Roberto Leher, reitor da UFRJ, diz que a direita merece “bala na cabeça” #boato

Boato – Com 4 incêndios durante sua gestão, Roberto Leher, reitor da UFRJ, diz, durante discurso, que quem é de direita merece uma “boa bala na cabeça”. 

Nos últimos dias, as timelines das redes sociais têm ouvido falar sobre dois assuntos: o incêndio do Museu Nacional, no Rio de Janeiro, e o atentado contra o candidato Jair Bolsonaro (PSL). Pois é justamente um vídeo relacionado com os temas “museu” e “intolerância” que tem circulado na internet.

Segundo uma publicação que está circulando nas redes sociais, Roberto Leher, reitor da UFRJ (instituição responsável pelo museu) e filiado ao PSOL, teria, durante um discurso, pregado a intolerância. Leher teria dito que a direita merece “uma bala na cabeça” e que o “diálogo com eles é impossível”. Confira a mensagem que circula online e assista ao vídeo:

“Reitor da UFRJ Roberto Leher – Responsável pelo Museu incendiado mostra suas convicções claramente. Esse é o Roberto Leher do PSOL e reitor da UFRJ. O mesmo é responsável pela gestão do museu que pegou fogo, responsável pela gestão do campus praia vermelha que foi incendiado, responsável pelo alojamento que também pegou fogo, e a reitoria na qual ele é reitor advinha? Também pegou fogo. Agora veja o que ele ensina em congresso para os fãs convictos da esquerda. Que cidadão de bem, mesmo sendo de bem merece uma bala na cabeça só por ser de direita”.

Roberto Leher, reitor da UFRJ, diz que direita merece bala na cabeça durante discurso?

Bem, sabemos que os últimos dias têm sido particularmente polêmicos. Mas será mesmo que Roberto Leher (acusado por quem é de direita como “responsável” pelo incêndio) teria dito que é impossível manter um diálogo com a direita e que ela merece uma bala na cabeça? A resposta é não!

Para começo de história, é possível observar que o texto apresenta algumas características de boato: é vago (não informa onde e nem quando o reitor teria dito aquilo), alarmista e não cita fontes confiáveis (o trecho da fala apenas foi tirada de contexto).

Ao procurarmos por mais informações sobre o caso, não encontramos nenhuma declaração do reitor Roberto Leher (que, de fato, é ligado a partidos políticos de esquerda), falando sobre “colocar uma bala na cabeça da direita”. Uma olhada mais apurada e percebemos também que o sujeito do vídeo não se parece com Roberto Leher.

Fomos, então, atrás do vídeo e descobrimos que a pessoa que aparece nas imagens é sim alguém de esquerda, mas não ligada ao PSOL e muito menos reitor da UFRJ. O homem que aparece no vídeo trata-se de Mauro Iasi, que foi candidato à presidência pelo PCB em 2014.

A fala de Mauro Iasi aconteceu durante o 2º Congresso Nacional da CSP – Conlutas, em 2015. Durante o discurso, Iasi citou um trecho do poema “Perguntas a um homem bom”, de Bertolt Brecht, onde um poeta conversa com um empresário de direita, que se diz um homem do bem, mas que defende posições de mercado contra os trabalhadores.

Em resumo: a história que diz que Roberto Leher, reitor da UFRJ, teria pedido por bala na cabeça da direita é falsa! O homem que aparece no vídeo é Mauro Iasi, que citava um poema de Bertolt Brecht. Ou seja, as imagens não têm nada a ver com o PSOL ou com a UFRJ. Não compartilhe!

PS: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, no Facebook e WhatsApp no telefone (61) 991779164.

Compartilhe este artigo:

5 comentários em “Roberto Leher, reitor da UFRJ, diz que a direita merece “bala na cabeça” #boato

  • 05/11/2018 em 17:29
    Permalink

    O que é falsa é a atribuição à pessoa em questão, mas que ele endossa o poema que cita, isso ele faz sim! Basta ver o vídeo para perceber, como ele chega no poema e como ele sai dele!

  • 09/09/2018 em 10:54
    Permalink

    Esse não é Roberto Leher, é Mauro Iasi

  • 08/09/2018 em 17:18
    Permalink

    Compartilhar, sim, mas corrigindo os personagens. Seja poema ou não, ele o faz com clara manifestação de crença ideológica, que é o que ele acredita e defende.

    Portanto, concordo que não se deve dar vazão a mensagens falsas, mas se deve, sim , com a devida correção das falsidades, compartilhar aquilo que todos nós repudiamos pelo mal infinito que representa: as assassinas ideologias de esquerda.

    Aqui temos uma boa análise do Rodrigo Constantino que, embora nada tenha a ver com o vídeo em pauta, faz referências às declarações desse comunista: https://istoe.com.br/o-reitor-comunista/

  • 08/09/2018 em 14:07
    Permalink

    Lamentável a explicação sóbte a exposição do Mauro Iasi. Ele não declama Bertholt Brecht. Ele endossa com suas próprias palavras. Ele não declama porque o trecho é dito por UM PERSONAGEM.

  • 08/09/2018 em 12:25
    Permalink

    Acho que vcs pegam só coisas que defendem a esquerda, nesse site,vi muito pouco de vcs tirar os boatos plantados pelo povo da esquerda, que TB são muitos , gostaria que vcs fossem mais imparciais. Pois não sou de nenhum dos lados mas estou achando vcs bem tendenciosos,mesmo esse do reitor vcs não exclateceral só disser que não é verdade

Fechado para comentários.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)