Ronaldo Caiado grava áudio de apoio a Bolsonaro e contra Marina #boato

Boato – Em áudio compartilhado no WhatsApp, o candidato ao governo de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), pede votos para Jair Bolsonaro (PSL) e critica Marina Silva (Rede).

Quando nações entram em guerra, um dos primeiros passos nos conflitos é fazer alianças. Faz parte das estratégias de conflitos armados entre os países, afinal, com esses acordos, geralmente, os dois lados envolvidos “ganham”.

Na política, acontece o mesmo. Partidos, ainda que diferentes ou mesmo com ideias um tanto díspares, acabam fazendo alianças para se fortalecerem e garantirem votos. Querendo ou não, trata-se de uma espécie de “batalha” pelo seu voto, pelos votos de todos nós.

Pois bem, assim como em guerras entre países, da mesma maneira que há alianças, há também as desavenças. O que, pouca gente talvez saiba, é que existem desavenças mesmo dentro de alianças e é nesse cenário que a história de hoje se encontra.

Segundo um áudio atribuído ao candidato ao governo de Goiás, Ronaldo Caiado, que estão compartilhando no WhatsApp, o político (hoje senador pelo partido Democratas) está pedindo que seus simpatizantes votem em Bolsonaro para presidente e contra a Marina Silva. Confira o áudio e a transcrição:

Eu sei que está aqui não é lugar de falar em política. Todo mundo está falando tecnologia e nós estamos numa notícia de pecuária em Porangatu, que tem muita coisa nova, muita inovação. Mas eu não posso deixar de esternar na a minha preocupação. Nós temos internamente pesquisas recentes que indicam que no segundo turno estará Bolsonaro e Marina Silva.

Então queria pedir para os senhores aqueles que estão em dúvida, eu vi num grupo aí os amigos, amigos da gente sabe, que a gente conhece, dizendo “não, mas eu vou votar no primeiro turno no Alckmin”, o outro dizendo “não porque eu vou votar no Ministro da Fazenda do Lula, porque ele é parente”. Gente pelo amor de Deus, não vamos brincar. No segundo turno esse povo vai se unir e nós perdemos as eleições e aí sim nós do Agro vamos ver o que que vai acontecer.

Vocês já sabem a complicação que nós vamos ter, por isso eu queria pedir sinceramente para todos vocês: converse com os amigos, converse com a família, não vamos brincar, vamos votar no primeiro turno. Esqueça parentesco, esqueça partido, esqueça amizade vamos voltar para não deixar a Marina Silva levar essa eleição. Porque no segundo turno tudo indica que ela ganha do Bolsonaro. Então eu peço encarecidamente, passe para frente, vamos votar em massa, vamos votar no primeiro se não nós corremos grande risco. Um abraço a todos os amigos.

Ronaldo Caiado gravou áudio pedindo voto para Bolsonaro e contra a Marina?

A repercussão desse áudio tem sido grande. Isso porque o candidato ao governo goiano tem uma massa de seguidores e simpatizantes, e mesmo quem não conhece muito bem Ronaldo Caiado, mas vota no Bolsonaro, tem passado o áudio adiante. Mas, será mesmo que Ronaldo Caiado foi quem gravou essa mensagem? A reposta é não, e vamos explicar por quê.

Bom, comecemos esclarecendo um pouco do imbróglio que há entre Ronaldo Caiado e quem ele apoia de verdade nas eleições 2018. Lembram-se daquele papo sobre alianças e desavenças? Pois então, Caiado é do Democratas, que oficialmente fez aliança nacional com o PSDB e portanto apoia Geraldo Alckmin para presidente. Acontece que em diversos estados, por causa de desavenças particulares esse apoio não se aplica de verdade.

É justamente o caso de Ronaldo Caiado, que tem uma rixa com o coordenador político de campanha de Alckmin, Marconi Perillo,  também ex-governador de Goiás. Doido né? Por causa dessa rixa, Caiado não apoia o Alckmin, e apesar de não ter anunciado oficialmente quem apoiará para presidente, tudo indica que ele escolherá Álvaro Dias, do Podemos. 

E mais, apesar desse “gosto não gosto” entre Ronaldo Caiado e a cúpula de Alckmin, não apareceu em nenhum veículo da imprensa (confiável) repercussões sobre o suposto apoio de Caiado a Bolsonaro. Se fosse verdade, isso seria pauta na mídia, pelo menos na goiana, mas nada encontramos sobre o tema.

Além do que, assim que procuramos mais informações sobre o caso, nos deparamos com uma mensagem do próprio candidato ao governo goiano desmentindo tudo. Sim, em nota em seu site, Ronaldo Caiado esclareceu que essa história é fake news e que não é ele falando no áudio. Leia:

Está circulando pelo WhatsApp um áudio supostamente atribuído a mim onde faço comentários sobre as eleições presidenciais. É falso. Quem me conhece percebe que a voz do áudio não é a minha. Reafirmo: não vamos nacionalizar a campanha. Nosso foco são os temas relacionados ao estado de Goiás que certamente são de interesse dos goianos. Portanto, o áudio se trata de mais uma #FakeNews.

Vale reforçar que áudios supostamente criados em nome de alguém famoso (ainda mais em tempos de eleições) são tão comuns – e geralmente falsos – quanto àqueles de desconhecidos sobre um amigo de um amigo que mandou avisar sobre algo.

Resumindo, não é verdade que Ronaldo Caiado pediu voto para Bolsonaro contra Marina Silva em áudio. Não foi o candidato a governador que mandou a mensagem que estão circulando e o próprio já desmentiu a história. Por isso, #boato.

PS: Esse artigo é uma sugestão de leitoras do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, no Facebook e WhatsApp no telefone (61) 991779164

Compartilhe este artigo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)