Rombo em Itaipu é deixado por ministros do STF e descoberto por Bolsonaro #boato

Boato – O presidente Jair Bolsonaro descobriu um rombo em Itaipu deixado por ministros do STF. O rombo é maior do que o deixado pela Petrobras.

Como nos últimos dias mensagens falsas contra o processo eleitoral ganharam força, ataques contra membros do Judiciário também ganharam força. Neste sentido, uma mensagem relacionada a um suposto “rombo em Itaipu” começou a circular na internet.

O texto aponta que o presidente Jair Bolsonaro descobriu que ministros do STF deixaram um rombo em Itaipu que seria maior do que o da Petrobras. A mensagem também aponta que o “fim da mamata” fez com que os ministros começassem a atacar o presidente. Leia o texto que circula online:

BOMBA!!! BOMBA!!! BOMBA!!! APÓS A DESCOBERTA DO ROMBO DA PETROBRÁS AGORA FOI DESCOBERTO O ROMBO EM ITAIPÚ ONDE ESTÃO ENVOLVIDOS OS MINISTROS DO STF E DA ALTA CÚPULA DO JUDICIÁRIO.
ROUBAVAM DESLAVADAMENTE SEM NENHUM ESCRÚPULO E A CEU ABERTO.NÃO HAVIA LIMITES PARA AS FARRAS DOS MINISTROS E PARLAMENTARES. A EQUIPE DE BOLSONARO DESCOBRIU TUDO O FECHOU A TORNEIRA.VEJA SE A MÍDIA NEFASTA E A GLOBÓSTA DIVULGA ISSO. OS ROUBOS FORAM TÃO GRANDES COMO O DA PETROBRÁS. E OS DESGRAÇADOS NÃO FORAM PRESOS E CONTINUAM ATUANDO COMO SE NADA TIVESSE ACONTECIDO. E PIOR, CONTINUAM DETONANDO E LEVANDO O PAÍS À BANCARROTA

Rombo em Itaipu é deixado por ministros do STF e descoberto por Bolsonaro?

Apesar de a história estar circulando com muita força na internet, ela se trata de um boato desmentido por aqui em 2020. Como o desmentido da época vale para hoje, relembre o que foi escrito a respeito do assunto:

Para começar, a mensagem que está circulando carrega todas as características de fake news: é vaga, alarmista (tem o intuito de acirrar os debates e manifestações contra o Congresso), possui erros de português e não cita fontes confiáveis que possam confirmar a comparação dos “rombos” nas duas empresas.

O que houve, na realidade, foi uma descontextualização de uma matéria (como falamos) real publicada na revista Cursoé que abordava os gastos do Supremo Tribunal Federal (STF), como cursos, palestras e viagens de ministros, que são pagos pela Itaipu. No entanto, esses gastos não são ilegais, como aponta a mensagem que está sendo compartilhada (apesar de poderem serem questionáveis, como fez a matéria) e, portanto, não são alvo de nenhuma investigação, o que torna ilógico, já para começo de conversa, compararem o caso “Itaipu” com o caso “Petrobras”.

Além do que, só o fato de pegarem uma matéria do ano passado, já elimina a informação de que é uma “bomba, bomba, descobriram agora e blá blá blá” sobre os supostos roubos na Usina de Itaipu. Mais que isso, como muitas das acusações citadas na denúncia ocorreram em 2019, é possível dizer que estas ocorreram já durante o próprio governo Bolsonaro (pelo menos, até sair a matéria da Cursoé).

Independente disso, o fato mais importante aqui é que não há “rombos na Itaipu como na Petrobras”. Isso porque, além de não existirem denúncias de desvios de recursos da empresa (pelo menos sob ponto de vista jurídico, não há ilegalidades no patrocínio), a usina não tem registros de “prejuízos” como a Petrobras. Ao contrário disto, relatórios financeiros mostram que a empresa é superavitária. 

Em 2018, a empresa teve um lucro líquido de US$ 1,1 bilhão. Já em 2019 (página 3), as demonstrações contábeis da empresa dos resultados de exercícios findos até 31 de dezembro apontaram o valor de pouco mais de US$ 1,5 bilhão de lucro.

Resumindo: é falsa a informação que aponta que ministros do STF causaram um rombo em Itaipu descoberto pelo presidente Jair Bolsonaro. Trata-se de uma fake news que já desmentimos outrora e voltou a circular em 2022.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp https://bit.ly/3uwu4ra
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet