávamos, não havia a tal declaração.

Primeiro, buscamos pelo termo “apoio” na transcrição. Achamos cinco resultados e três falas de Bolsonaro: 1) Os senhores podem observar, que ele tem uma parte de infraestrutura, ele tem ações viabilizadoras e tem ações de apoio na lateral. 2) (Ininteligível) apoio do Trump aí 3) Fala que nos tamo com apoio do Trump aí.

Depois, buscamos pelo palavrão utilizado para designar os supostos apoiadores. Achamos sete resultados, todos em falas do presidente: 1) Aí a b… da Folha de São Paulo, diz que meu irmão foi expulso dum açougue em Registro, que tava comprando carne sem máscara 2 e 3) Um b… de um prefeito faz um b… de um decreto, algema, e deixa todo mundo dentro de casa. 4) Aí, que é a demonstração nossa, eu peço ao Fernando e ao Moro que, por favor, assine essa portaria hoje que eu quero dar um p… de um recado pra esses b… 5) O que esses caras fizeram com o vírus, esse b… desse governador de São Paulo, esse estrume do Rio de Janeiro, entre outros, é exatamente isso. 6 e 7) Aproveitaram o vírus, tá um b… de um prefeito lá de Manaus agora, abrindo covas coletivas Um b.…

Por fim, tentamos buscar pela palavra bandeira na transcrição. Achamos três resultados, todos de falas de Bolsonaro. 1) Levantando a … aquela bandeira de … do … do povo ao meu lado, não custa nada. 2) Agora vamo ca … se tiver que cair um dia, vamos cair lutando, uma bandeira justa 3) Quem não aceitar a minha, as minhas bandeiras, Damares: família, Deus, Brasil, armamento, liberdade de expressão, livre mercado.

Como vocês viram, Bolsonaro até usou algumas das palavras que estão na suposta frase, mas a transcrição da reunião ministerial mostra que ele não chamou os simpatizantes de “b…”. Só para conferir, tentamos achar por qualquer outra ocasião que ele teria feito a declaração. Também nada achamos.

Resumindo: a história que aponta que Bolsonaro disse “Se eu precisar de apoio eu peço a um desses b… aí para pegar uma bandeira e balançar aqui na frente do Palácio” durante reunião ministerial (ou fora dela) é falsa. A frase “brotou em redes sociais” e a transcrição mostra que o presidente não falou nada disso.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99177-9164. 

Clique nos links “bit.ly” para acessar nossos perfis:

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3df26qp

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)