Pular para o conteúdo
Você está em: Página Inicial > Política > Israel não pediu desculpas a Lula após fala do presidente brasileiro sobre guerra

Israel não pediu desculpas a Lula após fala do presidente brasileiro sobre guerra

Israel pediu desculpas a Lula, diz boato (Foto: Reprodução/Twitter)

Boato – Israel, por meio do diplomata Jonathan Peled, pediu desculpas a Lula após fala presidente brasileiro sobre guerra com Hamas.

Análise

A fala de Lula sobre a guerra de Israel com o Hamas ainda tem gerado muito conteúdo em redes sociais. De um lado, opositores do presidente tentam explorar a fala e diminuir a popularidade dele. De outro, simpatizantes mais fieis buscam relativizar a declaração e apontam que não “foi bem assim”.

No grupo favorável a Lula, tem se espalhado uma teoria que aponta que até Israel já se convenceu que o “presidente do Brasil está certo”. A prova estaria em um vídeo e diversas mensagens que apontam que Israel teria pedido desculpas a Lula.

Vídeo: É falso que vacina da gripe tenha "vírus do câncer"

Nas publicações, é dito o seguinte termo “Hoje, Israel voltou atrás e pediu desculpas a Lula” e é explicado que isso teria ocorrido por meio do diplomata Jonathan Peled e o motivo seria a importância do Brasil na balança comercial do país.

Além disso, são passados alguns dados que apontariam que o governo brasileiro seria um “bom cliente” de Israel, que todos estariam pedindo cessar-fogo por conta de Lula e que a fala não foi bem assim e não gerou tanta crise. Leia algumas das mensagens que circulam online:

Versão 1: Israel pede desculpas oa presidente Lula Versão 2: Ao contrário, ao invés de LULA se desculpar, Israel pede desculpas ao LULA , chora gado louco Versão 3: Hoje, Israel voltou atrás e pediu desculpas pro Lula

Checagem

Para realizar a checagem do conteúdo, vamos responder às seguintes questões: 1) É verdade que o governo de Israel pediu desculpas a Lula após declarações sobre a guerra? 2) Qual é o contexto da fala de Jonathan Peled sobre Lula e Brasil? 3) Os outros dados apresentados na mensagem estão certos?

É verdade que o governo de Israel pediu desculpas a Lula após declarações sobre a guerra?

Não. Ao contrário do que apontam as mensagens, Israel não pediu, em nenhum momento, desculpas a Lula. A posição do governo do país é, por sinal, contrária a isso. Eles cobram que o presidente do Brasil peça desculpas pela fala sobre a guerra (algo que também não vai acontecer).

Mesmo a fala de Jonathan Peled, de caráter mais conciliador, não tem um pedido de desculpas ao presidente brasileiro.

Qual é o contexto da fala de Jonathan Peled sobre Lula e Brasil?

O Ministério das Relações Exteriores, por meio de Jonathan Peled, se posicionou em relação ao Brasil na última quinta-feira (6 de março de 2024).

Em certo momento, ele, de fato, deu a declaração que gerou a interpretação errada de pedido de desculpas a Lula. Ele falou em “restaurar as relação com o Brasil” (como mostra essa matéria do UOL). Porém, foi só.

Como mostram esta outra matéria do UOL sobre o evento e este conteúdo da CNN Brasil, Peled manteve o tom alto em relação ao presidente do Brasil. Ele disse, entre outras coisas, que Lula “retribuiu” a ajuda a brasileiros com “declarações antissemitas” e que “a opinião pública do Brasil é contrária a fala de Lula”.

Os outros dados apresentados na mensagem estão certos?

Os dados estão certos, mas a interpretação está errada. É enganoso falar que o Brasil mais compra do que vende de Israel. Esta matéria mostra que o Brasil mais exporta do que importa de Israel. 

Além disso, há ilações na relação da fala de Lula com o posicionamento de que é preciso um cessar-fogo na Faixa de Gaza. O pedido para que Israel não ataque inocentes é ponto pacífico na comunidade internacional. O que gera polêmica é a citação ao Holocausto.

Por fim, não é possível dizer que a fala de Lula não gerou impacto algum. Só o fato de a oposição brasileira estar explorando (e, em alguns casos, distorcendo) a fala mostra que não foi uma boa ter se posicionado daquela maneira.

Conclusão

Fake news ❌

Não é verdade que Israel pediu desculpas a Lula pela fala do presidente brasileiro sobre Israel. Trata-se de uma interpretação enviesada da fala de Jonathan Peled sobre o assunto.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected] e WhatsApp (link aqui: https://wa.me/556192755610).