Informação errada: presidente do Paraguai elimina Bolsa Família

Presidente do Paraguai teria eliminado Bolsa-Família
Presidente do Paraguai teria eliminado Bolsa-Família

Boato – Governo do Paraguai decide acabar com as bolsas tudo que é coisa no país

Não é de hoje que os programas de assistencialismo do governo brasileiro como o Bolsa Família geram opiniões divergentes sobre o assunto. Ao mesmo tempo em que é defendido por alguns, é condenado por outros. Dessa forma, o tema sempre ganha destaque nas redes sociais e sempre causa debates fervorosos entre os internautas.

Em mais uma postagem que trata do polêmico tema, uma imagem do presidente do Paraguai que anuncia o fim dos programas de bolsas no país.

Como vocês podem ver, o presidente teria informado a eliminação das bolsas e justificado a decisão. De acordo com ele, o programa “cria vagabundos e eterniza a pobreza”. Depois dessa suposta declaração, o caso ganhou repercussão no Brasil e reacendeu as discussões sobre o Bolsa Família. Um dos textos que acompanham a foto do presidente do Paraguai fala que o Brasil deveria seguir o exemplo. Leia o texto:

“Isto é EXATAMENTE o que o presidente do PARAGUAY está fazendo. Ele está ELIMINANDO os “vales-e-bolsas-tudo-que-é-coisa” do Paraguay. Coisa que o bispo sem-vergonha vinha implantando sistematicamente, utilizando o dinheiro do povo para ganhar votos. Exatamente como o PT, com LULA e DILMA, fazem de forma desmedida no Brasil.

Foi uma atitude digna e sábia, e que ao mesmo tempo gerou revoltas por parte dessa parcela da população, que inclusive tinha deixado de trabalhar para viver da “mensalidade” que o governo repassava, já que eles “não conseguiam” trabalhar para ganhar o seu sustento.. (qualquer semelhança não tem nada a ver com a classe pobre do Brasil que insiste em não procurar emprego para continuar tendo direito às “bolsas” que o governo dá..).”

No entanto, a informação não é verdadeira. Primeiro, porque o atual presidente do Paraguai é Horário Cartes e a foto que aparece circulando na rede é do ex-presidente Federico Franco, que terminou seu mandato em agosto de 2013.

Além disso, um programa similar do Bolsa Família já está em funcionamento no Paraguai e as relações entre o Brasil e o país vizinho estão se estreitando para realizar em parceria o combate contra a pobreza e a miséria.

Como o sistema de assistencialismo do Paraguai não funciona muito bem, o Brasil apresentou a sistemática do “Bolsa Família” como forma de melhorar a identificação dos beneficiários e a formação de cadastros para o repasse dos recursos. Concluímos então, que a informação é falsa e que o programa do “Bolsa Família” não vai ser cancelado no Paraguai. Como sempre, não acredite em tudo o que vê.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)