Lula vai para uma penitenciária, acabou o “mimimi” #boato

Boato – Desembargador recomendou transferência do ex-presidente Lula da Superintendência da PF para penitenciária em julho de 2019.

Sem dúvida alguma, a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi um dos assuntos mais comentados em 2018. Pouco mais de um ano após sua prisão (realizada no dia 7 de abril de 2018), o nome de Lula voltou à tona.

Com o vazamento de conversas pessoais entre o ministro da Justiça Sérgio Moro (responsável pela condenação de Lula) e o juiz federal que coordena a Operação Lava Jato Deltan Dallagnol, a prisão do ex-presidente da República ganhou mais um capítulo.

E, de acordo com uma história que anda circulando nas redes sociais, parece que nem o vazamento das conversas será suficiente para salvar Lula. Segundo as publicações, um desembargador teria recomendado a transferência do ex-presidente para uma penitenciária em julho de 2019 e ele iria para uma penitenciária. Confira:

“E seguindo o pensamento do delegado, o desembargador Fernando Paulino da Silva Wolff Filho, também, não quer o ex-presidente na sede da PF em Curitiba. Além de proibir atos em frente à PF, pró ou contra Lula, a fim de garantir os direitos dos moradores do local, o desembargador Fernando Paulino da Silva Wolff Filho recomendou a transferência de Lula para uma cadeia de verdade”.

Lula vai para uma penitenciária e o “mimimi” acabou?

A internet ficou movimentada com a suposta transferência de Lula da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba (PR), para uma penitenciária e inundada de comentários a favor e contra a decisão. Mas o que pouca gente se perguntou é se essa história é verdadeira. A resposta? O caso é antigo e não é exatamente como parece.

Vamos lá! O teor da informação tem todas as características para se tornar notícia. Não é só isso. Trata-se de uma notícia com grande destaque e potencial para ser manchete em qualquer veículo de comunicação. Entretanto, não existe nenhuma fonte confiável que replicou a informação e ateste a veracidade da mesma.

Ao buscar pelos detalhes da história, descobrimos que a recomendação, de fato, é verdadeira. Porém, não é recente. Ela utiliza dados de publicações de fevereiro de 2019, quando o desembargador citado no caso, ao “desmontar a vigília Lula Livre”, de fato, fez a recomendação da transferência.

Na época, a notícia até teve repercussão, porém, assim como citamos anteriormente, a decisão não passava de uma recomendação (uma vez que o responsável por isso é a vara de execuções penais).

Vale ressaltar que, antes disso, o próprio Supremo Tribunal Federal (STF) se posicionou contra a transferência de Lula para um presídio antes do julgamento relacionado à prisão em segunda instância.

Vale destacar também que ainda não há previsão para a pauta ser apreciada. Dessa forma, o ex-presidente Lula segue detido na Superintendência da Polícia Federal.

Por fim, na época que a recomendação foi divulgada, a história de que Lula estaria prestes a ser transferido para uma penitenciária foi desmentida por sites de fact-checking brasileiros. De acordo com a apuração, a Polícia Federal e o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) desmentiram a informação. Segundo o TRF-4, o pedido de transferência cabe à Vara Federal de Execuções.

Em resumo: a história que diz que o ex-presidente Lula será transferido para uma penitenciária é falsa. A informação se baseia no posicionamento de um desembargador (que fez uma recomendação,em fevereiro de 2019) e foi divulgada como algo iminente. Passado alguns meses, quando o assunto já havia caído em esquecimento, alguém recuperou o caso e deu (assim esperamos) um último suspiro à história. Ou seja, não passa de boato. Não compartilhe!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)