Indulto de Natal de Temer foi editado para tirar Lula da cadeia #boato

Boato – Decreto de indulto de Natal de Temer tem objetivo de tirar Lula da cadeia. Se o STF não derrubar o indulto, Lula ficará livre. 

2018 está chegando ao fim e muita gente já está apostando que grande parte dos brasileiros vai sentar no dia 31 de dezembro e pensar: “rapaz, que ano!”. O fato é que 2018 mexeu com muitas emoções. Em um ano de Copa do Mundo, quem roubou a cena em 2018, mais uma vez, foi o cenário político. Após eleições disputadas e tensas, esse ano não poderia terminar de outra forma.

Segundo publicações, dessa vez, a “bomba” ficou por conta do presidente Michel Temer. De acordo com as postagens, o decreto de indulto de Natal editado por Temer em 2017 e que está sendo apreciado pelo STF neste ano teria, na realidade, o objetivo de tirar o presidente Lula da cadeia. Confira:

*INDULTO DISFARÇADO PARA SOLTAR LULA, O MAIOR LADRÃO DA HISTÓRIA MUNDIAL.* *Voces sabiam que este indulto, tira o Lula da cadeia e este processo acaba?* *Não é saidinha de Natal não!!!* *Se informem , pois é SUPER IMPORTANTE.* *Nós todos que lutamos para o fim da corrupção no Brasil, não podemos deixar de apoiar o Ministro Fux do STF neste momento.* *Ao pedir “vista”, retirou da votação, praticamente aprovada pelos demais Ministros do STF, que não estão nem aí para o povo Brasileiro.*

*Se o Ministro Fux não devolver o processo até o próximo ano, Temer não terá como indultá-los.* *Bolsonaro já afirmou que no seu governo indulto não existirá.* *Espalhem esta mensagem de apoio ao Ministro Fux, que está sofrendo grandes pressões.* *Concordo e estou repassando.* *O STF está provocando pra saber até onde a indiferença do povo Brasileiro aguenta.* *Estou fazendo a minha parte.* *Faça a sua também!* *Ajude acabar com a impunidade no nosso país.* *Repasse! Repasse! Repasse!*

Indulto de Natal de Temer foi editado para tirar Lula da cadeia?

A informação deixou muita gente indignada e causou rebuliço nas redes sociais. Mas será que o decreto de indulto de Natal de Temer seria capaz de tirar Lula, que está preso desde abril, da prisão? A resposta é não. E se você quiser mais detalhes, então, continua lendo!

Vamos lá! Para começo de história, a mensagem segue aquele velho roteiro de boatos online: é alarmista, possui erros de português, não cita fontes confiáveis e pede por compartilhamentos. E, bem, assim como outras fake news que andam circulando por aí, a história de hoje mistura um fato verdadeiro (o julgamento do indulto de Temer pelo STF) com outra informação falsa.

Dois detalhes derrubam a tese proposta pela publicação. A primeira delas é que, de acordo com o decreto de indulto de Natal de Temer, estariam livres apenas aqueles que já tivessem cumprido um quinto da pena por crimes não-violentos. Como sabemos, o ex-presidente Lula foi preso em abril de 2018 (ele está preso há 8 meses) e foi condenado a 12 anos de reclusão. Logo, ele não se beneficiaria do indulto.

O segundo ponto é que o indulto é de 2017. Naquela época, Lula sequer estava preso (o julgamento contra o ex-presidente ainda estava acontecendo). Ou seja, é impossível soltar alguém que não está nem preso, não é mesmo? Portanto, Lula não seria contemplado.

Entretanto, apesar do ex-presidente não poder ser solto, de acordo com as informações desta matéria do G1, 22 dos 37 condenados na operação Lava Jato poderiam sair da cadeia se o decreto fosse reeditado em 2018. Vale dizer que o presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse que o indulto de Temer “será o último”. 

Em resumo: a história que diz que o decreto de indulto de Natal de Temer tem o objetivo de tirar Lula da prisão é falsa! O indulto, se aprovado pelo STF, não poderia beneficiar o ex-presidente Lula. Ele teria que já ter cumprido um quinto de sua pena e estar preso em 2017. Sendo assim, #boato. Não compartilhe!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Compartilhe este artigo:
error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)