Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Política > Lula falou sobre PIB e feriados, mas não decretou fim de dias de folga no Brasil

Lula falou sobre PIB e feriados, mas não decretou fim de dias de folga no Brasil

Lula decretou o fim dos feriados no Brasil para aumentar PIB, diz boato (Foto: Reprodução/TikTok)

Boato – O presidente Lula resolveu acabar com os feriados no Brasil para aumentar o PIB do país.

  Análise

No dia 10 de novembro, o presidente Lula deu uma declaração que chamou atenção e gerou reações de opositores. Em uma reunião com ministros, ele disse que os ministros terão, no máximo, cinco dias de folga.

Durante a fala, ele citou que o ano teve “muito feriado prolongado” e, ao anunciar que 2024 terá menos feriados, declarou que o PIB (Produto Interno Bruto) deve crescer mais no ano que vem. 

Vídeo: é falso que Lula foi flagrado beijando Suzanne von Richtofhen

A partir daí, o vídeo da declaração dele começou a circular com legendas que apontam que o presidente havia decretado o fim de feriados no Brasil para que o PIB do país melhores. Leia algumas das mensagens que circulam online:

Versão 1: Lula quer acabar com os feriados para melhorar o PIB e vira chacota nas redes! Versão 2: Lula vai acabar com os feriados em 2024 Versão 3: Pronto a novidade da vez agora é acabar com os feriados Versão 4: Lula vai acabar com os feriados em 2024

Checagem

Na parte da checagem do conteúdo, vamos responder às seguintes questões: 1) Lula, de fato, falou sobre feriados nacionais o PIB do Brasil? 2) É verdade que Lula decretou o fim dos feriados no Brasil? 3) Por que o Brasil terá menos feriados em 2024?

Lula, de fato, falou sobre feriados nacionais o PIB do Brasil?

Sim. Na reunião, ele fez uma espécie de “brincadeira” (não tão brincadeira) com os ministros dizendo que eles teriam poucos dias de folga. A partir daí, ele citou que o ano teve “muito feriado prolongado” e fez a correlação com 2024, que terá menos feriados.

É verdade que Lula decretou o fim dos feriados no Brasil?

Não. Em nenhum momento, a reunião com os ministros definiu que o ano de 2024 terá menos feriados para ver se o PIB aumentará no país. Na realidade, a única coisa que ele definiu foi que, no recesso de fim de ano, os ministros terão férias de “5 dias, 3 dias” e vão voltar a trabalhar. Um recesso de fim de ano como os que ocorrem em algumas empresas.

Por que o Brasil terá menos feriados em 2024?

Com certeza não é por conta de uma determinação de Lula. Apesar de o governo definir os pontos facultativos e feriados no serviço público por meio de um decreto sempre nos finais de ano, a definição do que é feriado se dá por meio de leis aprovadas no Congresso e sancionada por presidentes. Naturalmente, 2024 terá mais feriados no fim de semana (já que 2023 teve mais feriados perto do fim de semana). A tendência é que 2025 também tenha menos feriados prolongados.

Antes de terminar, uma coisa: não é um completo absurdo apontar que a quantidade de dias úteis impacta no PIB do país (dias com menos movimentação impacta na produtividade e consumo). Só se trata de uma sacanagem com o trabalhador citar isso (talvez os patrões gostem da fala).

Conclusão

Fake news ❌

Apesar de Lula ter falado em PIB e feriados, não há qualquer decreto que acabe com os feriados em 2024. O ano que vem terá menos feriados por outros motivos (principalmente de calendário).

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610)