Petista agride policial, população se revolta e o agride em vídeo de 2019 #boato

Boato – Vídeo mostra petista agredindo um policial. População se revoltou contra ele e o agrediu. Caso ocorreu em 2019.

Uma das pautas que mais têm dominado o debate público é a que trata da violência urbana. Para as pessoas que defendem, por exemplo, a flexibilização das regras para posse de armas, os tempos mudaram. Muitas dessas pessoas estão compartilhando um vídeo em redes sociais (como o Facebook, Twitter e Instagram) e WhatsApp.

As imagens (que não serão exibidas aqui) são acompanhadas de uma narração que aponta que “os tempos mudaram” e mostram um homem tentando agredir um policial para, em seguida, a população se revoltar contra ele. Leia a transcrição do vídeo e a mensagem que circula online:

Transcrição: Olha pessoal, o Brasil está mudando, nunca tinha visto isso. Claro que aqui não tem nenhum petista. Tem patriotas. Veja bem o que acontece. A polícia chega e tem um baderneiro, com certeza é um petista, criando problema. A polícia aborda o cara, fala com o cara com educação, o cara se exalta e ele ameaça a polícia. Veja bem: dois policiais, um carro passando, os curiosos e o cara se exibindo.

Então veja bem o que que vai acontecer. Olha como o Brasil mudou com a entrada de Bolsonaro. Veja bem o que que aconteceu. O cara deu uma porrada no militar e a população simplesmente se revoltou. Olha lá o que que aconteceu na cara do petista. Veja bem. Nunca tinha visto na minha vida. A população desarmada, mesmo assim, pega o canalha, ajuda a polícia. É assim que o Brasil muda. A polícia do lado da sociedade e a sociedade do lado da polícia.

Petista jamais será do lado da polícia. Eles têm uma ideia revolucionária. Pegou o cara, olha que maravilha. Vamos repassar esse vídeo para todos os grupos. É assim que a sociedade tem que fazer. Pessoal, repasse esse vídeo para todos os grupos. Nós temos que mudar a cultura do povo. Quando o bandido fazer isso, a população tem que ir pegar o canalha. É assim que acontece no Chile, EUA, Japão, em qualquer parte do mundo. […]

Mensagem versão 1: PETISTA AGRIDE POLICIAL E A POPULAÇÃO REAGE Versão 2: O Brasil está mudando. O Petista agride o policial, a população se enfurece e pega o cara. População ao lado da polícia. Isso é histórico! Versão 3: O Brasil está mudando, só não vê quem não quer. PTista bandido agride Policial que o aborda, e a população se revolta e ajuda o Policial dando uma surra no safado. Versão 4: Petista agride policial e a população se volta contra ele. Versão 5: PETISTA. AGRIIDE POLICIAL MILITAR E O POVO AGRIDE O PETISTA.

Vídeo de 2019 mostra petista agredindo policial, população se revoltando e o agredindo?

As imagens são impactantes e muita gente saiu compartilhando o vídeo. Só há dois “detalhes” que acabam com todo enredo da história: nem o vídeo é de 2019 tampouco o sujeito das imagens é um petista. Vamos aos fatos.

De início, a mesma coisa de sempre (vamos continuar insistindo até que vocês aprendam a não compartilhar mensagens duvidosas): o post (incluindo a narração do sujeito) tem muitas características de boatos. É vago, alarmista, com erros de português, pedido de compartilhamento e não cita fontes confiáveis. Só isso já mereceria uma segunda checagem.

Ao chegar o conteúdo (fizemos uma busca pela origem do vídeo), matamos a tese de que a filmagem tenha sido feita na “era Bolsonaro”. O vídeo circula na internet desde 2015, época em que Dilma (PT) era presidente.

Mais uma busca e descobrimos que não tem nada “de petista” que agrediu policial. De acordo com essa matéria, um homem descontrolado, que dizia ter um relacionamento com a gerente de uma loja, começou a esmurrar a porta do estabelecimento. Não há qualquer informação de que o sujeito seja petista ou que a motivação da agressão fosse política.

Antes de terminar, só mais um detalhe. Além de a história ser falsa, o narrador afirma que sociedade tem que “pegar” bandido e que países “evoluídos” fazem isso. Além da prática estar mais próxima a locais menos desenvolvidos, o conceito do “cidadão” é errado.

Resumindo: a história que aponta que as pessoas que estão se conscientizando durante o governo Bolsonaro e bateram em um petista que agrediu um policial é falsa. Nem o vídeo é recente tampouco a pessoa que bateu no policial é do PT.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)