Maria do Rosário diz que perdoaria estuprador se fosse estuprada #boato

Boato – Deputada Maria do Rosário disse, no Twitter, que perdoaria o estuprador se um dia ela fosse estuprada.

Na semana anterior à esta postagem, uma decisão da Justiça chamou atenção. O STJ condenou o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e indenizar a também deputada Maria do Rosário (PT-RS) em R$ 10 mil. O motivo foi ele ter falado que ela “não merecia ser estuprada”.

Pois bem. Se você acha que o caso se encerrou com a decisão da Justiça, está enganado. Desde então, os “fãs” de Bolsonaro têm travado uma batalha na internet com quem aplaudiu a multa. No meio disso, uma história surgiu para “fortalecer” a argumentação de quem simpatiza com o provável candidato em 2018.

Um print de um tuíte de Maria do Rosário teria vazado na internet e passou a ser compartilhado no Facebook e WhatsApp. Na postagem, ela teria dito que perdoaria o estuprador caso um dia fosse estuprada. Leia o texto que circula online (em uma versão de postagem de blog):

MARIA DO ROSÁRIO TERIA DITO (NO TWITTER) QUE “PERDOARIA” ESTUPRADOR. Maria do Rosário: Se algum dia eu for estuprada perdoarei o estuprador pois estupradores são pessoas frágeis e desequilibradas que precisam de apoio e carinho.

A mensagem acima circula pelas Redes Sociais e eu não tenho a mínima ideia se é VERDADEIRA ou se foi MONTAGEM. Supondo que a mensagem seja autêntica, cabe o seguinte comentário:

Muito bem, Deputada! Perfeito. A senhora pode “perdoá-lo” e até casar com ele (se assim o desejar). O problema é a senhora querer que todas as outras mulheres brasileiras sigam seu exemplo se forem estupradas…

Maria do Rosário diz que perdoaria estuprador se fosse estuprada?

A imagem passou a ser compartilhada por muita gente nas redes sociais (até alguns famosos). Mas será mesmo que Maria do Rosário chegou a publicar este texto? A resposta é não. Vamos aos fatos.

Apesar de a história ter circulado com força, a deputada não deu tal declaração. O primeiro ponto que desvenda a farsa é o fato de a mídia (que está em cima da polêmica entre Bolsonaro e Maria do Rosário) não ter falado nada sobre a declaração. O segundo é não existir um link que comprove a tal mensagem. Só há o print.

O terceiro ponto é que a própria Maria do Rosário negou a informação. Na própria página do Facebook dela é possível ver ela desmentindo a informação em comentários. Leia:

É um post falso, uma montagem. Obrigada! Maria do Rosário é autora da Lei 12.798/2013, que prevê aumento da pena para crimes sexuais, classificando como hediondo o crime de favorecimento da prostituição ou de outra forma de exploração sexual de criança ou adolescente ou vulnerável.

Resumindo: a história que fala que Maria do Rosário publicou um texto falando que perdoaria o estuprador se fosse estuprada é falso. Trata-se de uma montagem que viralizou na internet.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de Germano Barros e de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 99331-6821.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)