Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Política > Lista mostra processos e crimes de ministros do governo Lula #boato

Lista mostra processos e crimes de ministros do governo Lula #boato

Lista mostra processos e crimes de ministros do governo Lula, diz boato (Foto: Reprodução/Facebook)

Boato – Vazou uma lista com todos os processos e crimes cometidos por ministros do governo Lula. Silvio Almeida, por exemplo, responde a 542 processos.

Faltando cerca de uma semana para o início do novo governo, mais da metade dos ministros de Lula já são conhecidos. E, pela primeira vez, estamos vendo uma fake news para muitos dos nomes escolhidos pelo futuro presidente da República.

Uma lista de “crimes” que haviam sido cometidos pelos futuros ministros de Lula começou a vazar na internet junto com comentários como “graças a Deus o amor venceu o ódio”, “Juntos, os ministros de Lula somam mais de 2.000 processos na Justiça” e outras.

Dentro os ministros, chama atenção o número de protestos atribuídos ao futuro ministro dos Direitos Humanos Silvio Almeida (542 processos), ao futuro ministro da Justiça Flávio Dino (277) e ao futuro ministro da Educação Camilo Santana (261). Leia a mensagem que circula online:

Graças a Deus que o amor venceu o ódio Ministério Nome Crimes Ministério das Relações Institucionals Alexandre Padilha  132 processos Secretaria-Geral da Presidência Márcio Macedo 48 processos Advogado-Geral da União Jorge Messias 59 processos Ministério da Saúde Nisia Trindade 5 processos Ministério da Educação Camilo Santana 261 processos Ministério de Gestão e Inovação Esther Dweck O processos

Vídeo: é falso que Lula, Gleisi e Haddad tiraram foto com líder do Hamas

 Ministério dos Portos e Aeroportos Márcio França 71 processos Ministério das Ciências e Tecnologia Luciana Santos 17 processos Ministério das Mulheres Cida Gonçalves O processos Ministério do Desenvolvimento Social Wellington Dias 109 processos Ministério da Cultura Margareth Menezes 39 processos Ministério do Trabalho Luiz Marinho 230 processos

Ministério dos Direitos Humanos Silvio Almeida 542 processos  Controladoria-Geral da União Vinicius Carvalho 36 processos Ministério da Fazenda Fernando Haddad 41 processos Ministério da Defesa José Múcio Monteiro 12 processos Casa Civil Rui Costa 70 processos Ministério da Justiça Flávio Dino 277 processos Ministério das Relações Exteriores Mauro Vieira 15 processos BNDES Aloizio Mercadante 24 processos

Lista mostra processos e crimes de ministros do governo Lula?

O que não faltou foi gente compartilhando a lista e jogando adjetivos para os futuros ministros do governo Lula. Porém, a lista de crimes em questão está errada em diversos níveis.

A primeira coisa que resolvemos fazer foi tentar descobrir a metodologia para a tal lista de processos e crimes dos ministros de Lula. Não demorou muito para descobrirmos que ela foi feita de uma forma simples: alguém pegou o nome do ministro e jogou no site Jusbrasil.

De fato, ao fazer o exercício aparecem as tais quantidades de processos de cada um dos citados. E aí começaram os erros na apuração de “crimes”.

O primeiro erro está em utilizar a palavra crime em todos os processos citados na mensagem. Primeiro porque um processo não significa que uma pessoa, de fato, cometeu um crime. Ao contrário, a pessoa só é considerada culpada depois de condenada pela Justiça.

O segundo erro está na classificação dos “processos” que estão dentro do site Jusbrasil. Nem todo o processo em que aparece o nome da pessoa, aponta que ela é ré. Ela pode ser a acusadora ou parte do processo como testemunha ou como advogado. O site em questão faz um rastreio em tribunais de todos os processos relacionados a um nome.

O terceiro está em um detalhe que não foi levado em conta: existem pessoas com o mesmo nome. Sendo assim, nem todos os processos são, de fato, de uma pessoa. Podem ser de outras. Ao começar a fazer as buscas, começamos a perceber que os números não são válidos com a tal metodologia.

Vamos verificar o nome de Silvio Almeida. Há, de fato, 548 processos com o nome em questão. Porém, há processo em que o “Silvio Almeida” é a parte que está acusando e a processos em que o nome nem está entre as partes. Para além disso, encontramos processos com parte do nome (só o Almeida) está na lista de partes. E não há garantia quais desses são do novo ministro (que se chama Silvio Luiz de Almeida).

No caso de Flavio Dino, de fato, homônimos são mais raros (o nome dele é Flávio Dino de Castro e Costa). Mas novamente, vimos processos em que o ex-governador do Maranhão não é réu. Vimos, também, processos em que o nome dele aparece no âmbito da Justiça Eleitoral (muito encerrados ou solucionados com “direitos de resposta”). Ou seja: não dá para dizer que são de crimes.

A mesma coisa ocorre com Camilo Santana. Há processos em que ele é a parte impetrante (muitos em âmbito eleitoral). Também há processos em que ele não é nenhuma das partes. Mais uma vez, não é possível afirmar que são a lista de crimes.

Resumindo: a metodologia entrega que a lista “de crimes” que está circulando na internet não é válida. Com isso, podemos fizer que os números de “crimes” que circulam na lista em questão são falsos. O “escândalo” não passa de mais uma fake news que circula na internet.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.

 – Siga-nos no Facebook http://bit.ly/2OU3Zwz
 – Siga-nos no Twitter http://bit.ly/2OT6bEK
 – Siga-nos no Youtube http://bit.ly/2AHn9ke
 – Siga-nos no Instagram http://bit.ly/2syHnYU
 – Grupo no WhatsApp http://bit.ly/2oQa6tD
 – Lista no Telegram https://bit.ly/2VSlZwK
 – Siga-nos no TikTok https://bit.ly/3yPELWj
 – Siga-nos no Kwai https://bit.ly/3cUbEso
---
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe o nosso link