Michelle Bolsonaro é professora doutoranda da USP e fez vídeo sobre fascismo #boato

Boato – Esposa de Jair Bolsonaro, Michelle Bolsonaro é professora, fala três idiomas e é doutoranda da USP. Em vídeo viral, ela desabafa sobre “o que é fascismo” para internautas. 

Longe dos debates entre os presidenciáveis, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) ainda está se recuperando das duas cirurgias que passou após o ataque com faca que sofreu no dia 6 de setembro de 2018. Apesar disso, Bolsonaro continua concedendo entrevistas e “viralizando” na internet com suas declarações. Mas parece que o candidato não é o único da família que tem causado frisson nas redes sociais.

De acordo com publicações que circulam no WhatsApp e no Facebook, Michelle Bolsonaro, esposa do candidato, teria chamado a atenção ao gravar um vídeo explicando o que é o fascismo. Ainda segundo os posts, Michelle é professora, faz doutorado na USP, fala três idiomas e, por isso, estaria qualificada para falar no assunto. Confira a mensagem, trechos da transcrição e o vídeo:

Versão 1: “Conheçam a futura primeira-dama do Brasil, Michele Bolsonaro! Professora, doutoranda pela USP e fala 3 línguas oficiais, além da língua dos sinais! Simples como o marido , orgulho para as mulheres desse país”. Versão 2: Conheça a futura primeira dama Michele Bolsonaro, mandando um recado para o nosso Brasil!

Transcrição: “Bom dia a todos! Eu tenho visto várias postagens em todos os cantos, dizendo que não vamos eleger fascistas e nem torturadores. Bom, fascismo, pra mim, e tortura, é não ter hospital e leitos. Fascismo, pra mim, e tortura, é não ter escolas e um nível de educação decente. Tortura e fascismo, pra mim, é não ter segurança, não poder sair à noite. Tortura e fascismo, pra mim, é ver um bandido estuprar e matar e responder em liberdade […]”.

Michelle Bolsonaro é professora doutoranda da USP e fez vídeo sobre fascismo?

Até o momento, o vídeo tem causado bastante repercussão e viralizado nas redes sociais. Mas será que o vídeo é da esposa de Bolsonaro e será que Michelle Bolsonaro tem o currículo apresentado? Pois é. A pessoa que aparece nas imagens não a é mulher do candidato do PSL e o currículo dela foi, digamos, inflado.

Como esposa de uma personalidade que está no centro das atenções da sociedade, Michelle Bolsonaro é uma pessoa bem discreta. Ela não participa de defesas fervorosas de Bolsonaro na internet. A “linha de frente” da família no debate é composta pelo próprio Bolsonaro e pelos filhos Eduardo, Carlos e Flávio (além de internautas como a moça do vídeo, claro). Ou seja, já seria bastante estranho que ela tivesse divulgado um vídeo com falas enfáticas como o apresentado.

E a teoria se confirma quando analisamos uma live realizada pelo candidato do PSL, onde sua família aparece nas imagens. A partir da live, é possível perceber que a mulher que aparece no vídeo não é Michelle Bolsonaro. Compare a imagem de Michelle (que está ao centro da imagem, ao lado de Bolsonaro) com a moça do vídeo (que não conseguimos identificar).

Já deu para ver que o vídeo não é de Michelle. Agora vamos falar sobre a “formação”. O fato é que há poucas informações na internet sobre ela (como falamos, ela é de um perfil discreto). Porém, no texto mais completo que encontramos, é possível ler que Michelle iniciou o curso de Farmácia na Universidade Estácio de Sá (no qual, segundo a instituição, ela não concluiu). Ou seja, ela não é doutoranda e, muito menos, professora.

Por sinal, o último trabalho de Michelle foi como secretária parlamentar na Câmara (foi lá,inclusive, onde ela e Bolsonaro se conheceram). Em relação aos três idiomas, não podemos afirmar se é verdade ou não. A única coisa que podemos apontar é que isso nunca havia sido mencionado. Sobre a linguagem de sinais, esse é o único ponto verdadeiro dessa história. De fato, Michelle está aprendendo a língua. Ela, inclusive, faz algumas saudações na live mostrada acima.

Em resumo: a história que diz que Michelle Bolsonaro gravou um vídeo falando sobre fascismo e atacando o PT é falsa. Michelle não é professora e nem doutoranda da USP. Além disso, a pessoa que aparece nas imagens não é Michelle. A esposa de Bolsonaro, de fato, está aprendendo a linguagem de sinais e quanto aos “três idiomas”, daremos o benefício da dúvida (pelo menos, por enquanto). Sendo assim, não compartilhe! Até a próxima.

PS: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, no Facebook e WhatsApp no telefone (61) 991779164.

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)