Lula expulsou jornalista norte-americano Larry Rohter do Brasil em 2004 #boato

Boato – O ex-presidente Lula expulsou do Brasil o jornalista norte-americano Larry Rohter, do New York Times, em 2004. O motivo foi a publicação de uma matéria no jornal na qual Rohter afirmava que Lula bebia demais. 

O vazamento dos supostos áudios de autoridades públicas do país continuam gerando burburinho na internet, principalmente depois de um grupo de hackers ter grampeado os telefones de Sérgio Moro e até do presidente da República, Jair Bolsonaro.

Por este motivo, alguns internautas pró-governo, revoltados com a situação, decidiram “desenterrar” uma suposta história envolvendo o ex-presidente Lula, de meados de 2004, no qual ele teria expulsado do Brasil o jornalista norte-americano Larry Rohter, do jornal New York Times, por conta de uma matéria falando sobre o seu consumo excessivo de álcool, afirmando que “Lula bebia demais”.

Na realidade, as publicações que estão circulando pelas redes sociais contando essa história surgiram quase como uma “justificativa” para o Bolsonaro expulsar o Glenn Grenwald, o jornalista responsável pela divulgação recente dos supostos áudios da Operação Lava Jato. Veja as três versões de textos que viralizaram e estão sendo compartilhadas no Facebook. Além dessas, um blog simpático ao Bolsonaro também publicou a informação:

Versão 1: Em 2004, Lula expulsou do Brasil o jornalista americano Larry Rother do The New York Times por ter dito em uma matéria que o presidente bebia demais. Glenn Greenwald chamou Bolsonaro de “fascista”, “cretino” e ainda divulgou conversas da investigação Lava-jato adquiridas por meios ilegais. O atual presidente não fez nada. Qual deles é o verdadeiro inimigo da liberdade de imprensa?

Versão 2: “LULA EXPULSOU JORNALISTA DO BRASIL” O AMERICANO “LARRI ROHTER” DO NEW YORK TIMES, PORQUE PUBLICOU EM 2004, UMA MATÉRIA, SOBRE O ABUSO DE LULA COM A CACHAÇA .. 

Versão 3: FORA DO BRASIL, PALHAÇO! #DeportaGreenwald Você se lembra? Em 2004, Lula expulsou do Brasil o jornalista americano Larry Rohter. Motivo? O jornalista disse que Lula se excedia no consumo de álcool. Agora, um “jornalista” americano, com o apoio de um deputado federal, ameaça a segurança do Brasil invadindo celulares de diversas autoridades do governo. O delinquente internacional continuará agindo livremente? Ele não merece estar em um país verde e amarelo.

Lula expulsou jornalista norte-americano Larry Rohter do Brasil em 2004?

É claro que uma história contando que Lula teria expulsado um jornalista durante o seu governo, por escrever que ele “bebia demais”, viralizaria na internet. Mas será que toda essa história realmente aconteceu? Lula expulsou mesmo Larry Rohter do Brasil? A resposta é não! E nós te contamos o porquê a partir dos seguintes fatos…

O primeiro deles é que, apesar de a história ter circulado muito na internet, há um erro crasso: Lula até ordenou a retirada do visto do jornalista norte-americano após a publicação da matéria falando do seu consumo de álcool (veja aqui). Ordenou, mas não foi obedecido. Mais do que isso, Larry não chegou a ser expulso do país.

Na ocasião, o jornalista do New York Times conseguiu um salvo-conduto do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que assegurou a sua permanência no país. De acordo com o ministro responsável pela decisão, Peçanha Martins, “no Estado Democrático de Direito não se pode submeter a liberdade (de ir e vir de um estrangeiro, por exemplo) às razões de conveniência ou oportunidade da Administração”. (Leia mais sobre a decisão aqui nesse link).

Depois disso, a imprensa também “caiu matando” no caso, com pressão ao governo e várias críticas a Lula, como você pode ver aqui e aqui. Foi aí que o governo decidiu revogar o pedido de cancelamento de visto de Larry Rohter (leia na reportagem da Folha de S. Paulo).

Além disso, esse boato, que omitiu a revogação do cancelamento do visto de Larry, já foi desmentido recentemente em diversos veículos e canais de comunicação com credibilidade, como é o caso do jornal Estadão (leia aqui).

Resumindo: A história que está circulando pelas redes sociais de que o ex-presidente Lula teria expulsado o jornalista norte-americano Larry Rohter do Brasil foi mal contada. Na verdade, Larry não chegou a ser expulso do país. Um salvo-conduto do STJ garantiu a sua permanência no Brasil e, após críticas, o próprio governo Lula revogou o pedido de cancelamento de visto do jornalista. Ou seja, ele continuou por aqui.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164. 

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)